Lagosta, a nobreza do mar, ganha festival no Vila Cinco

Publicado em

Em busca de independência e mais criatividade que permitisse, por exemplo, lançar festivais de novos pratos, como o de lagosta, os quatro proprietários da franquia brasiliense do Mercado 153 trocaram a marca pernambucana pelo Vila Cinco, referência aos proprietários mais o chef Melque Tavares, que se tornou cativo no empreendimento recente.
A nova grife estreou com uma operação reduzida no evento Na Praia. Em setembro, porém, passou a ocupar as instalações contíguas ao Brasília Shopping, mas não ficou limitada em um único endereço. Ocupou também o espaço do Mercado 153 no Aeroporto Internacional de Brasília. Em ambas as casas, estão disponíveis três pratos de lagosta com preço diferenciado. No Brasília Shopping, eles saem por R$ 69,90 cada e no Aeroporto por R$ 79,90, cada.

Três opções

lagosta

Todos os três são confeccionados com a cauda do crustáceo, trazida por fornecedores da Bahia e do Espírito Santo. Denominado a lagosta do Garcia, o pescado vem grelhado no azeite extravirgem escoltado por um delicioso espaguete ao carbonara com molho de pimenta verde. O segundo, lagosta da estação, igualmente grelhado, traz um sabor agridoce pela presença de abacaxi e castanhas no arroz, além de batata roti e redução de açafrão.
A terceira cauda de lagosta grelhada denominada Monterey se difere das demais pela crosta de queijo-do-reino que a cobre. Vem com risoto de funghi. Animado com a aceitação da iguaria do mar, Rubens Dutra, um dos quatro criadores da marca, planeja promover festivais com outras matérias-primas de bom paladar, como camarão. “ O festival do camarão está previsto para janeiro”, informa o restaurateur. Telefone: 3047-8680 (Brasília Shopping).