Chevrolet S10 ganha dianteira atualizada, wi-fi a bordo e frenagem de emergência

Publicado em Lançamento

É bem verdade que o querido leitor já havia visto, aqui mesmo no Vrum, o novo visual da S10. O desenho vazou durante uma live, feita pela marca, ainda no início da pandemia. A revelação oficial, contudo, aconteceu nesta semana. Com preços que variam de R$ 125.390 a R$ 213.290, a picape chega, também, com mais equipamentos de segurança e mudanças no motor.

A principal novidade é o design. A grade dianteira, agora escurecida, deixa a S10 com aspecto mais robusto. A versão topo de linha, High Country, perdeu a gravatinha como elemento central. No local, o nome Chevrolet reforça a exclusividade da versão.

No quesito segurança, agora são seis airbags, de série, em todas as configurações. Além disso, a picape recebeu reforços na estrutura e está até 20% mais resistente, em caso de impacto frontal.

Já equipada com alertas de colisão frontal e saída involuntária de faixa, controles eletrônicos de estabilidade e de tração, na versçao anterior, a S10 ganhou frenagem de emergência. O sistema aciona os freios, automaticamente, ao identificar uma situação de risco envolvendo um veículo ou pedestre à frente.

Atualizações debaixo do capô

Olhando a ficha técnica, é difícil notar as melhorias no motor 2.8 turbodiesel. Os números de potência e torque (200cv e 51kgfm) continuam os mesmos, mas, há diferença, sim.

A picape recebeu a mesma turbina da Chevrolet Colorado, vendida nos Estados Unidos. A vantagem do componente é uma aceleração mais progressiva. Na prática, o modelo ficou 0,2 segundos mais rápido no 0-100km/h (10,1s) e entre 3 e 10% mais econômico, dependendo da configuração e da condição de uso.

Segundo a marca, as versões a diesel de entrada, equipadas com câmbio manual de seis marchas, têm um custo por quilômetro rodado semelhante ao de carros compactos 1.0 da família GM.

A Nova S10 está disponível em três opções de carroceria (cabine dupla, cabine simples e chassis cab), cinco níveis de acabamento (LS, Advantage, LT, LTZ e High Country), duas opções de motorização (2.5 Flex e 2.8 Turbodiesel), assim como dois tipos de transmissão de seis velocidades (manual e automática ) e de tração (4×2 e 4×4).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*