De olho no cronograma! Veja quais concursos vão aplicar provas em junho e julho

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Distrito Federal, Ministério Público

Karolini Bandeira*- Após muitos adiamentos e suspensões, a aplicação de provas presenciais de concursos públicos estão voltando com tudo em diversas regiões. Somente em junho e julho, 13 certames preveem a realização da etapa nos 26 estados e no Distrito Federal. Confira o calendário atualizado de cada seleção abaixo!

Junho

Depen (efetivos): as provas do concurso para 309 profissionais efetivos de médio e superior será realizada em 27 de junho. As etapas  serão realizadas nas 26 capitais das unidades da Federação, no Distrito Federal e nas cidades de Catanduvas/PR e Mossoró/RN. Saiba mais!

Depen (temporários): a seleção para 1.177 servidores temporários da Depen terá provas aplicadas em 13 de junho, em Brasília-DF. Os locais de prova já podem ser conferidos individualmente pelo site da banca Idib. Saiba mais!

Diplomatas: o exame para o concurso de diplomatas, do Itamaraty, será aplicado no próximo domingo (13/6). A etapa será realizada a partir das 9h30 e a partir das 15h em todos estados e no DF. Saiba mais!

PMPR: as provas do concurso público da Polícia Militar do Estado do Paraná com 2.400 também serão aplicadas no próximo domingo, 13 de junho. Das vagas, 2.000 são para soldado policial militar e 400 para soldado bombeiro militar. Saiba mais!

CBMTO: o concurso com 115 vagas para oficiais e praças do Corpo de Bombeiro Militar de Tocantins terá prova aplicada em 27 de junho. Os candidatos deverão acessar o site do Cebraspe a partir do próximo dia 22 para consultar o local de realização. Saiba mais!

Julho

PCPA: são 1.088 vagas concorridas nas carreiras de investigador, escrivão, papiloscopista e delegado na Polícia Civil do Pará. A etapa está prevista para ser realizada em 4 de julho. Saiba mais!

MPDFT: o concurso público para ingresso na carreira de promotor de Justiça adjunto do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) terá provas aplicadas em 4 de julho. A seleção é para formação de cadastro de reserva. Saiba mais!

PCRN (agente e escrivão): para agentes e escrivães, o concurso público da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, com 301 vagas ao todo, será aplicado em 11 de julho. Saiba mais!

PCRN (delegado): candidatos a delegado no concurso da PCRN irão aplicar a etapa em 18 de julho. Para a função, são ofertadas 47 oportunidades. A remuneração inicial da carreira é de R$ 16.670,59. Saiba mais!

MPRS: inscritos no Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul irão aplicar as etapas de prova objetiva e prova dissertativa nas cidades de Porto Alegre, Santa Maria, Passo Fundo, Pelotas e Caxias do Sul em 18 de julho. O certame irá contratar profissionais nos níveis médio e superior. Saiba mais!

Câmara de Teresina: são nove vagas imediatas disputadas. As provas serão feitas em 25 de julho. As oportunidades são para médio e superior, com salário de até R$6.008,70. Saiba mais!

Itep-RN: as provas do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Estado do Rio Grande do Norte (Itep-RN), após adiadas, serão aplicadas em 25 de julho. O concurso abre 276 vagas para profissionais de nível médio e nível superior em seis cargos distintos. Saiba mais!

Pefoce: a Perícia Forense do Ceará (Pefoce) está com inscrições abertas para o novo concurso público, de 510 vagas. As provas escritas estão previstas para 31 de julho e serão feitas em Fortaleza, Iguatu, Juazeiro do Norte, Russas e Sobral. Saiba mais!

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Datas do concurso serão definidas esta semana, informa delegado-geral da PCDF

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Distrito Federal, PCDF, Polícia civil

Karolini Bandeira*- Ainda esta semana poderão ser divulgadas novas informações sobre a retomada do concurso público da Polícia Civil do Distrito Federa (PCDF)l! A informação foi anunciada pelo delegado-geral da instituição, Robson Cândido, em suas próprias redes sociais.

Em comentário feito em publicação, o delegado divulgou que esta semana haverá uma reunião para definir as datas do cronograma do certame. “A PCDF está ansiosa pela chegada de todos(as) vocês”, escreveu o representante.

Reprodução/Redes

Na última semana, o delegado-geral também utilizou suas redes para comentar sobre o certame, suspenso devido à pandemia de covid-19. Na publicação, o policial anunciou que em breve haverá notícias sobre a seleção e aconselhou: “Continuem os estudos!”

O delegado-geral já havia publicado sobre a retomada da seleção em maio. No último dia 23, Cândido anunciou em postagem nas redes que a corporação está “trabalhando para realização dos concursos”.

Advogado fala de retomada das provas em julho

De acordo com o advogado José da Silva Moura Neto, conhecido por tratar sobre concursos públicos e pedir o adiamento das provas da PF e PRF, as provas do concurso da PCDF  podem ser retomadas já no próximo mês.

“Segundo fontes do alto escalão da Secretaria de Economia do Distrito Federal e de servidor da mesma hierarquia da antiga SEPLAG, as provas da PCDF serão aplicadas em alguma das seguintes datas 24 de julho ou 1º de agosto”, informou pelas redes sociais.

O concurso

O órgão está oferecendo dois concursos públicos: um para preenchimento de 1.800 vagas de nível superior no cargo de agente — sendo, deste número, 600 de provimento imediato e 1.200 para formação de cadastro reserva. E outro que oferece 300 vagas para escrivão, cargo de nível superior. O salário de ambas as profissões é de R$ 8.698,78 para 40 horas de trabalho semanal. Confira os editais aqui!

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Projeto que suspende prazo de validade de concursos públicos no RS é protocolado

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Coronavírus, servidores públicos, suspensão

Karolini Bandeira*- O projeto de lei que suspende o prazo de validade dos concursos públicos do Rio Grande do Sul durante o período de calamidade pública, devido à pandemia, foi protocolado e recebido nesta terça-feira (1/06) pelo presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Gabriel Souza (MDB).

Segundo a Assembleia, o texto, texto, entregue pelo secretário-chefe da Casa Civil, Artur Lemos Júnior e por deputados, foi autorizado para seguir os trâmites do Legislativo. Enviado em regime de urgência, o projeto irá trancar a pauta de votações daqui a 30 dias.

A proposta abrange todos os concursos públicos estaduais já homologados, bem como os da administração direta ou indireta. O projeto não impede a convocação dos aprovados nos certames, nem a realização de suas demais etapas. “A suspensão beneficia os aprovados em concursos que tiveram suas convocações paralisadas em razão das restrições impostas pela pandemia de covid-19”, disse o presidente da Assembleia.

Um dos deputados que propôs o texto, Neri (Solidariedade) explica que a proposta também visa a economia em novos concursos e valoriza a dedicação dos candidatos aprovados que aguardam a nomeação. “Por isso a importância de suspender o prazo de validade dos concursos no período da pandemia. É nítido também que os órgão públicos necessitam de mais efetivos em seus quadros para atender a nossa população. Este projeto é importante também para manter a motivação dos futuros servidores e de todos aqueles que desejam trabalhar em prol de todos os gaúchos”, destacou o parlamentar.

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Concurso da PCDF com 2.100 vagas pode ser retomado nos próximos dias. Entenda!

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Distrito Federal, GDF, PCDF

Karolini Bandeira*- O concurso público da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) pode estar próximo de ser retomado e o anúncio poderá ser feito nos próximos dias! Em resposta ao Papo de Concurseiro, a assessoria do órgão confirmou que, para que o certame seja retomado, o diretor da Escola Superior aguarda um posicionamento do delegado-geral da PCDF, Robson Cândido.

O posicionamento do delegado, segundo a corporação, será divulgada nos próximos dias. “Não podemos, no entanto, precisar a data”, declarou a assessoria.

Nesta segunda-feira (31/05), o delegado-geral utilizou, mais uma vez, suas redes para comentar sobre o certame, suspenso devido à pandemia de covid-19. Na publicação, o policial anunciou que em breve haverá notícias sobre a seleção e aconselhou: “Continuem os estudos!”

“Estamos trabalhando para realização dos concursos”, anunciou Cândido

O delegado-geral já havia publicado sobre a retomada da seleção em maio. No último dia 23, Cândido anunciou em postagem nas redes que a corporação está “trabalhando para realização dos concursos”.

O órgão está oferecendo dois concursos públicos: um para preenchimento de 1.800 vagas de nível superior no cargo de agente — sendo, deste número, 600 de provimento imediato e 1.200 para formação de cadastro reserva. E outro que oferece 300 vagas para escrivão, cargo de nível superior. O salário de ambas as profissões é de R$ 8.698,78 para 40 horas de trabalho semanal. Confira os editais aqui!

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Em breve sairão novidades sobre o concurso da PCDF, informa diretor-geral

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Distrito Federal, PCDF, segurança

“Continuem os estudos”, aconselhou o servidor aos candidatos

Karolini Bandeira*- Atenção! O concurso público da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) pode estar próximo de ser retomado! Mais uma vez, o delegado-geral da corporação, Robson Cândido, utilizou suas redes para comentar sobre o certame, suspenso devido à pandemia de covid-19. Desta vez, o policial anunciou que em breve haverá notícias sobre a seleção. E aconselhou: “Continuem os estudos!”

Veja!

Reprodução/Redes

“Estamos trabalhando para realização dos concursos”, anunciou Cândido

O delegado-geral já havia publicado sobre a retomada da seleção em maio. No último dia 23, Cândido anunciou em postagem nas redes que a corporação está “trabalhando para realização dos concursos”.

O órgão está oferecendo dois concursos públicos: um para preenchimento de 1.800 vagas de nível superior no cargo de agente — sendo, deste número, 600 de provimento imediato e 1.200 para formação de cadastro reserva. E outro que oferece 300 vagas para escrivão, cargo de nível superior. O salário de ambas as profissões é de R$ 8.698,78 para 40 horas de trabalho semanal. Confira os editais aqui!

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Mais de 100 mil candidatos não fizeram as provas da PF, confirma Cebraspe

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Polícia Federal

Karolini Bandeira*- De acordo com o Cebraspe, 32,82% do número total de inscritos no concurso público da Polícia Federal (PRF) não compareceram à etapa presencial de provas objetivas do certame, aplicada em todos os estados e no Distrito Federal neste domingo (23/05). A abstenção foi 9,17% maior do que a porcentagem registrada no concurso da corporação de 2018, de 23,65%.

A porcentagem representa 105.554 inscritos. Como o concurso registrou 321.615 inscrições, as 1.500 estão sendo disputadas, agora, por 216.061 pessoas.

Candidatos relatam experiência durante aplicação de provas

Apesar das exigências da banca e das regras sanitárias para impedir o contágio por covid-19, alguns inscritos expuseram, nas redes, aglomeração nos locais de prova e descumprimento de medidas de biossegurança contidas no edital de abertura.

“Quando eu entrei na sala já havia três pessoas, nenhuma delas estava usando máscara” escreveu uma candidata.

“Em SP deu desespero. Pelo menos no local que eu fiz, tinha 30 pessoas numa sala e ainda fecharam a janela de frio (e faltaram nove)” expôs uma inscrita no Twitter.

“Infelizmente onde fiz, no DF, teve muita aglomeração na entrada e saída”, comentou outro concurseiro.

Mas, muitos candidatos também relataram organização e clima tranquilo na realização dos exames. “Aplicação em João Pessoa/PB foi tranquila, sem aglomeração pra entrar, cadeiras espaçadas, achei tranquilo”, disse um candidato.

Em Brasília, outro concorrente ao certame informou tranquilidade. “Eu fiz as provas na UnB, por lá estava tudo organizado e até vazio. Acho que distribuíram bem os locais de prova”, afirmou.

“Muito tranquilo. O concurso mais organizado que já participei. Faltaram apenas 4 pessoas na minha sala”, disse outro candidato nas redes sociais.

Em Rondônia houve atraso de até 1h45 na aplicação dos exames. Mas, o Cebraspe informou que isso ocorreu em razão da malha aérea reduzida e de problemas operacionais que atrasaram o voo que transportava os malotes de provas, uma vez que a aeronave precisou arremeter duas vezes em razão de muita fumaça no espaço aéreo da região.

A banca informou também que os candidatos estavam em ambiente seguro de provas e foram acompanhados a todo momento pela coordenação de aplicação em suas necessidades. “O Cebraspe compensou o tempo de atraso ao término das provas, não havendo, assim, nenhum prejuízo aos candidatos, tampouco à lisura do certame nas duas cidades”, disse.

O concurso

O concurso oferece 1.500 vagas para escrivão, agente, delegado e papiloscopista. O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) é a banca organizadora. Os salários variam de R$ 12.522,50 a R$ 23.692,74 e podem ser concorridos por candidatos com nível superior em qualquer área de formação (exceto o posto de delegado que exige graduação em direito, especificamente). Veja tudo sobre o concurso aqui!

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

“Estamos trabalhando para realização dos concursos”, anuncia delegado-geral da PCDF

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Distrito Federal, PCDF, suspensão

Karolini Bandeira*- Após a realização das etapas presenciais dos certames da Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) também se movimenta para que os dois concursos públicos da corporação, suspensos devido à pandemia, tenham continuidade.

A informação foi comunicada pelo delegado-geral da PCDF, Robson Cândido, em postagem nas redes. “Estamos trabalhando para realização dos concursos da PCDF”, escreveu o delegado na noite deste domingo (23/05).

O órgão está oferecendo dois concursos públicos: um para preenchimento de 1.800 vagas de nível superior no cargo de agente — sendo, deste número, 600 de provimento imediato e 1.200 para formação de cadastro reserva. E outro que oferece 300 vagas para escrivão, cargo de nível superior. O salário de ambas as profissões é de R$ 8.698,78 para 40 horas de trabalho semanal. Confira os editais aqui!

 

 

 

*Estagiparia sob supervisão de Mariana Niederauer

Com seis votos a favor, STF mantém provas da PF neste domingo (23)

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Polícia Federal

Vai ter prova!

Karolini Bandeira*- O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou, nesta sexta-feira (21/05), um pedido de suspensão das provas presenciais do concurso público da Polícia Federal (PF), previstas para serem aplicadas no próximo domingo (23). A votação, iniciada às 00h,terminou com seis votos a favor da realização da etapa na data prevista e apenas um contrário.

O ministro Edson Fachin, relator do processo, foi o primeiro a votar e o único favorável ao adiamento da etapa. Os ministros Alexandre de Moraes, Carmem Lúcia, Nunes Marques, Marco Aurélio, Luiz Fux e Dias Toffoli votaram contra, mantendo a aplicação das provas no próximo domingo.

Segundo informações do STF, na reclamação, a candidata argumentou que, apesar do alto índice de contágios, infecções e mortes pela covid-19 em todo o país e da edição de alguns decretos locais restritivos, foi determinada a continuidade do certame, com a convocação para a realização das provas. Segundo ela, a determinação afronta as decisões do STF em duas Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs 6341 e 4102) e na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 672, em que foi explicitada a competência dos entes federativos para tomar medidas com o objetivo de conter a pandemia.

Cebraspe confirma provas no domingo (23)

O Cebraspe divulgou na noite da última quarta-feira (19/5), um nota de esclarecimento confirmando a realização das provas do certame para o próximo domingo. De acordo com o documento, as provas vão acontecer em todo o país e serão ratificados todos os locais de provas do município de Curitiba PR, onde existe um decreto de restrições.

O concurso

O concurso oferece 1.500 vagas para escrivão, agente, delegado e papiloscopista. O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) é a banca organizadora. Os salários variam de R$ 12.522,50 a R$ 23.692,74 e podem ser concorridos por candidatos com nível superior em qualquer área de formação (exceto o posto de delegado que exige graduação em direito, especificamente). Veja tudo sobre o concurso aqui!

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

STF julga adiamento de provas presenciais do concurso da Polícia Federal

Publicado em Deixe um comentárioCarreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Polícia Federal, suspensão

Três ministros já votaram até o momento

Karolini Bandeira*- O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu, nesta sexta-feira (21/05), o julgamento de um pedido de suspensão das provas presenciais do concurso público da Polícia Federal (PF), previstas para serem aplicadas no próximo domingo (23). A votação, iniciada às 00h, será feita até às 23h59. Para que a etapa seja adiada, é necessário, ao menos, o voto favorável de seis ministros.

Até o momento, três ministros votaram — um voto favorável e dois contra a suspensão das provas. O ministro Edson Fachin, relator do processo, foi o primeiro a votar e foi favorável ao adiamento da etapa. Os ministros Alexandre de Moraes e Dias Toffoli votaram contra, favorecendo a aplicação das provas na data prevista.

“Na reclamação, a candidata argumenta que, apesar dos altíssimos índices de contágios, infecções e mortes pela Covid-19 em todo o país e da edição de alguns decretos locais restritivos, foi determinada a continuidade do certame, com a convocação para a realização das provas. Segundo ela, a determinação afronta as decisões do STF em duas Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADIs 6341 e 4102) e na Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 672, em que foi explicitada a competência dos entes federativos para tomar medidas com o objetivo de conter a pandemia.

Ao pedir a realização da sessão virtual extraordinária, a fim de que o Plenário possa decidir sobre a concessão da medida liminar pleiteada, o ministro Fachin assinalou a necessidade de preservar o bom andamento de processos com identidade ou pedido similar, além dos valores constitucionais da saúde, da segurança jurídica e da celeridade”, escreveu o STF.

Cebraspe confirma provas no domingo (23)

O Cebraspe divulgou na noite da última quarta-feira (19/5), um nota de esclarecimento confirmando a realização das provas do certame para o próximo domingo. De acordo com o documento, as provas vão acontecer em todo o país e serão ratificados todos os locais de provas do município de Curitiba PR, onde existe um decreto de restrições.

“Diante da publicação do Decreto nº 890, de 18 de maio de 2021, expedido pela Prefeitura
Municipal de Curitiba/PR, o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de
Eventos (Cebraspe) e a Polícia Federal, com fundamento no Parecer nº 539/2021 –
CONJUR/MJSP/CGU/AGU, chancelado pelo Excelentíssimo Senhor Ministro de Estado da Justiça e
Segurança Pública (conforme parecer divulgado no endereço eletrônico
http://www.cebraspe.org.br/concursos/pf_21), vêm a público confirmar a realização do concurso
público instituído pelo Edital nº 1 – DGP/PF, de 15 de janeiro de 2021, no próximo domingo, dia 23 de
maio de 2021, em todo o território nacional, bem como ratificar todos os locais de realização de provas
no Município de Curitiba/PR, conforme divulgação realizada em 18 de maio de 2021.”

O concurso

O concurso oferece 1.500 vagas para escrivão, agente, delegado e papiloscopista. O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) é a banca organizadora. Os salários variam de R$ 12.522,50 a R$ 23.692,74 e podem ser concorridos por candidatos com nível superior em qualquer área de formação (exceto o posto de delegado que exige graduação em direito, especificamente). Veja tudo sobre o concurso aqui!

 

 

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Após questionamentos, TCMSP se pronuncia sobre retomada de concurso público

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Coronavírus, Tribunal de contas

Inscrições serão reabertas! Veja:

Karolini Bandeira*- O Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCMSP) publicou nas redes sociais, nesta quarta-feira (19/05), comunicado sobre a retomada do atual concurso público do órgão suspenso em 2020 devido à covid-19. De acordo com o tribunal, o concurso terá continuidade assim que a proliferação do vírus esteja mais contida.

O órgão também confirmou aos concurseiros que, assim que a seleção for retomada, o período de inscrições será reaberto. Confira a nota:

“Em resposta aos muitos questionamentos que o Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCMSP) tem recebido a respeito do futuro concurso público, informamos que estamos aguardando o abrandamento da crise sanitária para realizar as provas com segurança e as inscrições serão reabertas quando ocorrer retomada do certame.”

O concurso, que abriu 12 vagas para profissionais de níveis médio/técnico e superior, foi suspenso em abril de 2020. As inscrições foram encerradas e os candidatos deverão passar por provas objetivas presenciais. As oportunidades são para o cargo de agente de fiscalização, em diversas áreas, como administração, ciências atuariais e ciências contábeis. As remunerações variam de R$ 5.046,82 a R$ 10.818,37, mais gratificação de R$ 5.270,50 e R$ 8.011,16 (após seis meses de efetivo exercício, mediante avaliação de desempenho).

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer