Correios estudam realização de novo concurso ainda neste semestre

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

(Foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)

Sílvia Mendonça – Do CorreioWeb   Após receber críticas sobre atraso na entrega de correspondências na região de Campinas/SP, os Correios anteciparam que estão realizando levantamento de necessidade de pessoal para a abertura de novo concurso público. De acordo com informações da empresa, as novas contratações serão por prazo determinado. O edital deverá ser divulgado neste primeiro semestre, mas ainda não é possível definir o número de vagas que serão oferecidas.   Segundo a empresa, os atrasos registrados na região de Campinas/SP devem-se ao encerramento do contrato de mão de obra temporária, somado ao aumento da carga postal no início do ano. Os Correios também esclareceram que já está em andamento um processo de licitação para contratação de nova empresa fornecedora de mão de obra temporária para atender, de imediato, a demanda das áreas atingidas.   Além disso, a empresa também informou que, para garantir o serviço, foram adotadas ações como a redistribuição da carga, realocação de empregados entre cidades e unidades, realização de serviço extraordinário, trabalho aos finais de semana e mutirões.

Justiça Federal suspende concurso sem reserva de vagas para deficientes e negros

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

  Sílvia Mendonça – Do CorreioWeb   A Justiça Federal suspendeu o concurso para professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA). De acordo com a decisão, o edital da seleção não assegura a cota de vagas para pessoas com deficiência (entre 5% e 20%) e para negros (20%). Até que seja reservado o percentual mínimo estabelecido em lei, levando em consideração as vagas já existentes e aquelas a serem criadas, o certame continuará parado.   Caso a decisão não seja cumprida, o Instituto deverá pagar multa diária no valor de R$ 2 mil. Atualmente, as inscrições estão encerradas. O IFMA deverá, ainda, deixar clara no edital a forma como as vagas reservadas serão preenchidas. O edital oferece, ao todo, 210 vagas.

Ministério Público de São Paulo vai abrir concursos com 179 vagas neste mês

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

  Lorena Pacheco – Do CorreioWeb   Dois editais de concurso para o Ministério Público de São Paulo (MPSP) estão confirmados para este mês. A informação é do setor de recursos humanos do órgão. Serão oferecidas, ao todo, 179 vagas para quem tem nível superior em direito.   Serão abertas 99 chances e cadastro reserva para o cargo de analista de promotoria I (assistente judiciário). O salário inicial é de R$ 2.304,68, além de gratificação de R$ 2.914,59. Outras 80 vagas são destinadas ao posto de promotor de justiça substituto, com remuneração de R$ 22.740,16. Serão aplicadas provas objetivas e discursivas.  

Comissionados ocupam irregularmente cargos de técnico da Procuradoria-Geral do DF

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

(Foto: Evandro Matheus/Esp. CB/D.A Press)

Lorena Pacheco – Do CorreioWeb   De acordo com inquérito civil, aberto pelo Ministério Público, 28 cargos de técnico jurídico estão sendo ocupados por servidores comissionados, de maneira irregular, na Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF). Esses funcionários ingressaram no órgão sem passar por concurso público e exercem atividades que deveriam estar sendo feitas pelos aprovados na última seleção pública da procuradoria, aberta em 2010.   Em defesa dos concursados, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios expediu uma recomendação ao governador Rodrigo Rollemberg, e à procuradora-geral do DF Paola Aires, para que a nomeação dos candidatos aprovados a técnico da PGDF seja priorizada. Porém, o prazo de 20 dias concedido pelo ministério para que a procuradoria se manifeste por escrito sobre o caso está quase no fim (a recomendação foi expedida em 2 de fevereiro).   Ao CorreioWeb, a assessoria da PGDF afirmou que o órgão já recebeu a recomendação e está analisando a viabilidade das nomeações, “considerando a necessidade de ampliação do quadro de servidores e, também, as limitações impostas pela Lei de Responsabilidade Fiscal em razão da atual situação financeira do GDF”.   Porém, para a titular da 5ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e Social, Juliana Santili, a atual crise financeira do GDF não deve justificar a preterição dos candidatos aprovados. “As nomeações para cargos em comissão revelam o reconhecimento, por parte da PGDF, da necessidade do preenchimento do cargo efetivo de técnico jurídico por servidores concursados. A mera expectativa de direito à nomeação dos aprovados se transforma em direito subjetivo à nomeação, como reiteradas vezes já decidiu o Superior Tribunal de Justiça”, defende.   De acordo com o edital do concurso, foram oferecidas 46 vagas imediatas para o cargo de técnico jurídico de apoio administrativo. Na época, 32.319 candidatos se inscreveram para as provas. A remuneração do posto é de R$ 4.013,93.

Com informações do MPDFT.

Bombeiros/RN abrirá dois concursos para oficial e soldado

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

(Foto: Diulgação/CBM-RN)

Sílvia Mendonça – Do CorreioWeb   O Corpo de Bombeiros Militar de Rio Grande do Norte (CBM/RN) confirmou ao CorreioWeb que lançará dois novos concurso públicos. A previsão é de que os editais saiam ainda neste primeiro semestre. O Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural Assistencial (Idecan) será a banca organizadora dos certames.   O primeiro edital oferecerá 20 vagas para o cargo de oficial, enquanto o segundo contemplará 100 oportunidades para soldado. De acordo com o departamento de recursos humanos da corporação, os salários dos aprovados, pós curso de formação, pode variar em torno R$ 2.600 (oficial) e R$ 6 mil (soldado). Os valores são referentes ao salário base da carreira, mas podem aumentar.

Proposta fixa novos parâmetros para remuneração de policiais federais e da PCDF

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

(Foto: DPF/Divulgação)

Da Agência Câmara   Em análise na Câmara dos Deputados, a Proposta de Emenda à Constituição PEC-445/2014 do deputado Cleber Verde (PRB-MA) e outros, fixa parâmetros para a remuneração da carreira de policial federal e da carreira de Polícia Civil do Distrito Federal.   Segundo Verde, esses servidores possuem papel fundamental e estratégico para o País. “Portanto, a proteção e a valorização dessas carreiras deverão constar na Constituição Federal para garantir uma remuneração digna e estável em favor dos seus integrantes”, afirmou.   De acordo com o texto, o subsídio do grau ou nível máximo da carreira de policial federal e da carreira de Polícia Civil do DF não será inferior a 80,25% do subsídio mensal dos ministros do Supremo Tribunal Federal. Já a remuneração inicial dos integrantes dessas carreiras não será fixada em valor inferior a 57% da remuneração máxima.   Conforme a proposta, a implementação desse parâmetro remuneratório será feita em até dois exercícios financeiros, contados a partir do exercício financeiro da publicação da medida.   A proposta será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania quanto à admissibilidade. Caso seja aprovada, será examinada por uma comissão especial criada especialmente para essa finalidade. Em seguida, será votado pelo Plenário da Câmara.   Concurso aberto Se a proposta for aceita, o aumento na remuneração já poderá ser usufruído pelos aprovados no novo concurso da Polícia Civil do Distrito Federal. As inscrições ainda estão abertas. São 417 vagas para delegados, peritos e papiloscopistas. Os salários chegam a R$ 15,3 mil, segundo o edital de abertura. Participe aqui.

Iphan solicita concurso público com 415 vagas

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

(Foto: Monique Renne/CB/D.A Press)

Do CorreioWeb   O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) está aguardando autorização Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para a abertura de novo processo seletivo. A estimativa é que 415 vagas sejam oferecidas para os cargos auxiliar institucional, analista e técnico. As lotações dos cargos ainda são desconhecidas.   Para os que pretendem concorrer ao cargo de nível médio, o cargo oferecido é o de auxiliar institucional. Já para os cargos de analista e técnico, o candidato precisa ter formação superior.   O último concurso do Iphan foi organizado pela Fundação Universa e aconteceu em 2009. Na ocasião foram abertas 187 vagas, 117 para nível superior e 70 para nível médio. Os postos foram distribuídos entre as cidades de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Mariana (MG), Vitória, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, São Miguel das Missões (RS), Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, Aracaju, Fortaleza, João Pessoa, Maceió, Recife, Natal, Salvador, São Luiz, Teresina, Parnaíba (PI), Belém (PA), Boa Vista, Macapá, Manaus, Palmas, Porto Velho e Rio Branco.

Concurseiros do DF aproveitam o feriado para mergulhar nos livros

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

 

“Meu namorado é meu companheiro nos estudos e estamos juntos nesse feriado revisando a matéria. Após a aprovação, poderemos brincar vários carnavais”, diz Yohana (Foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)

Antonio Timoteo – Do Correio Braziliense   Enquanto milhares de brasilienses fazem folia e lotam os blocos de rua por todo o Distrito Federal, alguns têm se dedicado aos estudos durante o carnaval. O sonho de ser aprovado em um concurso público e conquistar a estabilidade financeira levou muitas pessoas a abrirem mão da festança para continuar a rotina de leitura de livros e apostilas. Com isso, a agremiação dos concurseiros lotou bibliotecas e salas de cursinho em toda a cidade.   Formado em administração pela Universidade de Brasília (UnB) desde julho de 2014, Erick Gob de Sousa, 23 anos, estuda para concursos desde que recebeu o canudo. Para se dedicar somente aos livros em tempo integral, ele conta com a ajuda dos pais, que são servidores. Nos últimos seis meses, Sousa manteve à risca o planejamento traçado: de segunda-feira a sábado passa o dia fazendo leituras e resumos. Nem no Natal descansou. O único dia livre é o domingo.

Essa é a primeira vez que o jovem abdica do carnaval, mas garante que não é um sacrifício. Para ele, a qualidade de vida que terá após a conquista de um bom emprego compensa qualquer festa a que deixará de ir nos próximos meses. Sousa pretende prestar exames para a Controladoria-Geral da União (CGU), para o Tribunal de Contas da União (TCU) e para a carreira de gestor do Executivo. “Alguns amigos não resistiram à tentação e estão pulando carnaval. Minha família e minha namorada me apoiam e estou focado”, diz.

“Alguns amigos não resistiram à tentação e estão pulando carnaval. Minha família e minha namorada me apoiam e estou focado”, acredita Erick Gob de Souza, que estuda todos dias, com exceção do domingo (Foto: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)  

Rotina

Deixar a folia de lado não é uma novidade para a Yohana Guimarães, 23. Há um ano e seis meses mantém uma rotina diária de estudos. E já foi recompensada. Três meses após se formar em direito, passou no concurso para agente da Polícia Civil do DF. O alvo agora é ser aprovada no exame para delegada.   A corporação publicou edital que abre 100 vagas e outras 100 para cadastro de reserva. O salário é de R$15.370,64

Com a proximidade da prova, prevista para ocorrer em 10 de maio, ela aproveitou o feriado prolongado para focar na análise do conteúdo que será cobrado no certame.

A dedicação da jovem e os resultados alcançados impressionaram o namorado, que também passou a estudar. Na opinião dela, trocar o carnaval por livros e apostilas não é um sacrifício e sim um investimento de longo prazo. “Antes, eu ficava em casa e ele saía com os amigos. Agora meu namorado é meu companheiro nos estudos e estamos juntos nesse feriado revisando a matéria. Após a aprovação, poderemos brincar vários carnavais”, afirma.

Muitos concurseiros estão concentrados porque têm provas marcadas para as próximas semanas. Os exames do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e da Fundação Universidade de Brasília (FUB), por exemplo, ocorrerão em 1ª de março.

O concurso para agente penitenciário da Segurança Pública do DF tem aplicação prevista para 19 de abril. O de delegado da Polícia Civil ocorrerá em 10 de maio.

Tribunal de Contas/RN vai abrir concurso para auditor

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

  Do CorreioWeb   A comissão responsável pela organização do próximo concurso do Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte (TCE/RN) já foi escolhida. A informação, confirmada pela assessoria de comunicação do órgão, é de que o cargo oferecido será o de auditor, com remuneração inicial de R$ 25.260,20. Serão duas vagas disponíveis. 

Para se candidatar ao cargo é necessário ter curso de graduação nas áreas ciências contábeis, ciências jurídicas, economia ou administração, além de dez anos de experiência profissional nas respectivas áreas. A idade exigida para o cargo é de 35 a 65 anos.   Entre as atribuições do cargo está a substituição dos conselheiros em caso de vacâncias, ausências, impedimentos, licenças ou outros afastamentos legais dos respectivos titulares.

Projeto cria 973 cargos para técnicos, analistas e oficiais no TRT-15

Publicado em Deixe um comentárioSem categoria

  Da Agência Câmara   A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 8256/2014, do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que cria 973 cargos de provimento efetivo no quadro de pessoal da Secretaria do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª Região, com sede na cidade de Campinas (SP) e jurisdição em 599 municípios no interior de São Paulo.   Pela proposta, serão 356 cargos de analista da área judiciária, 90 de oficial de Justiça avaliador federal; 147 de analista judiciário da área administrativa; e 380 de técnico judiciário.   Segundo o presidente do TST, ministro Antonio José de Barros Levenhagen, com o aumento do quantitativo de ações trabalhistas verificado nos últimos anos, inclusive em razão das novas competências atribuídas aos tribunais do Trabalho por meio da Reforma do Judiciário (Emenda Constitucional 45), cresceram, em igual medida, as demandas relativas ao primeiro e segundo graus de jurisdição.   “Estudos realizados pelas áreas técnicas do TRT 15ª Região revelaram defasagem entre a estrutura atual e a necessária”, disse Levenhagen. “O TRT da 15ª Região alega que a organização funcional do tribunal vem sustentando, ao longo de vários anos, o segundo maior volume de processos recebidos no País, superando a significativa marca de 1,2 milhão de processos desde o ano de 2006”, complementou.   Tramitação

De caráter conclusivo, a proposta será analisada pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.