Os caminhões do Exército e a gastança de Dilma

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

LEONARDO CAVALCANTI A ameaça da Organização Mundial do Comércio (OMC) em retaliar o Brasil, caso o governo federal não suspenda benefícios considerados ilegais, é apenas a ponta perceptível de políticas sem planejamento implementadas durante a gestão de Dilma Rousseff — e mantidas por Michel Temer. Veja, por exemplo, a compra de caminhões para o Exército Brasileiro, em 2013.   Naquele […]

Legislativo e Judiciário agem como se o dinheiro brotasse na Esplanada

Publicado em 2 ComentáriosEconomia

O governo federal está prometendo reduzir os gastos obrigatórios, ao adiar o reajuste de servidores e cortar benefícios, mas o esforço ficará pela metade se o Legislativo e o Judiciário não derem sua contribuição para o ajuste das contas públicas. A gastança desses dois poderes, assim como no Ministério Público da União, chegou a um ponto insustentável. É como se, […]

Temer manda apurar gastos de diretores dos Correios no exterior

Publicado em 15 ComentáriosEconomia

O presidente Michel Temer ficou extremamente irritado quando foi avisado por seus assessores sobre uma viagem de um grupo de executivos dos Correios para o exterior num momento em que a estatal anuncia um forte processo de corte de custos, inclusive suspendendo férias de funcionários e reduzindo horas extras.   Os assessores de Temer mostraram a ele fotos postadas pelo […]

TSE e STJ atrasam pagamento de vale-transporte, vale-alimentação e 13º salário

Publicado em 8 ComentáriosEconomia

POR RENATO ALVES   A crise está batendo forte nos tribunais, cuja gastança não cabe mais no Orçamento da União. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) comunicou a seus servidores, na manhã desta quarta-feira, 23, que não pagará, neste mês, os benefícios aos quais eles têm direito. Nas restrições estão o vale-transporte, o vale-alimentação e auxílio-creche. Também, não haverá reembolso de […]

Nelson Meirelles ou Henrique Barbosa?

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

As semelhanças entre o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e seu antecessor, Nelson Barbosa, são maiores do que se imagina. Quem se der ao trabalho de avaliar as propostas apresentadas pelo atual chefe da equipe econômica com as lançadas pelo braço direito de Dilma Rousseff pouco antes de a petista ser afastada verá que os temas propostos para o ajuste […]