A ofensa grave

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Nosso amigo quase foi parar na delegacia na semana que antecedeu o carnaval. A mocinha invocou-se com o olhar dele – uma silenciosa contemplação seguida da baba grossa que pende do lado da boca – enquanto ela passava faceira. Ele não disse nada, embora falasse com o olhar bovino, mas a moça chamou o segurança do shopping. O rapaz chegou […]

Mordida na bochecha

Publicado em Deixe um comentárioCrônica, Sem categoria

As histórias da carochinha bem que tentaram aliviar contando aventuras como a do porquinho Prático e seus dois irmãos preguiçosos, mas o suíno continua sem despertar grandes simpatias. Ninguém quer criar um porquinho de estimação no apartamento e deixá-lo subir no sofá para ganhar um cafuné. Sujo, obeso, violento, untuoso, mal-educado e barulhento, o porco é a imagem do pior […]

O papo das coisas  

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Enquanto o desenvolvimento da tecnologia estava limitado aos seres humanos, por mais que pareça coisa de filme de matinê, estávamos confortáveis. É bom saber que com um telefone a gente pode resolver um mundo de problemas, com uma mexida de olho uma pessoa paralisada consegue se comunicar, com um estalo de dedos é possível ligar o aparelho de som e […]

Pensando em nada

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

A única individualidade que nos sobrou foi o pensamento. Mas não por muito tempo. Cientistas anunciaram que estão desenvolvendo uma máquina capaz de ler pensamentos a partir da reação do cérebro diante de algumas frases; mais um pouco os robôs vão escanear os miolos da gente e interpretar o pensamento. Naquela tarde ele estava mais excitado que o normal. Interessado […]

O ninja maranhense

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Virou uma nova rotina aos domingos. Antes de ir para o bar – mas depois da missa, porque é preciso prestar contas da semana –, lá pelas nove horas, os velhos amigos se reúnem numa dessas academias instaladas ao ar livre. Fazem alguns lentos movimentos nos aparelhos e partem para explorar a orla do Lago Paranoá, que até outro dia […]

Cidade amarela

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Os ipês já terminaram a sua festa anual de cores, mas eis que a cidade está novamente amarelada, formando um belo contraste com o verde das folhas viçosas, na temporada mais úmida do ano. É a floração dos cambuís, que compensa o céu pintado de chumbo. A árvore não tem o mesmo prestígio dos ipês, plantas mais exibidas, que dispensam […]

Vive la France!

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Dramático, soturno e vilanesco como um baixo-barítono de ópera, nosso amigo inseriu o tema da conversa: a revolta feminina na festa de premiação do cinema. Atrizes de preto, piadinhas infames, execrações públicas, discursos inflamados, o Globo de Ouro praticamente esqueceu os filmes para se concentrar no combate aos homens. E irritou nosso amigo. Como se estivesse incorporado por um Furlanetto […]