aaaaaaaaaaaa Foto: Divulgação/TJDFT tjdft

Novo concurso do TJDFT terá mudanças em relação a edições anteriores; entenda

Publicado em Concursos, Concursos Públicos, Distrito Federal, TJDFT, Tribunal de Justiça

Inscrições em fevereiro! São mais de 100 vagas

Quem presta concurso sempre fica muito atento ao edital do certame. O edital do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT), publicado no último dia 28, trouxe algumas diferenças em relação ao último, publicado em 2015. O coordenador da área de Tribunais do Gran Cursos Online, Vandré Amorim, apontou as quatro principais mudanças no certame de 2022. Confira:

  • A primeira alteração é na banca organizadora. Em 2022, as provas ficarão a cargo da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Segundo Amorim, as provas de português da Fundação são mais elaboradas e mais complexas. Além disso, a prova de redação terá uma pontuação expressiva e representará um terço da nota total;
  • Ausência das disciplinas de Atualidades e Informática;
  • Neste ano, para a prova para nível médio, o edital prevê o conteúdo da disciplina de Noções de Administração de Recursos Humanos e Gestão Pública (que inclui questões sobre Administração Geral, Pública e Orçamento Público);
  • Provas com questões mais extensas: O coordenador de Tribunais do Gran Cursos Online recomenda que o aluno tenha cuidado no gerenciamento do tempo de prova calculando um tempo médio a ser gasto em cada questão, pois ainda precisará fazer a prova discursiva.

Outras informações importantes

Após avaliar os últimos certames de 2013 e 2015, o especialista estima que o número de convocados poderá ser bem maior do que a previsão do edital. No último concurso, em 2015, eram 80 vagas. Ao final do prazo de validade do concurso (dois anos) foram 736 convocados, entre analistas e técnicos judiciários. Em 2013, eram 103 vagas, porém mais de 300 analistas e mais de 900 técnicos foram convocados na vigência do concurso (dois anos). Neste ano, deve-se levar em conta que o prazo de validade do concurso será o dobro (2 anos, prorrogáveis por igual período).

Além disso, para Amorim, “o número de redações a serem corrigidas pela FGV também é um indicativo de muitas nomeações”. Segundo o especialista, embora o edital tenha colocado poucas vagas imediatas, o número de redações corrigidas aponta por um cadastro de reserva considerável, pois, para o cargo de analista judiciário da área judiciária, será de 1.200 para ampla concorrência. Já para o cargo de técnico judiciário, serão 1.440 redações corrigidas para ampla concorrência. O professor considera que o TJDFT tende a nomear mais do que as vagas oferecidas.

Vale ressaltar que, os novos servidores do TJDFT poderão optar pelo regime de teletrabalho. Isso significa que, mesmo que o candidato seja aprovado e more fora do DF, poderá atender às demandas do tribunal. O regime é adotado há alguns anos.

Benefícios

Além das remunerações que podem chegar até R$ 12 mil, o Tribunal prevê a oferta de diversos benefícios como:

  • Auxílio-alimentação no valor de R$ 910,08;
  • Assistência pré-escolar sendo de R$ 719,62;
  • Auxílio-transporte no valor de R$ 156,60;
  • Assistência médica e odontológica de R$232; e
  • Convênios médicos e serviço médico e odontológico interno.

Inscrições em fevereiro

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios publicou o edital para o novo concurso público do órgão na última sexta-feira (28/1). Ao todo, a seleção oferece 112 vagas, para os níveis médio e superior em diversas especialidades para os cargos de técnico e analista.

Das 112 oportunidades, 24 são destinadas aos cargos de nível médio e médio/técnico, com remuneração inicial de R$7.591,36 . As outras 88 são para candidatos com nível superior, com salários de R$12.455,30. O certame terá a Fundação Getúlio Vargas como banca organizadora.

Os servidores cumprirão jornada de trabalho será de 40 horas semanais. As contratações são estatutárias, ou seja, asseguram a estabilidade empregatícia.

O prazo de inscrição será de 7 de fevereiro a 14 de março, pelo portal da FGV. Os valores da taxa de inscrição são de R$ 80 para nível médio ou médio/técnico e R$ 120 para o nível superior. Saiba tudo!

 

Leia mais em:

Edital lançado! Especialistas te ajudam a conquistar a aprovação no TJDFT

 

*Estagiária sob supervisão de Ronayre Nunes