GasolinaIra Foto: Rafaela Gonçalves/ CB.Press

Com preços dos combustíveis nas alturas, Petrobras lucra R$ 40,1 bi

Publicado em Economia

O presidente Jair Bolsonaro vive reclamando dos altos preços dos combustíveis, mas foram justamente os altos valores cobrados dos motoristas que levaram a Petrobras a registrar, em 2019, o maior lucro nominal de sua história: R$ 40,1 bilhões.

 

Para se ter uma ideia do que isso representa, os ganhos da estatal aumentaram 55,7% em relação aos resultados de 2018. Até então, o maior lucro da Petrobras havia sido contabilizado em 2010, o último ano do governo Lula: R$ 35,2 bilhões.

 

O lucro histórico da Petrobras foi anunciado no mesmo dia em que a empresa anunciou o primeiro reajuste da gasolina no ano, de 3%. O ganho de R$ 40,1 bilhões também coincide com a greve dos petroleiros, que já está no 19º dia, sem perspectiva de solução.

 

Vendas de empresas

 

Além dos altos preços dos combustíveis, o lucro recorde da Petrobras resultou da venda de subsidiárias e controladas, como a TAG (de gasoduto) e a BR Distribuidora, e de campos de petróleo. A empresa afirmou, porém, que sofreu com as cotações mais baixas do petróleo no mercado internacional e com a elevação dos custos das dívidas.

 

Somente nos últimos três meses de 2019, o lucro da petroleira atingiu R$ 8,15 bilhões, com aumento de 287% ante o mesmo período do ano anterior. Os investidores, por sinal, já antecipavam esses ganhos recordes. Tanto que as ações preferenciais (PN) da estatal encerraram a quarta-feira (19/02) com alta de 2,68%. As ordinárias (ON) avançaram 1,97%.

 

Brasília, 20h06min