Dyogo Oliveira presidirá a Aneaa a partir de agosto

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

ROSANA HESSEL O economista e ex-ministro do Planejamento Dyogo Oliveira vai para a Associação Nacional das Empresas Administradoras de Aeroportos (Aneaa). Ele assumirá a presidência da entidade a partir de agosto, quando acabar o período de quarentena. Criada em 2013, a Aneaa reúne os operadores privados dos aeroportos de Brasília, de Guarulhos (SP), de Viracopos (SP), de Confins, do Galeão […]

De saída do BNDES, Dyogo Oliveira deve ir para a iniciativa privada

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

ROSANA HESSEL O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Dyogo Oliveira, vai cumprir quarentena após entregar o cargo para o ex-ministro da Fazenda de Dilma Rousseff, Joaquim Levy. A posse de Levy está marcada para 7 de janeiro de 2019. Oliveira recebeu várias sondagens de empresas e propostas do novo governo. Contudo, deverá seguir para o […]

Ex-UnB, funcionário do Banco Central será ministro do Planejamento

Publicado em 3 ComentáriosEconomia

Depois de muita negociação política e de fortes embates nos bastidores, o presidente Michel Temer bateu o martelo. Esteves Pedro Colnago Junior, 43 anos, substituirá Dyogo Oliveira no Ministério do Planejamento. Ele é funcionário de carreira do Banco Central.   Colnago, que foi escolha pessoal de Dyogo e tem o aval do senador Romero Jucá, nasceu em de Manaus. É […]

No BNDES, Dyogo quer priorizar pequenas empresas e infraestrutura

Publicado em 1 ComentárioEconomia

No acerto que fez com o presidente Michel Temer para trocar o Ministério do Planejamento pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Dyogo Oliveira definiu sua linha de atuação à frente da instituição.   Ele pretende fortalecer o BNDES para atuar em áreas que considera prioritárias: pequenas empresas, infraestrutura, inovação e comércio exterior, além de aprofundar o relacionamento […]

No BNDES, Dyogo será subordinado a Mansueto

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

É verdade que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) tem um ótimo atrativo para Dyogo Oliveira, que, a partir de abril, deverá trocar o comando do Ministério do Planejamento pela presidência da instituição financeira: o salário mensal de quase R$ 100 mil, quase três vezes o que ele ganha hoje.   Mas, caso realmente vá para o […]

Dyogo terá opção de escolher entre Planejamento e BNDES

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

O presidente Michel Temer deu total liberdade para o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, escolher se continua no cargo, no qual recebe o teto do funcionalismo, R$ 33,7 mil por mês, ou se vai para a presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), onde terá salário mensal de quase R$ 100 mil.   “Não forçaremos Dyogo a […]

Jucá dá aval para Meirelles nomear sucessor na Fazenda

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

O senador Romero Jucá (MDB-RR) praticamente entregou os pontos e aceitou que Henrique Meirelles indique seu sucessor para o comando do Ministério da Fazenda. O nome de consenso é o de Eduardo Guardia, atual secretário executivo da pasta.   Para tentar acalmar os ânimos, é possível que o Palácio do Planalto se antecipe aos fatos e anuncie Guardia como sucessor […]

Ministro do Planejamento vai em busca de investidor estrangeiro

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, terá uma agenda pesada no exterior nos próximos dias. A maratona, que inclui Estados Unidos e Canadá,  tem por objetivo mostrar a perspectiva para a infraestrutura no Brasil e os projetos prioritários, além de expor a melhoria no ambiente macroeconômico do país.   No domingo, 4, em Toronto, o ministro participa da inauguração do […]

O embate de Meirelles para fazer seu sucessor na Fazenda

Publicado em Deixe um comentárioEconomia

ANTONIO TEMÓTEO E HAMILTON FERRARI Sem ainda ter emplacado a candidatura ao Palácio do Planalto, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, está no meio de um embate para escolher quem o sucederá no comando da equipe econômica. Meirelles é favorável à nomeação do secretário executivo da pasta, Eduardo Guardia, mas enfrenta oposição do líder do governo no Congresso Nacional, senador […]