Divulgação/Dona Berta. Para a coluna Favas contadas, vinhos Dona Berta.

Agora no Brasil você pode encontrar rótulos de vinhas velhas da Dona Berta

Publicado em

Depois de trabalhar por 20 anos na área de comunicação, a carioca Marly Galvão passou a se dedicar a uma paixão que mantém há muitos anos: o vinho. Ano passado, ela criou, no Rio de Janeiro, a importadora Chico Carreiro, cujo nome é uma homenagem ao avô materno, Francisco Salles, conhecido pelo apelido por carrear o gado de uma grande fazenda no interior de Minas. Com a mesma dedicação e garra de Chico Carreiro, a importadora conquistou a confiança dos proprietários portugueses e se tornou representante exclusiva no Brasil da vinícola Dona Berta, no Douro, famosa por suas vinhas velhas de castas tintas e brancas.

Semana passada, Marly trouxe os vinhos a Brasília e quem os apresentou foi o sommelier Marcelo Copello, num menu degustação no Rubaiyat, no qual o destaque foi um vinho 100% varietal de Rabigato, uma das melhores castas brancas portuguesas. Entre os tintos, outro varietal, o Sousão, também conhecido por Vinhão, surpreendeu pela sua enorme concentração de taninos macios. Mais informações no site www.chicocarreiro.com.br ou pelo telefone (21) 2498-7874.