Um país de tontos

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Eu nunca tinha lido uma bula de remédio até esta quarentena. Continuo achando que elas têm tanta importância quanto esses manuais que deveriam ensinar como se monta um móvel, quando a gente é surpreendido: nem a porca cabe no parafuso e ainda vem faltando três arruelas. Prefiro ficar sem usar remédio que um médico não receitou. Mas é época de […]

E chegamos até aqui

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Não tem festa, mas ainda assim é preciso comemorar os 60 anos de Brasília. Não foi fácil chegar até aqui; a luta pela consolidação da capital no centro do país enfrentou todo tipo de ataque, com toda espécie de arma – até a vassoura do populista Jânio Quadros que, com a desculpa de varrer o que chamava de bandalheira, usava […]

A redenção do cheiroso

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Agora que sabemos que flatulência também é cultura e, portanto, deve ser preservada, é preciso discutir o assunto sem medo da escatologia que o cerca. Até porque o pum foi tema de estudo recente feito por cientistas russos, e que esclarece todos os aspectos fisiológicos da manifestação. Óbvia conclusão: todos nós soltamos, não adianta negar. E poderíamos completar: não deixa […]

A palavra é o inimigo

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Verdade é artigo em falta hoje em dia. Começou na política, onde o pessoal de gravata comprou aquela história de pós-verdade que se espalhou pelas redes sociais como vírus imune a vacina e tratamento. Como cada um escolhe sua verdade, seleciona também sua mentira. Na prática, foi a revogação do nono testamento. E as coisas vão se ajeitando das maneiras […]

Beber à saúde

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

Deixamos passar de propósito. Ano passado apareceu estudo médico dizendo que beber, mesmo moderadamente, faz mal à saúde. Escolhemos não acreditar que uma garrafa de vinho – logo ele, tão bem falado – equivalia ao prejuízo de dez cigarros. E que tequila pode aumentar o risco de um AVC, ao contrário do que era especulado. A pesquisa não livra nem […]

O cinema e o poder

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O primeiro líder político a compreender o poder do cinema foi Adolf Hitler. A linguagem pictórica e concisa dos filmes fascinava o füher e ajudou a moldar os discursos que galvanizaram uma geração, com mensagens curtas, diretas e mastigadas para a massa. Hitler via pelo menos um filme por noite e suas impressões sobre eles foram registradas. Lalomaníaco, assim que […]

O compositor no tribunal

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O maior desafio para um cantor é encontrar canções que caibam na voz. A história da música popular é cheia de histórias de intérpretes e compositores que se completam, com casos emblemáticos: Aracy de Almeida e Noel Rosa, Demônios da Garoa e Adoniran Barbosa, Assis Valente e Carmen Miranda, Ary Barroso e Francisco Alves ou Jair Amorim/Evaldo Gouveia e Altemar […]

Folia na capital

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O presidente Juscelino Kubistchek tinha acabado de completar um ano no Palácio do Catete quando pipocou o primeiro protesto musical contra a transferência da capital para o meio do país. Gravada dia 30 de agosto de 1956 e lançada em novembro pela RCA Victor, a marchinha Nova Capital foi a aposta de Linda Batista para o carnaval. Os autores, Aldaci […]

Licença para pecar

Publicado em Deixe um comentárioCrônica

O carnaval vive um paradoxo. Já faz alguns anos que a folia nas ruas, o que antigamente se chamava de bloco de sujos, voltou com força, mas além de uma violência incomum para um período festivo e de suposta alegria e descontração, a música não se renova; são as velhas (e boas) marchinhas de sempre que embalam os foliões. Mas […]