Policiais civis
Policiais civis Policiais civis se reúnem no complexo da instituição Polícia Civil

Policiais civis vão apresentar duas listas para diretor-geral

Publicado em CB.Poder

ANA MARIA CAMPOS

Caso seja eleito, Ibaneis Rocha (MDB) promete respeitar a lista tríplice para a escolha do futuro diretor-geral da Polícia Civil do DF. Mas pode chegar a suas mãos um leque maior de opções.

 

O Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol/DF) pretende promover sabatinas e uma eleição, com os votos de agentes, escrivães, policiais de custódia, papiloscopistas e peritos criminais. Dessa votação, surgirão os três delegados preferidos da categoria, que reúne aproximadamente 6,5 mil servidores.

 

O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do DF (Sindepo) também apresentará suas indicações, com a preferência de delegados aposentados e na ativa. A assembleia para discutir as regras dessa seleção foi marcada para a próxima segunda-feira (29/10), um dia depois da votação em segundo turno para governador. O indicativo é de que a lista tríplice seja eleita no dia primeiro de novembro.

 

Dessa forma, a classe deve eleger duas listas tríplices. Há risco de serem duas seleções completamente diferentes. Se isso ocorrer, a disputa ficará entre seis delegados.

 

Todos devem ser ouvidos, diz presidente do Sinpol

Para o presidente do Sinpol/DF, Rodrigo Franco, o Gaúcho, se ibaneis, caso seja o próximo governador, pretende consultar a categoria na escolha do novo diretor-geral da Polícia Civil, é justo que todos sejam ouvidos. “As decisões tomadas pelo diretor de Polícia afetam todos os policiais. Maior exemplo é o que acontece hoje. A corrida pela cadeira do 3º andar do Dubai já começou. A movimentação de bastidores é intensa”, disse Gaúcho. “Importante que valores importantes sejam colocados em debate, tais como o fortalecimento de uma instituição de Estado e menos atrelada a grupos políticos; o combate à corrupção, aos crimes contra a administração pública e ao crime organizado de forma perene e não de forma esporádica; a aproximação com a sociedade, demonstrando de forma clara o papel relevante da Polícia Civil”, afirma o presidente do Sinpol-DF.

 

Apoio importante

O deputado Cláudio Abrantes (PDT) é o grande defensor da participação de toda a categoria, e não apenas dos delegados, na escolha da lista tríplice para a direção-geral. Agente da Polícia Civil, ele é aliado de Ibaneis Rocha. Por isso, a posição do distrital reeleito pode ser fundamental.