Na entrelinhas: Chauvinismo e xenofobia

Publicado em Deixe um comentário#Militares, Amazônia, Cultura, Economia, Governo, Meio ambiente, Memória, Militares, Política, Religião

Além do preconceito étnico, há um viés de intolerância religiosa muito forte na fala de Bolsonaro, porque o caboclo é uma “entidade” do sincretismo religioso entre africanos e índios Nicolas Chauvin foi um soldado francês condecorado por Napoleão Bonaparte por sobreviver a vários combates, severamente mutilado, depois de ser ferido 17 vezes. Tornou-se uma lenda para os franceses, até que […]

Nas entrelinhas: Viver é muito perigoso

Publicado em Deixe um comentário#Covid-19, Ciência, Cultura, Governo, Justiça, Literatura, Memória, Militares, Política, Saúde

“Com 82,7 mil mortes no Brasil, as cidades reabrem o comércio, as pessoas circulam em transportes lotados e calçadas apinhadas — o risco de contaminação aumentou” A frase antológica que intitula a coluna, do jagunço Riobaldo, em Grande Sertão: Veredas, de Guimarães Rosa, nunca foi tão universal. No romance, repete-se muitas vezes, como as referências aos redemoinhos e ao diabo. […]

Nas entrelinhas: Cuidado com a palavra

Publicado em Deixe um comentárioAmazônia, Comunicação, Governo, Meio ambiente, Memória, Militares, Política, Saúde

“Na opinião pública mundial, os heróis não são os militares, são os índios, que têm suas terras invadidas e, agora, de novo, estariam ameaçados de extinção. Como? Pela covid-19” A palavra genocídio, substantivo masculino, significa extermínio de uma comunidade, grupo étnico, racial ou religioso (Houaiss). O maior de todos, no século passado, foi o Holocausto, o assassinato em massa de […]

Nas entrelinhas: O exemplo de Rondon

Publicado em Deixe um comentárioAmazônia, Governo, Itamaraty, Meio ambiente, Memória, Militares, Política

“O governo Bolsonaro resolveu fazer a roda da história girar para trás. Em apenas um ano e meio de desatinos florestais, transformou o Brasil num pária ambiental” Há muito tempo, a política para a Amazônia deixou de ser um assunto de segurança nacional. Se tivéssemos que traçar uma linha divisória, do ponto de vista histórico, quem sacou a mudança foi […]

Nas entrelinhas: Humanos como nós

Publicado em Deixe um comentárioAmazônia, Cultura, Governo, Meio ambiente, Memória, Política, Religião, Violência

“Os povos isolados têm o direito de decidir se preferem viver em isolamento ou não. Para exercer esse direito, porém, precisam de tempo e espaço” Considerado o pai da antropologia estruturalista, o franco-belga Claude Lévi-Strauss (1908 — 2009), entre 1935 e 1939, dedicou-se a estudar os índios do Brasil Central, base para a publicação de sua tese As estruturas elementares […]

Nas entrelinhas: Bolsonaro na emboscada

Publicado em Deixe um comentárioAmazônia, China, Exportações, Governo, Meio ambiente, Memória, Política, Trump

“A guinada antiambientalista, como no provérbio bíblico, “arma uma cilada contra o próprio sangue”, porque os prejuízos serão muito grandes para o nosso agronegócio” O presidente Jair Bolsonaro aparenta não sentir medo de nada. Sua formação de paraquedista, cuja missão é combater atrás das linhas inimigas e improvisar diante das adversidades, parece comandar suas ações como presidente da República. Só não […]

Nas entrelinhas: Enrolar o paraquedas

Publicado em Deixe um comentárioAmazônia, Cinema, Governo, Política, Previdência, Segurança

“Os índios não abrem mão de sua identidade étnica e cultural; os sem-terra não querem deixar o campo; os imigrantes chegam para fugir de situação muito pior” O presidente Jair Bolsonaro já aterrissou, mas ainda enrola o paraquedas. A segunda reunião ministerial que realizou ontem não concluiu o plano de trabalho para os primeiros 100 dias de governo, nem mesmo […]

Nas entrelinhas: A língua do índio

Publicado em Deixe um comentárioEleiçoes, Governo, Guerra, Justiça, Memória, Militares, Política

“O Brasil tem cerca de 600 terras indígenas, que abrigam 227 povos, com um total de aproximadamente 480 mil pessoas. Essas terras representam 13% do território nacional” Um grito de guerra virou bordão no Centro Cultural da CCBB, onde funciona a equipe de transição do presidente eleito, Jair Bolsonaro: “Selva!” É um cumprimento militar adotado em todas as unidades vinculadas […]