A Espera de Milagres

Publicado em 2 ComentáriosAlzheimer, cuidado, Cuidado e Autocuidado, Cuidadoras Familiares, demencias, mídia, milagres

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – Frequentemente,  familiares e amigas nos enviam links sobre curas milagrosas com óleo de coco, cúrcuma, entre outros produtos,  naturais ou não. Também recebemos links de notícias que anunciam,  para um ou dois anos, a cura do Alzheimer, a mais conhecida das demências. É o caso da publicação recente sobre uma possível vacina para […]

A Demência é uma Doença Democrática?

Publicado em 6 ComentáriosAlzheimer, cuidado, Cuidadoras Familiares, demencias, democracia, Envelhecimento, planos de sáude, Sem categoria, serviços privados, Serviços públcos

Ana Castro & Cosette Castro Brasília –    A demência é  e,  ao mesmo tempo, não é uma doença democrática.  Ela é democrática na medida em  que atinge pessoas de todas as classes sociais, econômicas e culturais. Mas atinge de forma diferente cada um desses grupos. Imagine que  todos estão no mesmo barco e ele está afundando. Ao  pular do barco, […]

Cuidadoras,  Nem Santas, Nem Missionárias

Publicado em Deixe um comentárioAlzheimer, cuidado, Cuidado e Autocuidado, Cuidadoras Familiares, demencias, família, mulheres

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – O cuidado familiar não é considerado um trabalho, embora diariamente  exija muito de quem cuida, tanto em termos físicos quanto emocionais. Isso ocorre por, pelo menos, duas razões. A primeira, pela relação afetiva com a pessoa que necessita de ser cuidada. No imaginário popular ecoam frases do tipo “quem ama, cuida”, ou  “amor  com […]

Cuidadora, mas pode chamar de gerente ou malabarista

Publicado em 2 ComentáriosAlzheimer, cuidado, Cuidadoras Familiares, demencias, planos de saúde

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – Uma executiva eficiente sem remuneração: é o perfil exigido para cuidar de um familiar com demência, resolvendo demandas de toda ordem, bem mais complexas em tempos de Covid-19. Ser malabarista ajuda a equilibrar o orçamento doméstico, as atividades de casa, cuidar dos filhos e ainda levar cachorro para passear, caso tenha animais de […]

Alzheimer? Não é possível!

Publicado em 11 ComentáriosAlzheimer, Cuidadoras Familiares, demencias, família

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – É um choque. A primeira vez que recebemos um (possível)  diagnóstico de demência como o  Alzheimer  para nossas mães, parece algo do outro mundo, um pesadelo sem hora para terminar. Logo elas que viviam com autonomia, que tinham vida intelectual e cultural, viajavam sozinhas ou em grupo,  eram conselheiras da família ou  líderes […]

Onde mamãe vai morar?

Publicado em 8 ComentáriosAlzheimer, Cuidado e Autocuidado, demencias, ILPI, Instituição de Longa Permanência para Idosos

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – A minha mãe em um asilo? Nunca! Como abandonar meu pai com estranhos? Esses são alguns dos questionamentos que  fazemos diante de um tema complexo como a institucionalização de idosos com demência. A possibilidade envolve  curiosidade (como seria se…), assim como repulsa, culpa e medo. Mas dependendo das condições do familiar,  pode ser […]

Modos de Cuidar

Publicado em 4 ComentáriosCuidado e Autocuidado, Cuidadoras Familiares, demencias

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – No Brasil, as mulheres constituem 96%  do trabalho de cuidado, segundo o IBGE (2019). Por isso não estranhe se desobedecemos  a língua formal  – elaborada no tempo em que as mulheres tinham pouca representação e voz – quando as palavras apareciam majoritariamente no masculino. Falamos no feminino. Não apenas porque somos maioria. Mas […]

#Sextou não existe para cuidadoras familiares

Publicado em 4 ComentáriosAlzheimer, Cuidado e Autocuidado, Cuidadoras Familiares, demencias, música

Ana Castro & Cosette Castro Brasília – Em tempos de pandemia, a hashtag sextou perdeu o   sentido para  as pessoas que têm amor à vida e sabem os riscos do Covid-19 e suas variantes. Para cuidadoras e cuidadores familiares  a expressão sextou  sequer existe, pois o fim-de-semana costuma ser pesado, solitário e de muito trabalho. Quem não pode contar com outro familiar […]