Governador da Bahia anuncia concurso público com 2 mil vagas para a Polícia Militar

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Nesta segunda-feira (9/5), o governador da Bahia, Rui Costa, anunciou um novo concurso público com a oferta de 2 mil vagas para a Polícia Militar do estado. 

A confirmação foi feita em um vídeo publicado nas redes sociais do chefe do executivo estadual. Na publicação, Rui confirma que mais 1.600 ainda se formarão do último edital e entrarão em treinamento – completando mais 2.700 para reforçar o estado. 

Veja o vídeo aqui!

Segundo a legenda do post, a autorização foi anunciada durante a solenidade de formatura dos soldados da Polícia Militar, na Vila Militar dos Dendezeiros. “Prometi e cumpri que quando esta turma se formasse, abriríamos este novo concurso. E assim queremos que, no próximo ano, os aprovados já possam iniciar o curso de formação”, diz Costa.

“Conforme tinha anunciado anteriormente no concurso anterior, assim que nós tivéssemos a 1ª turma formada, nós iniciaríamos um novo concurso. Então, neste momento eu anuncio um novo concurso da Polícia Militar para mais 2 mil vagas”,completa.

O governador afirma que o concurso será feito ao longo deste ano de 2022. A intenção é formar a turma do próximo edital em seguida à formação da turma que vai começar, com 1.600. Por fim, ele diz que a PM e a Secretaria de Administração (Saeb), a partir de agora, entrarão em uma rotina de preparar e realizar este concurso.

Caso chame os 917 aprovados e, em seguida, de mais 1.600, totalizando 2.700 novos policiais, o governador zera o cadastro de reserva do último concurso.

Para quem não lembra, o último edital da PM BA trouxe 1.250 vagas, sendo mil para a PM e 250 para o Corpo de Bombeiros. No caso da PM, as vagas foram distribuídas em 900 para homens e 100 para mulheres. 

Para os interessados, o concurso da Polícia Militar da Bahia para o cargo de soldado costuma exigir nível médio completo; mínimo de 18 e máximo de 30 anos completos; altura mínima de 1,60m para homens e 1,55m para mulheres; e carteira nacional de habilitação na categoria B.

As contratações são feitas sob o regime estatutário, que garante estabilidade empregatícia.  

Último concurso

O edital do concurso público lançado pela Polícia Militar da Bahia foi publicado em 2019, junto ao edital do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (PMBA e CBM/BA). As chances foram para o cargo de soldado. No total, foram oferecidas 1.250 oportunidades.

Para a PM foram destinadas mil vagas, sendo 900 para homens e apenas 100 para mulheres. Já para o Corpo de Bombeiros são 250 oportunidades, sendo 207 para homens e apenas 43 para mulheres.

Para concorrer foi preciso ainda ter no mínimo 18 anos e no máximo de 30 anos de idade, completos na data fixada para matrícula no curso de formação; estatura mínima de 1,60m para homens, e 1,55m para mulheres; além de Carteira Nacional de Habilitação, de categoria B. 8

Depois dessas etapas, os candidatos aprovados se tornaram aluno do curso de formação e recebem, a título de bolsa, o equivalente a um salário mínimo (R$ 998, na época). Já a remuneração inicial após a aprovação no curso, segundo o edital, é de até R$ 3.410,68, com gratificações, para 40h semanais de jornada de trabalho.

O Certame chegou a ser suspenso em 2020 devido a um entrave na Justiça. Mas foi retomado 3 meses depois

 

Bolsonaro promete mais 2 mil vagas em concurso da PRF e da PF

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Os editais dos concursos PF e PRF oferecem 3 mil vagas, sendo 1.500 para cada corporação. O presidente também já havia prometido conceder reajustes às categorias este ano, mas recuou. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), prometeu aumentar o número de convocados em concursos da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A conversa sobre o assunto ocorreu com apoiadores que o questionaram nesta segunda-feira (2/5), na saída do Palácio da Alvorada. 

Diante dos presentes, Bolsonaro telefonou para o ministro da Justiça, Anderson Torres, pedindo um “aditivo” para ampliar as vagas. Com previsão de chamamento de 3 mil novos agentes, o presidente quer, agora, que sejam 5 mil, para as duas corporações.

Inicialmente, o chefe do Executivo ligou para o secretário de Desburocratização da pasta, Caio Paes de Andrade.”Aprovou o PLN 01, ok? Aquele concurso da PF e PRF, como é que está aí? Qual o máximo que você pode botar lá, de aproveitar gente, lá? Legalmente? 535? Ok, pode ver e me retornar agora?”, pediu ao telefone.

O presidente se dirigiu, então, a uma apoiadora com classificação insuficiente para ser convocada: “São 535, pega [a sua classificação]? Estamos salvando quem pode. Nós fomos muito além do concurso, tá?”, apontou.

Em seguida, Bolsonaro entrou em contato com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

“Você pediu quantas vagas para a PF e a PRF, que está lá com o Caio? Qual o teu pedido para cada Força? Se tu passar para mil para cada lado, acha que dá para resolver? Então, faz um aditivo aí e pede mil vagas para cada, já que tu está no limite teu. Pode ser? Acabei de falar com o Caio, fala com o Caio, você também, para resolver essa parada aí. Foi aprovado o PLN. Tem como formar, este ano, essa turma toda? Tem. Então valeu, valeu”, concluiu.

Desde o ano passado, Bolsonaro prometeu conceder reajustes às categorias de agentes da PF, PRF e Depen (Departamento Penitenciário Nacional) ainda este ano, mas recuou e, agora, estuda um aumento de 5% a todos os servidores federais.

O que pode acontecer com isso?

A partir de agora, os candidatos devem esperar que Anderson Torres faça a publicação formal da portaria autorizando a chamada dos aprovados, sendo 1.000 na PF e 1.000 na PRF.

Em seguida, ambas as corporações devem organizar a convocação para a nova turma do Curso de Formação. Ainda não há previsão ou prazos para conclusão dessas possíveis novas turmas.

Em abril, Bolsonaro já havia conversado com apoiadores e sinalizado que tinha acertado chamar mais mil, sendo 500 em cada polícia.

“O que está acertado são mais de 500 [candidatos a serem nomeados] para PF e 500 para PRF. Está fechado, acertei com a Economia, está tudo certo. Não tem como não dar certo”, disse Bolsonaro, na época.

Concursos PF e PRF

Os editais dos concursos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Federal (PF) ofertam, juntos, de 3 mil vagas, sendo 1.500 para cada corporação. 

No concurso PRF, todas as oportunidades são para o cargo de policial rodoviário federal. Para se candidatar é necessário ter nível superior em qualquer área e ter carteira nacional de habilitação (CNH) na categoria B ou superior.

Já o concurso PF tem oferta de 1.500 vagas imediatas e efetivas, que também exigem nível superior. Os cargos possuem jornada de trabalho de 40 horas semanais e a distribuição das vagas imediatas por cargo confirmada é a seguinte:

  • Agente de polícia  – 893 vagas
  • Escrivão de polícia  – 400 vagas;
  • Papiloscopista policial federal  – 84 vagas;
  • Delegado de polícia  – 123 vagas.

 

Deputado cobra realização de novo concurso para a Polícia Civil de Goiás

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Goiás

Deputado Humberto Teófilo exige edital. A cobrança foi feita em reunião com o Delegado Geral Dr. Alexandre Pinto Lourenço. O anúncio foi publicado nas redes sociais.

Proposta do deputado e delegado Humberto Teófilo (PP DF), apresentada em reunião com o Delegado Geral Dr. Alexandre Pinto Lourenço, na segunda-feira (18/4), reivindica o lançamento do edital para a Polícia Civil de Goiás

Teófilo usou de suas redes sociais para anunciar o pedido. De acordo com o deputado, a solicitação para a realização do certame tem urgência e é embasada na “ luta em favor de uma Segurança Pública cada vez mais forte”. 

Em dezembro do ano passado, o governador do estado, Ronaldo Caiado (Democratas), autorizou o provimento de 470 vagas imediatas (350 agentes, 100 escrivães e 20 papiloscopistas). Na época foi afirmado que a previsão para a nomeação dos aprovados é para outubro de 2022.

Recentemente a PM GO teve dois editais lançados no qual é ofertado quase 1600 vagas.  As inscrições para a carreira de soldados ainda estão abertas e se encerram no dia 30 de maio. Já as inscrições para oficiais e cadetes serão abertas no dia 4 de maio e ficarão disponíveis até o dia 6 de junho, em ambos os casos as mesmas são feitas por meio do  site da banca

Em relação ao último concurso da Polícia Civil de Goiás, foi em 2018, na época a banca organizadora foi o Núcleo de Seleção da Universidade Estadual de Goiás (UEG). O processo seletivo foi realizado em duas etapas: prova objetiva, prova discursiva.

Concursos PF e PRF: Ministro da Justiça encaminha proposta para mais aprovados

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Governo federal, Ministério da Justiça, Nomeação, Polícia Federal, PRF, segurança

Karolini Bandeira*- Nas redes sociais, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, informou que encaminhou à Presidência uma proposta que afasta os limites impostos pelo decreto n. 9.739, e, portanto, pode favorecer os excedentes nos concursos da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal (PF e PRF) e nomear mais aprovados.

“Atenção, #AprovadosPRF2021 e #AprovadosPF2021, encaminhei hoje à Presidência, a proposta de decreto q afasta excepcionalmente os limites do decreto 9739/19, fortalecendo ainda mais as @policiafederal e @PRFBrasil. Aos policiais penais, estou atento à situação de vcs também!”

O decreto n. 9.739, também conhecido como cláusula de barreira, causa indignação entre aprovados da PF e PRF desde 2021. A medida impede o chamamento de novos excedentes e, de acordo com a comissão de aprovados da PF, durante o concurso, causou a eliminação 875 candidatos aptos em outras etapas do certame.

O decreto limita a quantidade máxima de candidatos aprovados ao dobro da quantidade de vagas. Se a proposta de Torres for aprovada pelo presidente Jair Bolsonaro, o limite deve ser invalidado e mais convocações poderão ser permitidas.

Os concursos

O concurso da Polícia Federal teve edital lançado no dia 15 de janeiro de 2021. Após ser suspenso em razão da pandemia, as provas foram realizadas no dia 23 de maio. A seleção ofereceu, ao todo, 123 vagas para delegado, 893 para agente, 400 para escrivão e 84 papiloscopista. A remuneração é de R$ 23.692,74 para o cargo de delegado e  R$ 12.522,50 para os cargos de agente, escrivão e papiloscopista.

Já o concurso da PRF abriu 1.500 vagas para o cargo de policial, de nível superior. O salário inicial de profissionais da PRF é de R$ 9.899,88, para jornada de trabalho de 40 horas por semana. Foi registrado um total de 303 mil inscritos — desta forma, a seleção contou com uma concorrência de 202 candidatos por vaga. O certame foi composto por prova objetiva, prova dissertativa, Teste de Aptidão Física (TAF) e exames complementares.

*Estagiária sob supervisão de Mariana Fernandes

Concurso PMAC: projeto pretende aumentar idade para ingresso

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

A medida vale para a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros Militar do estado do Acre

Jéssica Andrade – Nesta quarta-feira (2/2) o governador do Acre, Gladson Cameli, encaminhou para a Assembleia Legislativa do estado (Aleac) um projeto de lei para aumento da idade máxima para ingresso na Polícia Militar de 30 para 32 anos.

O texto ainda retira a exigência do bacharelado em direito para os candidatos a oficiais militares. A proposta é que o requisito passe para formação superior em qualquer área.

O deputado estadual Pedro Longo, líder no governo na Assembleia, pediu apoio dos demais parlamentares para aprovação do projeto no curto prazo.

Pedro Longo também anunciou a convocação de mais de 180 aprovados nos cadastros de reserva dos concursos para PM e Polícia Civil.

A medida também é válida para o Corpo de Bombeiros do estado, que teve edital publicado em janeiro de 2022. Mas ainda não se sabe se, com a aprovação do PL, os requisitos do concurso serão modificados e pessoas com 32 anos poderão se inscrever.

A informação foi passada após um parecer jurídico da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) em resposta a um pedido do Executivo sobre as vacâncias.

“Um quantitativo que vai atender o conjunto daquele cadastro de reserva. A PGE entende que é possível a convocação desde as vacâncias de 2014. Uma luta travada por todos nós e pelo governo que resultou nessa conquista importante para esses jovens que terão seus sonhos realizados”, disse o parlamentar.

Último concurso PMAC foi realizado há 4 anos

O último concurso PMAC teve seu edital publicado em março de 2018 e ofertou 1.250 vagas para soldados. As oportunidades foram distribuídas em diversas áreas, e puderam participar candidatos com ensino médio ou médio/técnico completo.
Para os cargos de nível médio foram 240 vagas. Dessas, 230 foram para soldado combatente, sendo 184 destinadas a homens e 46 a mulheres. As outras dez foram para músico.
Já para os cargos de nível médio/técnico a oferta foi de dez vagas de soldado de saúde. Foram cinco oportunidades para técnicos de enfermagem e cinco para auxiliar de saúde bucal. Na época, a remuneração inicial era de R$3.319,12, além de outos benefícios, tais como:
– adicional para soldado de R$ 537,60;
– complemento de salário-mínimo de R$ 399,40;
– risco de vida de R$ 914,95;
– atividade integral de R$ 707,91;
– gratificação operacional de R$ 187,83;
– e alimentação de R$ 571,43.

A jornada de trabalho para os servidores é de dedicação exclusiva.

Concurso PCBA terá edital ‘nos próximos dias’, diz Rui Costa

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

O certame já está autorizado e tem comissão formada. Ao todo, são oferecidas 1000 vagas, com remuneração inicial de até R$ 4.374

Jéssica Andrade – Durante a cerimônia de abertura do ano Legislativo, o governador da Bahia, Rui Costa,  afirmou que o edital do concurso da Polícia Civil do estado deve ser divulgado ‘nos próximos dias’. 

O chefe do executivo baiano esteve presente na cerimônia, na última terça-feira (1º/2) e falou sobre novas contratações: “Só no meu governo, foram admitidos mais de 10.177 policiais via concurso, nas três carreiras. Mais 3 mil policiais militares ingressarão este ano. Realizaremos, ainda, mais um concurso com vagas para a Polícia Civil”, disse Rui.

Esta não é a primeira vez que o governador divulga um prazo para o certame. No entanto, para que o edital saia nos próximos dias, a Polícia Civil da Bahia ainda precisa anunciar a banca organizadora.

PCBA vai oferecer 1000 vagas

O concurso da Polícia Civil baiana foi autorizado no segundo semestre de 2021. A oferta anunciada foi de 1.000 vagas em cargos de nível superior, com remuneração inicial de até R$4.374:

  • 800 para agentes;
  • 100 vagas de delegado; e
  • 100 vagas para escrivão; 

Rui informou que já concedeu aval para a Secretaria da Administração do Governo do Estado da Bahia (Saeb) dar início aos preparativos. “Autorizei ontem a Saeb, junto com a Secretaria de Segurança Pública, para iniciar os preparativos de fazer o concurso neste segundo semestre de cerca de mil vagas para a Polícia Civil”, disse Rui Costa.

Último concurso

O último concurso da PCBA foi realizado em 2018 e também ofertou 1.000 vagas, sendo 880 para o cargo de investigador, 82 para delegado e 38 para escrivão. As remunerações iniciais na ocasião foram de R$ 1.074 a R$ 4.374, a depender da ocupação. Os inscritos passaram por provas objetivas e discursivas, exames biomédicos, teste de aptidão física, exame psicotécnico, provas de títulos e investigação social e de conduta pessoal. A seleção foi organizada pela banca Vunesp, confira!

Concurso PMDF de soldado é autorizado com 2.100 vagas

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

As vagas são para Praças Policiais Militares Combatentes. Agora, a corporação deve formar a banca organizadora para elaborar o cronograma e, por fim, publicar o edital

Jéssica Andrade – Atenção, concurseiros que pleiteiam a carreira policial! A Secretaria de Economia do Distrito Federal autorizou um novo concurso público para o provimento de 1200 vagas de soldado da Polícia Militar do Distrito Federal (PM DF).

A portaria que autoriza a seleção foi publicada no Diário Oficial da União, nesta quinta-feira (3/2). Com isso, o edital pode estar iminente.

O documento, assinado pelo secretário da Economia, José Itamar Feitosa, confirma a seleção de 2.100 vagas de Praças Policiais Militares Combatentes – QPPMC, com a previsão de ingresso a partir do mês de setembro de 2023.

Agora, a corporação deve formar uma comissão interna para dar início à escolha da banca organizadora. Com a banca contratada, ela deve, junto à corporação, elaborar o cronograma das etapas e, por fim, o edital deve ser publicado.

A portaria ainda delega à PMDF as competências necessárias para que o concurso seja viabilizado e, dessa forma, não dependerá mais de trâmites da pasta ou de outros setores.

Dessa forma, a corporação tem autonomia para agilizar os preparativos da seleção. Sem a necessidade de autorização de secretarias, a PMDF pode publicar o edital em tempo ágil. O que é interessante para o órgão, já que há muito tempo há vacâncias no quadro de soldados da corporação.

Requisitos

Para se tornar um Policial Militar do Distrito Federal é necessário nível superior, idade entre 18 e 30 anos e carteira de habilitação na categoria B. Além disso, no último edital foi exigida altura mínima de 1,65m (homens) e 1,60m (mulheres).

Oficiais da Saúde

Recentemente a PMDF também recebeu autorização para o concurso de oficiais da área da saúde. Segundo o documento, estão autorizadas 46 vagas para oficiais do quadro de saúde. Além disso, já foi delegada à PMDF a competência necessária para a realização do concurso.
A corporação não confirmou um prazo para a publicação do edital. Mas especialistas estimam que o documento seja publicado no segundo semestre de 2022. Assim como para o cargo de soldado, a portaria que autoriza o concurso na área da saúde prevê o provimento dos cargos a partir de janeiro de 2023.

O certame já era bastante aguardado pelos concurseiros, pois o último concurso da Polícia Militar do Distrito Federal na área da saúde ocorreu há 10 anos, em 2012. Para saber mais sobre quais expectativas rondam este novo certame, o Papo de Concurseiro conversou com a  coordenadora da área de concursos de Saúde do Gran Cursos Online, Fernanda Barboza, que deu dicas de como se preparar para a seleção. Confira aqui!

Último concurso PMDF

A Polícia Militar do Distrito Federal abriu um concurso para soldados em 2018, com 2 mil vagas. Mais de 50 mil pessoas se inscreveram na seleção.
Também foram contempladas oportunidades para músicos, com 18 vagas para especialista em corneta e seis para clarineta, saxofone, trompa, trompete e trombone tenor/baixo.
A remuneração inicial foi de R$ 6.095,41 para soldados e de R$ 4.119,22 para músicos, incluindo o auxílio-alimentação de R$ 850.
Os candidatos passaram por sete etapas: prova objetiva, redação, avaliação física, exames biométricos e avaliação médica, sindicância de vida pregressa, avaliação psicológica e curso de formação.

Polícia Penal do Ceará não deve ter concurso em 2022

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, segurança

Karolini Bandeira*- A Segurança do Ceará não deve ter concurso público para policiais penais por agora. Em entrevista à Rádio CBN, o secretário de Administração Penitenciária, Mauro Albuquerque, informou que estudos estão em andamento e o certame deverá ser solicitado apenas em 2023.

“Nós estamos fazendo alguns estudos e estamos pretendendo solicitar para o governador por volta do ano de 2023”, esclareceu Albuquerque.

No último concurso, realizado em 2017, a Polícia Penal do Ceará ofertou 1.000 vagas, sendo 850 vagas para homens e 150 para mulheres. As oportunidades eram todas de nível médio e, na época, a remuneração inicial era de R$ 3.747,29.

O último concurso teve seis fases avaliativas: provas objetivas, inspeção de saúde, avaliação de capacidade física, avaliação psicológica, investigação social e funcional e, por último, curso de formação profissional. O certame foi organizado pelo Instituto AOCP.

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Fernandes

LOA 2022 prevê mais de 1.500 vagas para provimento na PMDF, PCDF e CBMDF

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Distrito Federal, GDF, Governo federal, PCDF, PMDF, Polícia civil, segurança

Karolini Bandeira*- O texto da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2022 prevê mais de 1.500 vagas para a Polícia Militar e Civil do Distrito Federal (PMDF e PCDF) e para o Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF). O orçamento foi sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro na segunda-feira (24/1).  Segundo o documento, para a PMDF serão 736 vagas, para a PCDF são 500 vagas e para os Bombeiros, 355. Todas as vagas mencionadas são para provimento.

Os cargos em provimento são aqueles que já tiveram concursos realizados, esperando a nomeação, ou que já estão com seus editais autorizados para realização de provas.

Apesar disso, há expectativas para novos concursos nas áreas. Recentemente, a Secretaria de Estado de Economia do Distrito Federal autorizou a realização de um novo concurso público para a Polícia Militar. A nova seleção vai oferecer 46 vagas para cargos de oficiais do quadro da Saúde da corporação.  De acordo com a portaria, os aprovados no certame tem  previsão de ingresso a partir do mês de janeiro de 2023. O provimento dos cargos fica condicionado à disponibilidade orçamentária e financeira no exercício em que se der o ingresso.

A PCDF também confirmou, em 2021, a realização de um novo certame. Segundo o secretário de Economia do Distrito Federal, André Clemente, serão 300 vagas para os cargos de Delegado de Polícia e Agente de Custódia. A divisão é de 50 vagas de provimento imediato para cada cargo, além de 100 vagas para formação do cadastro reserva.

Orçamento 2022

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta segunda-feira (24/1), com vetos, o Orçamento de 2022. No texto estão previstas 43.192 vagas para concursos públicos. Desse total, 4.263 são para criação e 38.929 para provimento. Apesar do expressivo número, vale lembrar que é somente uma previsão para criação ou provimento de vagas este ano, e não uma autorização.

Do total de vagas criação, são 2.117 para o Poder Judiciário e 1.129 para o Poder Executivo. As demais 1.011 vagas estão vinculadas à área de apoio da Defensoria Pública da União (DPU). Já para provimentos, a maioria das vagas previstas está destinada ao Poder Executivo, com 37.090 chances.

Confira a distribuição:

Poder Executivo: 38.219 vagas (37.090 para provimento e 1.129 para criação)

Poder Judiciário: 3.607 vagas (1.490 para provimento e 2.117 para criação)

Poder Legislativo: 63 vagas (todas para provimento)

Defensoria Pública da União: 1.106 vagas (95 para provimento e 1.011 para criação)

Ministério Público da União: 197 vagas (191 para provimento e 6 para criação)

No Poder Legislativo, são 63 vagas para provimento. Dentre elas, 28 são para a Câmara dos Deputados, 19 para o Senado Federal e 16 para o Tribunal de Contas da União.

No Poder Judiciário, das 2.117 vagas de criação, 775 são para a Justiça Federal, 740 para a Justiça Militar da União, 530 para a Justiça Eleitoral, 52 para a Justiça do Trabalho e 20 para o Conselho Nacional de Justiça.

Já no Poder Executivo, as 1.129 chances de criação estão descritas em cargos comissionados de militares. E as mais de 37 mil vagas em provimento estão distribuídas entre 11.126 cargos e funções vagos, 19.272 do banco de professor-equivalente e cargos de técnico-administrativos em educação, 452 cargos comissionados de militares, 4.649 militares e 1.591 do fundo constitucional do Distrito Federal.

A distribuição detalhadas adas vagas está presente no Anexo V da Lei Orçamentária Anual (LOA).

*Estagiária sob supervisão de Mariana Fernandes

Governador de Alagoas autoriza concurso para delegados

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Carreira policial, Polícia civil, segurança

Karolini Bandeira*- O concurso para delegados da Polícia Civil de Alagoas (PCAL) está finalmente autorizado pelo governador, Renan Filho! O aval foi publicado no Diário Oficial do Estado na última sexta-feira (21/1). Em janeiro, o secretário do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques,  anunciou que o edital de abertura sairia ainda este mês.

São previstas 40 vagas para a função de delegado. Para a carreira, é necessário nível superior em direito. A remuneração de delegados da PCAL é de R$ 20.944,97. Segundo o Conselho Superior da PCAL, o concurso contará com as fases de provas objetivas e discursivas, Teste de Aptidão Física (TAF), exames laboratoriais e médicos, avaliações psicológica e de títulos, investigação social e curso de formação policial.

Em entrevista, Marques afirmou que a intenção do Governo de Alagoas é convocar todos os candidatos aprovados no Ciclo de Concursos ainda dentro deste mandato. Com os certames, o Estado deve receber mais de 6 mil novos servidores até o início de 2022.

“Nossa missão é chamá-los imediatamente. Esperamos finalizar toda a seleção até o final do ano para que possamos convocar todos os candidatos até o início do ano que vem. Estamos correndo contra o tempo para selecionar os melhores quadros, que vão nos ajudar a estruturar as políticas públicas para essa década. Com trabalho sério, proximidade e dedicação, é possível mudar a realidade e melhorar as condições de vida do povo alagoano”, pontuou o titular da Seplag.

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Fernandes