Ibama é autorizado a abrir concurso público com 568 vagas de níveis médio e superior

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos

O Ministério da Economia divulgou, no Diário Oficial da União desta segunda-feira (6/9), portaria com autorização para a realização de concurso público para provimento de  568  cargos do quadro de pessoal do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA).

Do total de vagas, 432 são para o nível médio, no cargo de técnico ambiental. As outras vagas autorizadas são para cargos de nível superior, sendo 96 para analista ambiental e 40 para analista administrativo.

O documento informa ainda que o prazo para a publicação do edital de abertura do concurso público será de seis meses, contado a partir da publicação desta Portaria, ou seja, março de 2022.

Vale lembrar que, provimento dos cargos  dependerá de prévia autorização do Ministério da Economia, e está condicionado:

I – à existência de vagas na data de publicação do edital de abertura de inscrições para o concurso público;

II – à autorização em anexo próprio da Lei Orçamentária Anual, nos termos do § 1º do art. 169 da Constituição Federal, e à observação das restrições impostas pela Lei de Diretrizes Orçamentárias; e

III – à declaração do ordenador de despesa responsável, quando do provimento dos cargos, sobre a adequação orçamentária e financeira da nova despesa à Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias, demonstrando a origem dos recursos a serem utilizados.

A responsabilidade pela realização do concurso será do Diretor-Presidente do IBAMA, a quem caberá editar as respectivas normas, mediante a publicação de editais, portarias ou outros atos administrativos necessários.

Com o aval publicado, os próximos passos incluem a formação da comissão organizadora, elaboração do projeto básico do edital, escolha e contratação da banca, que ficará responsável pela seleção. Somente após essas etapas, o edital poderá ser publicado.

ICMBio também recebeu aval

O Ministério da Economia também autorizou a realização de concurso público para o provimento de 171 cargos do quadro de pessoal do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBio. A informação foi publicada no Diário Oficial da União, desta segunda-feira (6/9).

As chances são de níveis médio e superior, para os cargos de técnico ambiental (110) e analista ambiental ( 61). Saiba mais!

CGU confirma início dos preparativos para lançar edital de concurso com mais de 370 vagas

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos

A Controladoria-Geral da União foi autorizada a abrir um novo concurso público com 375 vagas para auditores e técnicos. Ao Papo de Concurseiro, o órgão adiantou que já deu início aos procedimentos para realização do certame e está realizando esforços para que o edital seja lançado ainda neste ano. O cargo de técnico exige formação em nível médio e oferece salário inicial de R$ 7.283,31. Já para auditores, é necessário curso superior e a remuneração é de R$ 19.197,06.

O aval, publicado no DOU, é para 375 vagas para auditores e técnicos. Do quantitativo aprovado, 300 vagas são para o cargo de nível superior de auditor federal de finanças e controle. As outras 75 são para técnico federal de finanças e controle, de nível médio. Confira aqui a autorização!

São mais de seis anos sem concurso. No último certame, aberto em 2014, foram oferecidas 50 vagas para analistas de finanças e controle. Mais de 19 mil candidatos se inscreveram. De acordo com o documento, a remuneração para o posto atingia R$ 12.960,77. A Esaf contabilizou uma concorrência média de 79 pessoas por cada chance. A área que mais recebeu inscrições foi a administrativa (5.848). Saiba todos os detalhes do concurso!

Ibama recebe autorização para contratar 1.659 profissionais temporários

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Ministério da Economia, temporário

O Ministério da Economia autorizou nesta terça-feira (4/5) que  o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) contrate por tempo determinado o quantitativo máximo de 1.659 profissionais.

Segundo o documento, as vagas visam atender a necessidade temporária de excepcional interesse público e os profissionais poderão ser contratados a partir de maio de 2021 para o atendimento de emergências ambientais. Veja a distribuição das chances:

O prazo de validade dos contratos será de até seis meses.

O Ibama ainda definirá a remuneração dos profissionais a serem contratados em conformidade com a Lei nº 8.745, de 1993.

Ainda segundo o documento, as despesas com as contratações correrão à conta de dotações orçamentárias do Instituto, consignadas no Grupo de Natureza de Despesa – GND “3 – outras despesas correntes”, ficando a presente autorização condicionada à declaração do ordenador de despesas responsável quanto à adequação orçamentária e financeira da nova despesa com a Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com o Plano Plurianual e com a Lei de Diretrizes Orçamentárias.

Polícia Federal autoriza novo concurso público com 1.500 vagas previstas

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Carreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Polícia Federal

Karolini Bandeira*- Pode se preparar porque agora é oficial! O próximo concurso público da Polícia Federal foi autorizado e ofertará 1.500 vagas! A portaria que autoriza a realização do certame foi publicada nesta quarta-feira (9/12). De acordo com o documento, as vagas serão distribuídas entre os cargos de delegado (123), escrivão (400), papiloscopista (84) e agente (893).

O edital de abertura deverá ser lançado até, no máximo, seis meses após a publicação da portaria. Ou seja, o certame deverá ser aberto até junho de 2021.

Após confirmar 2.000 vagas para o certame em transmissões feitas em outubro e novembro, o presidende Jair Bolsonaro tornou a falar sobre o concurso da PF na última quarta-feira (2/12).  “Em 2021 serão abertas 2 mil vagas em concurso para a PF”, publicou o presidente em seu Twitter, repetindo promessa feitas nas lives.

Vale relembrar que o cargo de delegado exige ensino superior completo em Direito, enquanto as outras profissões têm como pré-requisito ensino superior completo em qualquer área. De acordo com o Portal da Transparência, as remunerações iniciais variam entre R$ 12.522,50 e R$ 23.692,74, podendo chegar a até R$ 30.936,91 com o passar do tempo.

O último concurso público da PF, em 2018, foi organizado pelo Cebraspe e ofertou 500 vagas. Na ocasião, os candidatos tiveram que passar por prova objetiva, prova discursiva, exame de aptidão física, prova oral, avaliação médica, avaliação psicológica e, por fim, o curso de formação profissional. Alguns cargos também contavam com as etapas de avaliação de títulos e prova prática de digitação.

 

 

 

Edital federal: Agência Nacional de Mineração é autorizada a abrir seleção pelo Ministério da Economia

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Ministério da Economia

Ainda segundo a portaria, o prazo para a publicação do edital é de até seis meses após autorizado

 

Karolini Bandeira*- Pela portaria publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (24/11), o Ministério da Economia autorizou a realização de um novo processo seletivo para a Agência Nacional de Mineração (ANM). De acordo com o documento, o certame deverá oferecer 40 vagas de caráter temporário para o cargo de técnico em segurança de barragens de mineração.

 

Ainda segundo a portaria, o prazo para a publicação do edital é de até seis meses após autorizado. A remuneração dos profissionais ainda será definida pela ANM.

 

Último concurso ANM foi há mais de dez anos

O último concurso público do Departamento Nacional de Produção Mineral (DPM) foi realizado há 11 anos, em 2009. O certame ficou sob a organização da banca organizadora Instituto Movens. Foram oferecidas 256 vagas com oportunidade nos níveis médio e superior. A seleção contou com prova objetiva e prova discursiva.

 

Aos profissionais admitidos, foi oferecido salário de até R$ 5.209, além de gratificações. A atuação dos cargos tiverem lotação nas unidades regionais e na sede do DPNM.

 

 

*Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco

 

Assembleia Legislativa do Espírito Santo vai realizar novo concurso

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos

Victória Olímpio* – Sem concurso público há nove anos, um novo certame será realizado pela Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo (Ales)! O número de vagas ainda não foi definido, mas as chances serão para cargos efetivos. O anúncio da realização de concurso foi feito pelo presidente da Casa legislativa, deputado Erick Musso (Republicanos), como uma das metas do “Plano Gestão 2020″. Trata-se de um planejamento de ações prioritárias para este ano, com destaques para ações para ampliar a transparência do Poder Legislativo e aumentar os serviços prestados aos cidadãos.

Com relação a informações como as áreas que serão contempladas pelo edital, assim como estimativas salariais, contratação de banca e data de lançamento do concurso, a Assembleia veio a público desmentir notícia de jornal de grande circulação, que havia informado tais itens, afirmando que estes serão definidos após a composição da comissão organizadora.

Último concurso

Em 2011 foi realizado o último concurso da Assembleia, ofertando 141 vagas e remunerações que variaram de R$ 2.620,41 a R$ 8.570,80. A seleção foi realizada por prova objetiva, prova prática discursiva e avaliação de títulos. O certame foi realizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB).

As chances foram para procurador de 1ª categoria, analista em comunicação social, taquígrafo parlamentar apanhador, técnico em comunicação social, técnico em tecnologia da informação e técnico legislativo sênior, nas especialidades de contabilidade, financeiro, folha de pagamento, biblioteca, arquivo, almoxarifado, patrimônio, protocolo, serviços gerais, sonorização, secretaria legislativa e secretaria administrativa.

O que você achou da notícia? Comente no Fórum CW.

* Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco

Creci/MS vai realizar novo concurso! Banca organizadora já definida

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Concursos Públicos, Conselho Regional

Victória Olímpio* – O Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 14ª Região, no Mato Grosso do Sul (Creci/MS), vai realizar um novo concurso público e já definiu a banca organizadora! O Instituto Quadrix será a responsável pela organização e realização do certame.

O número de vagas ainda não foi definido, mas as chances serão para assistente administrativo, que exige nível médio. Os aprovados poderão ser lotados nas cidades de Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. Para profissionais de nível superior, as chances serão para advogado, agente fiscal, analista de TI e contador, com lotação para Campo Grande.

A remunerações dos candidatos vai variar de R$ 1.259, 79 a R$ 2.438, 05. O Conselho não informou se há previsão para a data de publicação do edital ou número de vagas que serão ofertadas.

 

Último concurso

Em 2018, o Creci/MS realizou seu último concurso com quatro vagas para assistente administrativo, serviços operacionais, advogado e analista de TI. As remunerações variaram entre R$ 1.179,02 a R$ 2.281,74. Na ocasião, o certame foi organizado pelo MSConcursos. Os candidatos foram avaliados por prova objetiva, com disciplinas de língua portuguesa, raciocínio lógico, informática básica e conhecimentos específicos.

Curtiu a notícia? Comente no Fórum CW! 

 

* Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco

Após 10 anos sem concurso, Detran/RN forma comissão para preparar certame

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos

Victória Olímpio * – Após dez anos sem concurso público, o Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte (Detran/RN) irá realizar um novo certame! Foi publicada no Diário Oficial do Estado a comissão organizadora que será responsável pela organização e realização do certame.

Não foi informado pelo Detran se há previsão para publicação do edital. O número de vagas e cargos que serão ofertados também não foi definido.

 

Último concurso

Em 2010 foi realizado o último concurso, ofertando 285 vagas para assessor técnico (administrativa, recursos humanos, arquitetura, relações públicas, jornalismo, contabilidade, economia, engenharia civil, engenharia elétrica, estatística, informática, administração de bancos de dados, administração de redes, análise de sistemas, medicina, pedagogia, letras e psicologia), assistente técnico (administrativa, construção civil, eletrotécnica), analista de suporte, eletricista/programador, programador e vistoriador/emplacador.

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi a banca organizadora. As remunerações dos aprovados variaram de R$ 799,30 a R$ 2.337. As jornadas de trabalho foram de 40 horas semanais. A seleção foi realizada por prova objetiva com disciplinas de língua portuguesa, informática, questões técnicas, legislação de trânsito e conhecimentos específicos de cada cargo.

O que você achou da notícia? Comente no Fórum CW.

* Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco

Concurso Agepen/DF: professor dá dicas e comenta seleção que vai abrir mais de 1.000 vagas

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Carreira policial, Concursos, Concursos Públicos, Dicas de estudo, Distrito Federal

Victória Olímpio * – O concurso da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen/DF) vem criando muita expectativa entre os concurseiros! Autorizado pela Secretaria de Estado de Economia do DF, a previsão é de que sejam ofertadas 1.179 vagas de agentes de execução penal , sendo 400 para provimento imediato e 779 para formação de cadastro de reserva.

Segundo o professor Érico Palazzo, delegado da PCDF e coordenador de carreiras policiais do Gran Cursos Online, a expectativa para o concurso é grande, levando em consideração a grande quantidade de inscritos do último concurso, lançado em 2014. “O número de inscritos deve ser grande, uma vez que é umas das polícias penais mais bem pagas do Brasil e é um concurso que não acontece há um tempo”.

Com as nomeações previstas para julho de 2021, é provável que nesse primeiro semestre seja definida a banca organizadora. O professor aponta também que o edital deve ser publicado ainda nesse primeiro semestre ou no início do segundo. “Não dá para ter noção ainda de qual será a banca organizadora, mas o Distrito Federal tem realizado muitos concursos com a banca Cespe e o Iades. Acredito que uma dessas duas será a contratada”.

Sobre o tempo para se preparar para o concurso, Érico garante que é um tempo suficiente para se preparar para o concurso, visto que as provas não devem ocorrer nos próximos seis meses, mas é necessário começar os estudos desde já, não deixando para estudar quando a banca for definida ou o edital publicado.

Para ele algumas matérias são prováveis que sejam cobradas, levando em consideração o cargo, como as Leis de execuções penais, Lei de abuso de autoridade, Lei de tortura, além das disciplinas de português, informática e direitos – humanos, constitucional, administrativo, penal e processo penal.

Como dicas, o professor afirma ser importante levar em consideração o último concurso, focando nos tópicos e nas matérias, fazendo as devidas atualizações das leis. “Refazer a última prova também pode ser bom para ter noção de como pode ser cobrada as disciplinas, além de se atentar aos requisitos também é importante”.

O que você achou da notícia? Comente no Fórum CW.

 

* Estagiária sob supervisão de Humberto Rezende

Prefeitura de Goiânia vai realizar concurso com mais de 1.600 vagas

Publicado em Deixe um comentárioautorização, Concursos, Goiás

Victória Olímpio * – Foi assinado nesta terça-feira (18/2) pelo prefeito de Goiânia, Iris Rezende, o contrato com a Universidade Federal de Goiás (UFG), como banca organizadora que será responsável pela organização e para a realização do concurso público. Estão previstas 1.631 vagas para atender à demanda por servidores públicos em órgãos como Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), Educação (SME), Saúde (SMS) e Guarda Civil Metropolitana (GCM).

A previsão é que o edital seja publicado na próxima quarta-feira (19/2). De acordo com nota publicada pela Prefeitura, os salários variam entre R$ 1.075 e R$ 5.440.

De acordo com o secretário de Administração (SEMAD), Agenor Mariano, o concurso é uma necessidade da Prefeitura, que passou por ajustes financeiros nos últimos anos e agora tem condições de realizar a seleção. “As secretarias com mais vagas neste certame serão Educação, Saúde e Assistência Social, Além da Guarda Civil Metropolitana”.

Mariano também apontou que a prioridade é para aquelas funções que lidam com atendimento direto a população de Goiânia.

“Antes, apenas quem era da elite assumia funções no serviço público. O sistema evoluiu e hoje as pessoas motivadas e que estudam, principalmente os jovens, podem competir de igual para igual. Senti as injustiças do passado e vejo hoje grandes avanços na área. Vamos enriquecer Goiânia com servidores capacitados”, disse o prefeito Iris Rezende.

O que você achou da notícia? Comente no Fórum CW.

* Estagiária sob supervisão de Humberto Rezende

* Com informações de Prefeitura de Goiânia