O novo consultório

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Quando se fala em consultório médico todo mundo logo pensa numa estoica sala de branco imaculado, uma mesinha e uma maca; no canto, fica um armário com estetoscópio, aquela lanterna de cabeça e outros equipamentos para exames iniciais. Foi em ambientes assim que Dr. João Bosco Marinho passou mais de 50 anos, desde que chegou a Brasília, vindo da Paraíba. […]

Prisioneiro

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Tem uma história relativamente conhecida do homem que liga para o dono do bar e pergunta a que horas ele vai abrir o estabelecimento. Depois de ouvir que só abriria bem mais tarde, o homem insiste até provocar uma reação irritada do bodegueiro, dizendo que não vai abrir o bar mais cedo só porque ele quer entrar. Até que o […]

Direto do engradado

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

A moça estava ali improvisada, quebrando um galho. Se tem algo que frequentador de botequim não gosta é de novidade; fica todo mundo cheio de mania, até o mais descolado parece desenvolver o tal transtorno obsessivo  compulsivo (TOC) no último grau. Basta tirar a garrafa de Drink Dreher do lugar de sempre para chover reclamação; se as mesas estiverem fora […]

Farmácia venceu o bar

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Bar fechado é uma desolação. Mesmo se a gente souber que ele vai reabrir em alguns dias. Os botecos contam a história de uma cidade, abrigam os personagens reais que formam a comunidade; é onde o executivo vai sem gravata, o operário tem voz e o político fica de orelha quente. O bar é a tribuna do homem comum, verdadeira […]

Ciência no botequim

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Os desmentidos são coisas que perderam a função nos nossos dias. As pessoas passaram a se considerar tão sábias, completas e autossuficientes, que a própria razão perdeu a razão de existir, com o perdão da redundância. Se agora é permitido ter até um filósofo sem formação acadêmica e sem noção de ética, imagine o resto. No botequim temos filósofos melhores […]

Sempre nas últimas

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O mundo tem pressa; o movimento de rotação do planeta não foi alterado, mas as 24 horas do dia parecem passar bem mais rápido que há poucos anos. Mesmo que ninguém tenha a menor ideia de onde quer chegar, não dá para perder tempo e Maurição levanta uma questão séria: “Quando foi que um segundo virou uma eternidade?” Ele acompanhava […]

O milagre sem fio

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

As posições são quase sempre as mesmas, em volta da mesa, pelo menos para os mais assíduos. Antiguidade é posto, diriam os militares que também frequentam rodas musicais da cidade. Não há uma ordem como nas orquestras, onde a percussão fica num canto, metais em outro, cordas à frente – é muito mais uma questão de afinidade musical entre as […]

Ordem unida

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

As mulheres não compreendem bem a relação de maridos, namorados e afins com os bares – mesmo que muitas sejam frequentadoras autônomas desses estabelecimentos. Talvez por não entenderem que ali é o espaço que todo ser humano precisa para se desligar, uma espécie de parquinho de diversões para adultos, onde são permitidas reações que, em qualquer outro espaço, seriam reprimidas. […]

A partilha do papagaio

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Toda noite quando chegava em casa ele era recebido pelo papagaio, aos brados: – Chegou o cachaceiro! Pinguço! Se sentia um personagem de piada; e reclamava da hoje ex-mulher para os companheiros, que havia ensinado o pássaro a repetir sempre as mesmas frases, inclusive com o tom exclamativo, quando ele chegava à noite. O pior é que o papagaio estava […]