Teste de Covid-19
Teste de Covid-19 Teste de Covid-19. Crédito: AFP Teste de Covid-19

Brasil já teria 370 mil casos de Covid-19, segundo estudo de banco suíço

Publicado em Economia

ROSANA HESSEL

Os dados oficiais de contágio da Covid-19, pandemia provocada pelo novo coronavírus, estão subestimados. Isso é fato e autoridades não negam. Economistas do banco suíço UBS fizeram uma estimativa de que o país já teria atingido 370 mil casos reais até 13 de abril e esse número pode chegar a 775 mil até o fim do mês, considerando estimativas comparativas de históricos de outros países.

Conforme o levantamento da instituição financeira, com 33 mil casos registrado até sexta-feira, o Brasil estava no 11º lugar entre 42 países. Pelos cálculos dos economistas do UBS, quando o país chegar ao pico oficial de 65 mil no fim de abril, o número real terá alcançado 775 mil, incluindo os pacientes assintomáticos.

 

Para chegar a esses números, o UBS fez uma comparação com a base de dados do Centro de Estudos do Coronavírus da Universidade Johns Hopkins de 42 países que atingiram mais de mil casos confirmados até 31 de março. Desse total de nações, 33 registraram restrições de mobilidade.

 

O estudo do UBS destaca ainda que o Brasil registrou 145 casos por milhão de pessoas, enquanto os Estados Unidos, possui 2.054 casos por milhão. Contudo, o país ainda fica atrasado em número de testes 296 por milhão de pessoas enquanto os EUA realiza 10.333 testes por milhão e a Alemanha, 20.629. Já o número de mortes, de 9 por milhão de pessoas é menor do que o de 105, nos EUA, e de 49, na Alemanha.

 

Na avaliação do banco suíço, a prorrogação do distanciamento social em São Paulo para até de 10 de maio será fundamental para medir os impactos econômicos da pandemia e conter a doença (que ainda não tem uma vacina e já registra reincidência de contágio na Coreia do Sul).  “Se o distanciamento social for mantido ou não além dessa data, será decisão-chave na mensuração dos custos econômicos da crise para o Brasil”, destaca o documento.

 

Os dados oficiais atualizados indicam quase 40 mil casos confirmados, com cerca de 2,5 mil mortes por Covid-19.