Governo do Acre anuncia quatro novos editais de concursos para setembro

Publicado em Deixe um comentárioautorização, carreira militar, Carreira policial, Concursos, Concursos Públicos

Seleções serão para áreas da Polícia Civil, dos Bombeiros, Administração Penitenciária e Instituto Socioeducativo

O governador do Acre, Gladson Cameli, confirmou, durante uma coletiva de imprensa, que vai lançar concurso público para a Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e Instituto Socioeducativo (ISE). Por determinação do próprio chefe de Estado, a abertura dos editais está prevista para setembro.

Segundo ele, o quantitativo de vagas será disponibilizado de acordo com a necessidade de profissionais de cada instituição do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp).

“O fortalecimento da Segurança Pública é um compromisso meu e tenho buscado colocar em prática desde o início da gestão. Já conseguimos avançar no combate à criminalidade e tenho certeza de que seguiremos neste mesmo propósito. Gostaria de deixar claro que esses concursos públicos, assim como a convocação do cadastro de reserva da PM, fazem parte dos nossos esforços de equilibrar as contas públicas e não colocar em risco a folha de pagamento dos servidores públicos”, declarou Gladson.

O Corpo de Bombeiros do Estado está há quase 10 anos sem concurso. O comandante-geral da instituição, coronel Carlos Batista, comemorou a decisão tomada pelo governo do Estado. “Esse concurso vem para suprir a necessidade de pessoal que hoje temos na corporação. Há a expectativa de abertura de 135 vagas, mas o número pode aumentar. O governador está tendo toda a preocupação em fortalecer o Corpo de Bombeiros com efetivo e temos muita gratidão por estar vivendo este importante momento”, disse.

Já o delegado-geral da Polícia Civil, Josemar Portes, acredita que serão disponibilizadas oportunidades para todos os cargos existentes na instituição. “Temos necessidade de agentes de polícia, peritos, médicos legistas, escrivães e delegados. Estamos trabalhando com muita responsabilidade, junto à equipe de governo, para chegar a um consenso quanto ao número de vagas”, esclareceu.

Com informações da Agência de Notícias do Acre.

 

Acre deve realizar novos concursos públicos em 2022, confirma governador

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos

Durante um pronunciamento realizado na última sexta-feira (30/7), o governador do Acre, Gladson Cameli (PP), voltou a reafirmar seu compromisso com a realização de novos concursos públicos no Estado.

“Estou aguardando o equilíbrio da Lei de Responsabilidade Fiscal e preparando todos os trâmites legais para que possamos lançar o edital dos concursos. Os certames terão vagas para diversas secretarias e quero realizá-los no início de 2022”, disse.

Em outras oportunidades, o chefe do Executivo local também reconheceu a necessidade da contratação de novos profissionais para compor o quadro de servidores públicos. Apesar disso, ele não informou a quantidade de vagas a serem ofertadas ou quais áreas seriam contempladas.

“Como forma de valorizar ainda mais você, estarei trabalhando para realizar concursos ainda durante minha gestão, tão logo o Estado saia do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Este é o meu compromisso”, garantiu em um vídeo publicado nas redes sociais no início deste ano.

Ministério Público do Acre forma comissão de concurso para promotores

Publicado em Deixe um comentárioConcursos, Concursos Públicos, Ministério Público

Karolini Bandeira*- O Conselho Superior do Ministério Público do Acre (MPAP) formou a comissão organizadora responsável pelo próximo concurso do órgão para promotores. A equipe foi oficializada em resolução publicada no Diário Oficial da instituição nesta terça-feira (1/06) e será composta por sete membros, divididos entre titulares e suplentes.

Membros titulares

  • Procuradora-Geral de Justiça, Dra. Kátia Rejane de Araújo Rodrigues (presidente)
  • Procurador de Justiça, Dr. Danilo Lovisaro do Nascimento
  • Promotor de Justiça Dr. Almir Fernandes Branco
  • Promotor de Justiça Dr. Marco Aurélio Ribeiro

Membros suplentes

  • Procuradora de Justiça, Dra. Gilcely Evangelista de Araújo Souza
  • Promotor de Justiça Dra. Myrna Teixeira Mendoza
  • Promotor de Justiça Dr. Ildon Maximiano Peres Neto

O certame terá a oferta de dez vagas para o cargo de promotor e contará com seis fases. São elas: prova objetiva, provas discursivas, exames de sanidade física e mental e sindicância da vida pregressa, prova oral, prova de tribuna e avaliação de títulos. Os inscritos deverão ter bacharelado em direito e, no mínimo, três anos de experiência profissional com atividades jurídicas. O edital ainda não tem data de lançamento prevista.

Governador do Acre se compromete a realizar concursos

Em vídeo publicado em março, o governador do Acre, Gladson Cameli, reconheceu a necessidade de mais contratações de servidores públicos no estado e se comprometeu a trabalhar em mais certames durante sua gestão. “Como forma de valorizar ainda mais você, estarei trabalhando para realizar concursos ainda durante minha gestão, tão logo o Estado saia do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Este é o meu compromisso”, prometeu o governador.

 

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Mariana Niederauer

Governador do Acre se compromete a realizar mais concursos durante a gestão

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Karolini Bandeira*- Em vídeo publicado nesta terça-feira (16), o governador do Acre, Gladson Cameli, reconheceu a necessidade de mais contratações de servidores públicos no estado e se comprometeu a trabalhar em mais certames durante sua gestão. “Como forma de valorizar ainda mais você, estarei trabalhando para realizar concursos ainda durante minha gestão, tão logo o Estado saia do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal. Este é o meu compromisso”, prometeu o governador.

No vídeo, Cameli também anunciou a convocação do cadastro de reserva da Polícia Militar do Acre (PMAC) até a próxima sexta-feira (19).

Sejusp AC forma comissão para novos concursos das forças de segurança

Em novembro de 2020, a Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp AC) formou comissão organizadora para formulação de futuros concursos públicos. A formação da equipe contempla Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Penal, Corpo de Bombeiros e Instituto de Administração Penitenciária do Estado.

Polícia Militar

O último concurso da Polícia Militar do Acre (PMAC) foi realizado em 2017 e organizado pelo Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). Foram 230 vagas ofertadas para o cargo de soldado, de nível médio. O certame contou com prova objetiva, prova de aptidão física, exame psicotécnico, prova prática instrumental, exame médico e toxicológico e investigação criminal. Aos profissionais admitidos foi oferecida remuneração de R$ 3.319,12. Saiba mais!

Polícia Civil

Feito em 2017, o último certame da Polícia Civil do Acre (PCAC) contou com 250 vagas de nível superior em agente de polícia, auxiliar de necropsia, delegado e escrivão. Organizado pelo Ibade, o concurso foi constituído por prova objetiva, prova discursiva, prova de títulos, teste de aptidão física, exame psicotécnico, prova prática de digitação, exame médico e toxicológico, investigação criminal e, por fim, o curso de formação. O salário inicial oferecido varou de R$ 4.000 a R$ 15.000. Saiba mais!

 

 

 

 

*Estagiária sob a supervisão de Mariana Niederauer

Formada comissão para novos concursos das forças de segurança da Sejusp AC

Publicado em Deixe um comentáriocarreira militar, Carreira policial, Concursos, segurança

A equipe tem até 30 dias para apresentar proposta de realização de concurso

 

Karolini Bandeira*- Uma nova comissão organizadora para formulação de futuros concursos públicos foi formada pela Secretaria de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp AC). Publicada no Diário Oficial do Estado na última quarta-feira (17/11), a portaria n° 352 define que a equipe terá 30 dias para elaborar a realização de um novo concurso para as Forças do Sistema Estadual de Justiça e Segurança Pública, composição esta que é formada pela Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Penal, Corpo de Bombeiros e Instituto de Administração Penitenciária do Estado.

Veja abaixo quem são os integrantes da comissão:

 

 

Polícia Militar AC

O último concurso da Polícia Militar do Acre (PMAC) foi realizado em 2017 e organizado pelo Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade). Foram 230 vagas ofertadas para o cargo de soldado, de nível médio. O certame contou com prova objetiva, prova de aptidão física, exame psicotécnico, prova prática instrumental, exame médico e toxicológico e investigação criminal. Aos profissionais admitidos foi oferecida remuneração de R$ 3.319,12. Saiba mais!

 

Polícia Civil AC

Feito em 2017, o último certame da Polícia Civil do Acre (PCAC) contou com 250 vagas de nível superior em agente de polícia, auxiliar de necropsia, delegado e escrivão. Organizado pelo Ibade, o concurso foi constituído por prova objetiva, prova discursiva, prova de títulos, teste de aptidão física, exame psicotécnico, prova prática de digitação, exame médico e toxicológico, investigação criminal e, por fim, o curso de formação. O salário inicial oferecido varou de R$ 4.000 a R$ 15.000. Saiba mais!

 

 

 

*Estagiária sob supervisão de Lorena Pacheco 

Quem espalhar fake news sobre coronavírus não poderá participar de concursos no AC

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

O Governo do Acre resolveu combater a disseminação de fake news sobre o novo coronavírus de uma maneira “mais enérgica”, como ele próprio denominou. Segundo o governo, paralela à propagação do novo coronavírus, outro problema que se dissemina na mesma proporção e vem causando preocupação às autoridades em todo país é a difusão massiva de desinformação, mentiras, boatos e rumores acerca da pandemia, também conhecidos por fake news.

A propagação desordenada e sem responsabilidade em rede social põe em risco potencial a saúde pública, compromete o respaldo científico e sanitário que vem sendo seguido pelas autoridades e causa um desserviço perigoso que pode levar à morte de pessoas.

O compartilhamento de notícias falsas é considerado crime e, para combater mais energicamente o feito, o Governo do Acre publicou em Diário Oficial, na semana passada, a Lei de N° 3.620, que estabelece multa de 15 a 100 Unidades Fiscais de Referência (Ufir), a quem dolosamente divulgar por meio eletrônico notícias falsas sobre epidemias ou pandemias no estado. O valor da Ufir é de R$ 74,47 e as denúncias serão recebidas em qualquer delegacia do estado.

A multa para quem descumprir a lei será cobrada em dobro em caso de reincidência e será revestida para a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre). Ocorrendo inadimplência com o não pagamento da multa, o cidadão não poderá participar de concursos ou assumir qualquer cargo público.

“Ouvi do secretário de Saúde em 22 de março que as inúmeras informações falsas espalhadas em rede social tem atrapalhado o trabalho dos profissionais da área, apelando para o bom senso dos acreanos. Diante disso, resolvi apresentar o projeto de lei hoje sancionada pelo governador, que estabelece multa para quem divulgar fake news sobre pandemias ou endemias no Acre. Tentamos, com isso, preservar os trabalhos dos veículos de imprensa e nossa preocupação não são só com esses profissionais, mas sim com pessoas diversas que usam a rede social para disseminar informações falsas, colocando a saúde pública em risco,” explicou o autor da lei, Chico Viga.

 

*Com informações do Governo do Acre

Concurso da Defensoria Pública do Acre sairá em breve; comissão já formada

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Do CorreioWeb – Em breve um novo concurso público para defensoria será lançado. Desta vez será a  Defensoria Pública do Acre, que publicou no Diário Oficial do estado a formação de comissão organizadora para abrir seu quinto concurso de provas e títulos para ingresso na carreira de defensor público.

Para concorrer ao posto é necessário ter diploma de nível superior em direito e registro regular na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A remuneração atual do cargo é de R$ 13 mil.

O último concurso foi lançado em 2012, com 12 oportunidades para o cargo de defensor público do Acre. Para concorrer era necessário ter nível superior em direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A seleção foi organizada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) e contou com prova objetiva, prova discursiva e prova oral. Na época, 1.185 pessoas se inscreveram.

Foram cobrados conteúdos de direito constitucional, direito administrativo, direito penal e processual penal, direito civil e processual civil, direito do consumidor, direitos difusos e coletivos, direitos humanos, direito da criança e do adolescente, direito do idoso, direito previdenciário e princípios institucionais e legislações da defensoria pública. A validade do concurso expirou no fim de 2016.

O defensor público é o funcionário público estadual ou federal que tem funções de orientação, postulação e defesa dos direitos e interesses das pessoas que não podem pagar pelos serviços de um advogado.

Defensoria Pública da União
Na semana passada, a Defensoria Pública da União (DPU) lançou novo edital de concurso público com 25 oportunidades de provimento imediato também para defensores públicos federais. O salário é R$ 22.197,67. Podem concorrer candidatos com nível superior em direito, com diploma há pelo menos três anos completos e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) é a banca organizadora que será responsável pela aplicação das provas objetivas (24 de setembro), dissertativas, orais, avaliação de títulos e sindicância de vida pregressa. Inscreva-se aqui.

E mais: Defensoria Pública de Rondônia abre concurso com salário de R$ 20,8 mil

Defensoria Pública de Santa Catarina abre 20 vagas de nível superior