Sempre nas últimas

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O mundo tem pressa; o movimento de rotação do planeta não foi alterado, mas as 24 horas do dia parecem passar bem mais rápido que há poucos anos. Mesmo que ninguém tenha a menor ideia de onde quer chegar, não dá para perder tempo e Maurição levanta uma questão séria: “Quando foi que um segundo virou uma eternidade?” Ele acompanhava […]