Iprev Diculgação Iprev/Divulgação

Iprev-DF é autorizado a abrir novo concurso público com 85 vagas

Publicado em Concursos

Do total de vagas, 65 serão imediatas e 20 para a formação de um cadastro de reserva

Jéssica Andrade – O Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal (Iprev) recebeu o aval para a realização de um novo concurso público. A autorização foi confirmada em uma portaria da Secretaria de Economia, que prevê 85 vagas para o cargo de analista previdenciário. 

Do total de vagas, 65 serão imediatas e 20 para a formação de um cadastro de reserva. A carreira conta com três especialidades, sendo elas especialista previdenciário; especialista em investimentos; e especialista em atuária. Agora, com a autorização, a próxima etapa será a formação de uma comissão organizadora, que ficará responsável pela elaboração do projeto básico e escolha da banca.

Para concorrer ao cargo de especialista previdenciário será preciso ter nível superior completo em qualquer área de formação mais o seu respectivo registro, quando exigido.

Já para o especialista em investimentos serão aceitos diplomas em administração, ciências econômicas, ciências contábeis, comércio exterior ou matemática, além da certificação profissional e do respectivo registro na área, quando exigido. Por fim, o especialista em atuária deverá ter concluído a graduação em ciências atuariais e apresentar o registro no respectivo órgão de classe.

O Iprev DF formalizou a carreira de especialista preidenciário em 2020, quando ela foi oficialmente criada. Esse era um dos obstáculos para a realização do concurso. Na época, o Instituto informou que a seleção ocorreria somente após a conclusão deste processo. 

“Somente após a criação da carreira e a inclusão da previsão na Lei Orçamentária Anual (LOA) é que poderemos falar na realização do concurso”, disse o Iprev DF.

Histórico 

A seleção pública do Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal é esperada desde 2019. O concurso chegou a estar previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

O presidente da autarquia chegou, inclusive, a  manifestar preocupação quanto à morosidade para a realização do concurso público”.

Segundo a LDO do Distrito Federal, publicada em outubro de 2018, o Iprev DF poderia suprir, em 2019, 20 vagas nos cargos de:

  • analista de atividades previdenciárias (dez oportunidades); e 
  • técnico de atividades previdenciárias (dez).

No entanto, o concurso não foi realizado. 

Iprev 

OInstituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal foi criado em 2008, e, deste então, nunca teve um concurso público para compor o seu quadro de pessoal, que possui comissionados e servidores cedidos por outros órgãos. 

O Instituto tem um regime especial com autonomia administrativa, financeira e patrimonial.