Entre Cancelamentos e Solidariedade

Publicado em Deixe um comentárioCuidado Coletivo

Cosette Castro Brasília – Na mesma semana que ocorreu a primeira Parada do Orgulho das Pessoas com Deficiência (PCD) de Brasília, seguem as denúncias de discriminação dos planos de saúde. Em menos de um ano, foram registradas 5,4 mil reclamações sobre cancelamentos ou rescisões unilaterais de planos de saúde de pessoas com deficiência. Algo similar ao que vem acontecendo em […]

Um Cuidado Diferenciado

Publicado em Deixe um comentárioCuidado e Autocuidado

Cosette Castro e Simone Lima Brasília – No Coletivo Filhas da Mãe temos um grupo de WhatsApp que diariamente acolhe pessoas que cuidam familiares com demências. É desafiador enfrentar todo o dia as mudanças do familiar. No decorrer da doença,  elas e eles têm perdas cognitivas, físicas e de linguagem. Dentre as angústias das pessoas que cuidam familiares, uma demanda frequente […]

Eles Sempre Estiveram Aqui

Publicado em Deixe um comentárioPovos Indígenas

Cosette Castro Brasília –  Sagradas. Assim são consideradas  as pessoas idosas entre os povos indígenas no Brasil. As crianças também. Bem diferente dos valores da sociedade urbana e rural em que a maioria de nós reside. Vivemos em uma sociedade que dá mais valor a uma criança bonita. Dá preferência às brancas, loiras, “normais” e, se possível  quietinhas. Uma sociedade […]

Rede de Cuidado e Autocuidado Para Mulheres que Cuidam

Publicado em Deixe um comentárioCuidado e Autocuidado

Cosette Castro e Leandra Lofego Brasília – A partir de domingo, dia 07, recomeçamos as atividades de cuidado coletivo e autocuidado no Coletivo Filhas da Mãe com a volta às caminhadas nos parques de Brasília. A primeira caminhada de abril vai acontecer no Parque Olhos D’Água (Quadra 413/414, Asa Norte), a partir das 8h15. Após a caminhada haverá lanche compartilhado […]

Onde Vamos Morar nos Próximos Anos?

Publicado em 6 ComentáriosCuidado e Autocuidado

Ana Castro, Cosette Castro & Convidada Brasília – Em uma sociedade em processo de envelhecimento e com núcleos familiares cada vez mais reduzidos, precisamos pensar urgentemente onde vamos viver nos próximos anos. Nesta edição, nossa convidada é a arquiteta Rosangela Rachid, mestranda em Gerontologia pela EACHD/ USP. Ela pesquisa novas formas de moradia para a população 60+. Rosangela Raschid – […]