Justiça condena GDF por negar inscrição de candidato com deficiência em concurso

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, GDF, TJDFT

Segundo o juiz do caso, o candidato tem a enfermidade desde o nascimento

Karolini Bandeira*- O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) manteve a sentença da 7ª Vara de Fazenda Pública e anulou a negação da inscrição de um candidato com distrofia muscular, que concorria ao concurso para o cargo de auditor fiscal da Receita do DF, nos cargos reservados a pessoas com deficiência.

De acordo com o profissional, ele havia informado o desejo de concorrer às vagas para pessoas com deficiência à banca organizadora ao efetuar a inscrição. O pedido, entretanto, foi negado pela falta de comprovação da condição pelo laudo médico. Após entrar com recurso, a solicitação foi indeferida novamente porque, segundo o DF, o laudo apresentado não constava o ano de emissão.

O magistrado explicou que o candidato apresentou o laudo exigido e o ano de emissão não constava por equivoco do médico que o liberou. Ainda segundo o magistrado, o candidato tem a enfermidade desde o nascimento. “Considerando que houve uma falha direta do profissional de saúde que atendeu ao autor/candidato, ao não apontar a data completa em que o laudo médico foi subscrito, tem-se que a eliminação do autor ofende aos princípios constitucionais da proporcionalidade e razoabilidade”, concluiu o juiz.

O processo ainda será analisado em 2ª instância. Por fim, o colegiado ressaltou que é “importante considerar que a Lei n° 13.146/2015 tem como norte a promoção, em condições de igualdade, do exercício dos direitos e das liberdades fundamentais por pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania, de modo que a prevalência de conclusão fundada num apego excessivo à regra da vinculação ao edital representaria formalismo imoderado e, igualmente, violação aos princípios da razoabilidade e proporcionalidade”.

 

Entenda a desordem

Segundo o Ministério da Saúde, as distrofias musculares são um grupo de desordens caracterizadas por fraqueza e atrofia muscular de origem genética que ocorre pela ausência ou formação inadequada de proteínas essenciais para o funcionamento da fisiologia da célula muscular, cuja característica principal é o enfraquecimento progressivo da musculatura esquelética, prejudicando os movimentos. Saiba mais aqui. 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco 

Procuradoria-Geral do DF define banca organizadora do próximo concurso

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF

Serão 130 vagas para a carreira de procuradores

Karolini Bandeora*- O próximo concurso público para procuradores da Procuradoria-Geral do Distrito Federal (PGDF) teve banca organizadora definida por meio de ratificação de dispensa de licitação publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (13/9). Conforme documento, o Cebraspe foi o escolhido para organizar o certame.

A comissão organizadora do concurso, responsável por coordenar, acompanhar e promover a sua realização,  foi definida em junho de 2020. Confira aqui!

O concurso foi autorizado em 2020 e irá ofertar, ao tod0, 130 vagas para a carreira de procurador da PGDF. Do total, 65 serão para provimento imediato e 65 para formação de cadastro de reserva. Para concorrer à função, é necessário ter bacharelado em direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Os profissionais contratados deverão atuar em jornada de trabalho semanal de 40 horas para remuneração inicial no valor de R$22.589,59.

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Fernandes

Concursos abertos ou previstos: mês de setembro reserva mais de 4.000 vagas e salários de até R$ 28,8 mil

Publicado em Deixe um comentárioautorização, cadastro reserva, carreira bancária, Carreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF, Governo federal, Saúde, segurança, Tribunal de Justiça

Saiba quais são os concursos previstos, autorizados e abertos neste mês

Karolini Bandeira*- Setembro promete ser um mês com várias oportunidades para os concurseiros! Além dos certames já abertos, grandes instituições prometem abrir novas seleções nas próximas semanas. Os ganhos oferecidos chegam a R$ 28,8 mil! Confira, com a gente, o panorama geral do mundo dos concursos neste mês.

Autorizados

PCDF

O governador Ibaneis Rocha confirmou, por meio das redes sociais, a autorização para os próximos concursos da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF).  Os certames vão oferecer 300 vagas para os cargos de agente de custódia e delegados. A Portaria com a autorização deve ser publicada nos próximos dias no Diário Oficial do DF e a partir daí já se inicia o processo para a contratação da banca organizadora. Confira.

SEDF

A seleção para professores substitutos da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF) foi autorizado e teve banca organizadora contratada. O certame, organizado pelo Instituto Quadrix, irá contratar os professores por formação de cadastro de reserva. Saiba mais!

Polícia Penal do DF

Além de autorizado, o concurso da Polícia Penal do DF teve edital confirmado até novembro! Estão autorizadas 1.179 vagas para o cargo. Do quantitativo, 400 são para provimento imediato e 779 para formação de cadastro de reserva. O cargo exige formação em nível superior em qualquer área e deve oferecer salários iniciais de R$ 4.745.

TCERJ

O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) tem concurso autorizado para procuradores e já formou a comissão organizadora responsável pelo certame. Mais informações sobre o concurso ainda não foram divulgadas.

PMES

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), anunciou, no último dia 11, a abertura de um concurso com 671 vagas para a Polícia Militar, nas funções de praça e oficial. A comissão organizadora do certame já foi definida. Confira aqui a distribuição das vagas!

PGEAM

A Procuradoria-Geral do Amazonas (PGEAM) teve dois novos concursos confirmados em resolução publicada no Diário Oficial do Estado. Um dos certames é para procuradores e outro para servidores do quadro de apoio. A comissão organizadora também já foi definida.

DPE-ES

O concurso da Defensoria Pública do Estado do Espírito Santo (DPE-ES) para defensores foi autorizado e a comissão organizadora foi escolhida. Até o momento, sabe-se que a seleção será dividida em cinco etapas — saiba quais! 

 

Previstos

PCRJ

Em resposta nas redes sociais, o secretário da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ), delegado Allan Turnowski, informou que o concurso público para delegado terá edital divulgado em setembro. O documento irá ofertar 50 vagas para a carreira, que requer nível superior. Os ganhos serão de R$ 18.747,95.

Caixa

A Caixa Econômica Federal irá abrir concurso com 1.000 vagas para pessoas com deficiência. A banca organizadora já foi contratada e o edital está previsto para setembro, com todas as vagas destinadas ao cargo de técnico bancário novo. Os ganhos iniciais são de R$ 3.000, chegando a até R$ 4.486,03 com benefícios. Saiba mais!

DPE-SC

A banca organizadora do próximo concurso público para defensores da Defensoria Pública de Santa Catarina (DPE/SC) foi escolhida e o edital está iminente! O regulamento básico do certame, que define as etapas, também já foi publicado. Veja.

PGE-RS

O edital da Procuradoria Geral do Estado do Rio Grande do Sul (PGE/RS) também está iminente. A última etapa precedente à publicação do edital, o processo de escolha de banca organizadora, foi finalizada no último dia 27. Serão abertas 109 vagas de nível médio e superior para os cargos de procurador (19), analista (59) e técnico administrativo em informática (31).

 

Abertos

PGE-GO

A Procuradoria-Geral do Estado de Goiás abriu concurso com 30 vagas para contratação imediata no cargo de procurador substituto, além da formação de cadastro reserva. O vencimento inicial é de R$ 32.037,13. Inscrições no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), de 2 de setembro a 1º de outubro. Saiba mais!

PMSC

A Polícia Militar do Estado de Santa Catarina (PMSC) visa preencher 723 vagas de nível médio na nova seleção. Os profissionais irão atuar por tempo determinado no serviço de Auxiliar Temporário, com remuneração inicial de R$ 1.017. As inscrições são aceitas pelo site da corporação até 12 de setembro. Veja.

TJSP

O Tribunal de Justiça de São Paulo oferece 266 vagas imediatas para juízes substitutos. As remunerações iniciais da carreira são de R$28.883,97. As inscrições seguem até 17 de setembro, por meio do site da Fundação Vunesp. Saiba mais!

TJGO

O Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) abriu as inscrições do novo edital de concurso público com 292 vagas para cartórios, no cargo de analista judiciário. Para concorrer, é necessário possuir graduação em direito. As inscrições serão aceitas pelo site da Fundação Vunesp até 7 de setembro. Saiba!

TCE-RO

As oportunidades do concurso do Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO) são para o cargo de analista de Tecnologia da Informação. Os profissionais serão selecionados por cadastro de reserva. Os profissionais receberão ganhos iniciais de R$ 9.834,51. Inscrições até 29 de setembro pela FGV. Confira.

TJRO

O Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO) oferta 43 vagas imediatas e cadastro de reserva para analistas e técnicos. Os ganhos dos contratados serão de R$ 5.397,24 a R$ 9.834,51. As inscrições poderão ser feitas de 6 a 29 de setembro, pelo site da FGV. Saiba as etapas.

DPE-MS

A Defensoria Pública do Mato Grosso do Sul (DPE-MS) abre sete vagas para provimento imediato na carreira, com ganhos iniciais no valor de R$ 28.884,20. As inscrições devem ser efetuadas pelo site da FGV de 13 de setembro a 18 de novembro.

 

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Ibaneis anuncia mais 115 nomeações de profissionais da saúde

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF, Ibaneis Rocha, Saúde

Karolini Bandeira*- O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou nas redes nesta terça-feira (31/8), a convocação de mais 115 profissionais de saúde que, de acordo com o governador, irão atuar na linha de frente de clínicas e hospitais do DF. “Desta vez, são mais 53 médicos e enfermeiros e 62 especialistas em saúde pública”, publicou Ibaneis.

Ainda segundo o governador, os novos profissionais nomeados não irão atuar somente no combate à covid-19, como também irão contribuir com o atendimento nas cirurgias dos centros de saúde. “É uma demonstração de competência neste momento tão difícil da vida em nosso país e que vai se refletir na melhoria do atendimento dos cidadãos”, celebrou.

GDF anuncia novas contratações para a Saúde

O Governo do Distrito Federal (GDF) irá convocar, ainda em 2021, 431 novos profissionais da área da saúde. As vagas serão preenchidas por meio de concursos já realizados, em andamento e previstos. Os chamamentos integram um pacote de medidas para impulsionar o atendimento da rede pública de saúde, anunciado no último sábado (28/8).

Serão convocados ao todo 104 médicos, 64 enfermeiros obstetras e 38 enfermeiros de família e comunidade. Para a área de especialistas, serão convocados 35 fonoaudiólogos, cinco economistas, cinco estatísticos e cinco contadores, além de 80 farmacêuticos – que irão atuar na rede de atenção primária com a administração de psicotrópicos e nas farmácias clínica e hospitalar.

SES/DF recebe aval para novo concurso

O secretário da Economia do Distrito Federal, André Clemente, autorizou a abertura de um novo concurso público para a Secretaria de Saúde do DF, com vagas no cargo de técnico em enfermagem e na nova carreira de gestão e assistência pública à saúde. Apesar de o quantitativo de vagas imediatas e provimento de cadastro de reserva ainda não ter sido divulgado, o GDF informou,  durante coletiva de imprensa realizada no sábado, que serão chamados 200 profissionais nos próximos concursos.

Mil vagas temporárias em nova seleção

A SES/DF publicou, nesta terça, o edital de um novo processo seletivo com 1.000 vagas temporárias para agentes comunitários de saúde e agentes de vigilância ambiental. As oportunidades são para todas as regiões do DF. Das 1.000 vagas, serão 500 para agentes comunitários e 500 para agentes de vigilância.

Ambos os cargos têm como requisito ensino médio completo e jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os contratados terão ganhos mensais de R$ 1.700 (agente comunitário) e R$ 2.000 (agente de vigilância). As inscrições serão aceitas pelo site do IBFC, das 10h de 6 de setembro às 23h59 do dia 21 do mesmo mês. O valor da taxa de participação será de R$ 42 para ambas as funções. Confira os detalhes!

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Secretaria de Saúde do DF recebe aval para novo concurso público

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF, Ibaneis Rocha, Saúde

Autorização é para carreira técnica em enfermagem e para nova carreira de gestão e assistência pública à saúde.

Karolini Bandeira*- O secretário da Economia do Distrito Federal, André Clemente, autorizou a abertura de um novo concurso público para a Secretaria de Saúde do DF, com vagas no cargo de técnico em enfermagem e na nova carreira de gestão e assistência pública à saúde. O aval foi publicado no Diário Oficial do DF,  no último sábado (28/8).

Apesar de o quantitativo de vagas imediatas e provimento de cadastro de reserva ainda não ter sido divulgado, o GDF informou,  durante coletiva de imprensa realizada no sábado, que serão chamados 200 profissionais nos próximos concursos — psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, técnicos em enfermagem e gestores e assistentes públicos.

Governador decreta 397 convocações

Além do novo certame, o governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), decretou que a Secretaria da Economia (SEEDF) autorize a nomeação, com urgência, de 397 profissionais da saúde aprovados em concursos realizados. Confira a distribuição de vaga por cargo:

  • 80 Farmacêuticos
  • 53 Administradores
  • 35 Fonoaudiólogos
  • 5 Economistas
  • 5 Estatísticos
  • 5 Contadores
  • 5 Analistas de Sistemas
  • 104 Médicos das especialidades Cirurgia Aparelho Digestivo, Cirurgião Trauma, Endoscopia, Ortopedia
  • 64 Enfermeiros Obstetras
  • 39 Enfermeiros de Família e Comunidade
  • 2 Técnicos de Hematologia/hemoterapia

Leia mais: GDF anuncia novas contratações de servidores para a Saúde

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

GDF anuncia novas contratações de servidores públicos para a Saúde

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF, Ibaneis Rocha, Saúde

As vagas serão preenchidas por meio de concursos já realizados, em andamento e previstos

Karolini Bandeira*- O Governo do Distrito Federal (GDF) irá convocar, ainda em 2021, 431 novos profissionais da área da saúde. As vagas serão preenchidas por meio de concursos já realizados, em andamento e previstos. Os chamamentos integram um pacote de medidas para impulsionar o atendimento da rede pública de saúde, anunciado no último sábado (28/8).

Segundo o GDF, das seleções realizadas, serão convocados 104 médicos, 64 enfermeiros obstetras e 38 enfermeiros de família e comunidade. Para a área de especialistas, serão convocados 35 fonoaudiólogos, cinco economistas, cinco estatísticos e cinco contadores, além de 80 farmacêuticos – que irão atuar na rede de atenção primária com a administração de psicotrópicos e nas farmácias clínica e hospitalar.

Há, em andamento, concursos para médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas. Além disso, o governo vai contratar 100 médicos temporários e 200 psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais, técnicos em enfermagem e assistentes públicos de forma efetiva.

Até dezembro deste ano estarão prontas sete Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e quatro Unidades Básicas de Saúde (UBSs), informou o GDF. O pacote milionário de investimento reserva R$ 46 milhões para a construção e compra de equipamentos nas UPAs de Ceilândia, do Paranoá, do Riacho Fundo II, do Gama, de Planaltina, de Brazlândia e de Vicente Pires, além de R$ 20 milhões para os novos postos de saúde.

De acordo com o governador Ibaneis Rocha (MDB), os órgãos do governo estão trabalhando de forma integrada para um melhor atendimento da saúde no DF. “Nos reunimos na manhã desta sexta-feira (27) com as equipes de várias secretarias para levar resultados positivos o mais rápido possível para a população”, disse o governador.

 

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Secretária de Educação do DF confirma a abertura de três concursos ainda neste ano

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, educação, GDF

SEDF também pretende zerar a lista de aprovados no último certame que aguardam a convocação

Karolini Bandeira*- A Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF) tem concursos com abertura prevista ainda para 2021! Em entrevista ao CB.Poder na última sexta-feira (20/8), a chefe da pasta Hélvia Paranaguá informou que existem três concursos para efetivos e temporários a serem publicados este ano. As oportunidades, segundo a secretária, serão para cargos de magistério e assistência.

“Temos previsão para, este ano, (abrir) três concursos na área de educação: na carreira do magistério público, de assistência à educação e de contrato temporário”, confirmou Paranaguá.

A secretária também comentou sobre as metas para o ensino superior: segundo a representante, até 2022 haverá um novo concurso para contratação de, aproximadamente, 2 mil professores de nível superior para atuação na nova Universidade do Distrito Federal (UnDF).

SEDF planeja zerar lista de aprovados

Também há notícia boa para os professores aprovados no concurso público para efetivos da SEDF de 2016! Hélvia afirmou que o Executivo pretende zerar o banco de profissionais aprovados excedentes que aguardam a nomeação. Até o fim do próximo mês, serão convocados 300 professores e 100 profissionais para a área da assistência.

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

MPT acusa Iges-DF de fazer seleções públicas de “caráter subjetivo e sem transparência”

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF

A procuradora apontou “sérios riscos de seleção com apadrinhamento, nepotismo ou discriminação”

Karolini Bandeira*- O Instituto Gestão Estratégica de Saúde (Iges-DF) foi processado pelo Ministério Público do Trabalho da 10ª Região por realizar processo seletivo sem transparência e de caráter subjetivo. Os desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT-10) decidiram, por unanimidade, que o Instituto não poderá mais abrir seleção de caráter relativo ou não divulgar o edital de abertura com publicação no Diário Oficial da União.

Também foi determinado, pelos desembargadores, que as próximas seleção da instituição deverão possuir, obrigatoriamente, reserva de vagas para pessoas com deficiência no quantitativo de vagas. As provas deverão ser aplicadas em local físico com fiscais, ficando proibida a realização pela internet. O Instituto também deverá garantir a isonomia na contratação, sem discriminação de ex-funcionários candidatos às seleções.

A decisão judicial já está válida e o descumprimento por parte do Iges-DF resulta em multa de R$ 50.000 por dia.

Irregularidades na seleção de 2018

Em 2018 o MPT-10, representado na época pela procuradora Marici Coelho de Barros Pereira, constatou irregularidades no segundo processo seletivo do Iges-DF, ainda denominado Instituto Hospital de Base de Brasília (IHBDF).

Ao analisar o caso, a procuradora encontrou critérios “subjetivos, imprecisos e obscuros”, contendo, segundo a mesma, “sérios riscos de seleção com apadrinhamento, nepotismo ou com atitudes discriminatórias” — como, por exemplo, ausência de reserva de vagas para pessoas com deficiência. A seleção, com seis fases, também permitia a aplicação de provas de forma online e remota.

O juiz Renato Vieira, responsável pelo julgamento do Processo em primeira instância, também questionou a entrevista pessoal feita pelo gestor da área. Para Vieira, “a entrevista é dotada de alta carga de subjetividade, a permitir que o examinador escolha o candidato a partir de suas preferências pessoais”.

 

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Controladoria-Geral do DF forma comissão para próximo concurso

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, GDF

Karolini Bandeira*- Os estudos para a realização de um novo concurso da Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) avançaram! De acordo com Portaria publicada no Diário Oficial do DF nesta segunda-feira (16/8), o secretário de Economia, André Clemente, instituiu o grupo de trabalho com a finalidade de realizar estudos técnicos para a contratação da banca organizadora do certame previsto.

O grupo será composto por representantes da Secretaria de Estado de Economia do DF (SEEDF) e da CGDF. Ainda segundo a Portaria, a coordenação da comissão será exercida por representante da SEEDF, que será deliberada pelo grupo, em momento oportuno.

O certame foi autorizado por Clemente em fevereiro e as vagas serão para o cargo de auditor de controle externo. Apesar de a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do DF de 2021 prever 43 nomeações, a quantidade de vagas oferecidas e as especialidades contempladas ainda não foram confirmadas pela Controladoria.

Último concurso

O último certame da CGDF foi aberto em 2013. Na ocasião, foram oferecidas 60 oportunidades para o cargo de auditor. Do total, 30 foram para a especialidade de finanças e controle e as outras 30 para planejamento e orçamento. Para participar, era requisitado nível superior. Os ganhos iniciais da carreira são de R$ 13,7 mil.

Os inscritos passaram por cinco etapas. Foram elas: prova objetiva, prova discursiva, sindicância de vida pregressa, curso de formação e avaliação de títulos.

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

LDO prevê retomada de concursos públicos no DF, afirma Secretaria de Economia

Publicado em Deixe um comentárioautorização, cadastro reserva, Câmara Legislativa, carreira bancária, Carreira fiscal, Carreira judiciária, carreira militar, Carreira policial, CLDF, comissionado, Concursos, Concursos Públicos, Defensoria Pública, educação, GDF, Lei Orçamentária

Nas redes sociais, a Secretaria de Economia do Distrito Federal reafirmou que a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022 prevê a retomada de concursos públicos. No projeto, existe previsão de despesas para mais de 11,5 mil novos servidores, com a realização de concursos e nomeações de aprovados.

Segundo a Pasta, são concursos para 23 categorias, para vagas em áreas estratégicas do governo e também em setores da administração pública com déficit de servidores por conta de exonerações e aposentadorias. Veja:

– Execuções Penais
– Políticas Públicas e Gestão Governamental
– Procurador do DF
– Atividades de Defesa do Consumidor
– Gestão de Resíduos Sólidos
– Magistério
– Cirurgião-Dentista
– Enfermeiro
– Médico
– Vigilância Ambiental e Atenção Comunitária
– Assistência Pública à Saúde
– Assistência à Eduacação
– Planejamento Urbano e Infraestrutura
– Auditoria de Atividades Urbanas
– Atividades do Trânsito
– Auditoria de controle inteiro
– Auditoria fiscal da Receita
– Desenvolvimento e Fiscalização Agropecuária
– Agente de Polícia
– Escrivão de Polícia
– Apoio às atividades Policiais Civis
– Regulação de Serviços Públicos do DF
– Apoio às atividades jurídicas PGDF

A Secretaria destaca também que os quantitativos e previsões estipulados na proposta da LDO são estimativas e possuem caráter autorizativo. A efetivação das contratações depende de fatores como demanda dos órgãos, comprovação de necessidade de pessoal nas áreas, inclusão da demanda no orçamento de 2022 e, sobretudo, disponibilidade financeira.

E, ressalta também que , em agosto de 2020, o GDF suspendeu todos os prazos de validade dos concursos públicos homologados e vigentes no âmbito da Administração Pública direta e indireta do Distrito Federal, durante a vigência do Estado de Calamidade Pública. Dessa forma, garantiu que o período de pandemia não afetasse a validade dos certames já aprovados ou a posse de aprovados em concursos já realizados. O Decreto nº 40.572/2020 já havia suspendido, por tempo indeterminado, a posse e o exercício de aprovados, com exceção dos profissionais necessários para atuar no enfrentamento da pandemia de covid-19.

Concursos autorizados

Em março, a Secretaria de Economia anunciou a autorização de novos concursos para o Distrito Federal em 14 carreiras.  e informou que número de vagas disponíveis assim como a data das avaliações ainda depende de levantamento dos órgãos. O objetivo é repor as vacâncias e, assim, melhorar a qualidade do serviço prestado à população em diversas áreas, como saúde, educação e segurança.

Na ocasião,  o governador Ibaneis Rocha usou as redes sociais para falar sobre o aval e comentar a importância deles para o cenário atual.  Segundo ele, o número de vagas e as datas ainda serão anunciados e levarão em conta a necessidade de reposição de cada uma das equipes.

“Chegam muitas mensagens e comentários diariamente me perguntando sobre realização de concursos públicos. Tenho uma boa notícia! A Secretaria de Economia liberou a realização de concursos para 14 carreiras. O número de vagas disponíveis e as datas ainda serão anunciadas (1/2). Temos que tomar essa decisão levando em consideração o orçamento e a necessidade de reposição de equipes. Ao contrário dos que me antecederam, que politizaram a realização de concursos, a responsabilidade fiscal é, p/ mim, muito importante!”

Os concursos autorizados são para as seguintes carreiras:

– Apoio às Atividades Policiais Civis;
– Assistência Pública à Saúde;
– Atividade de Defesa do Consumidor;
– Atividades do Trânsito;
– Auditoria de Atividades Urbanas;
– Cirurgião-Dentista;
– Desenvolvimento e Fiscalização Agropecuária;
– Enfermeiro;
– Gestão de Resíduos Sólidos;
– Médico;
– Planejamento Urbano e Infraestrutura;
– Auditoria de Controle Interno;
– Assistência à Educação;
– Magistério