PMSP recebe autorização para realizar nova seleção com 600 vagas

Publicado em Deixe um comentáriocarreira militar

Foi publicada, no Diário Oficial de São Paulo, a autorização para realização de um novo processo seletivo simplificado da Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMSP). A Secretaria da Fazenda e Planejamento autorizou e comprovou a necessidade temporária da PMSP em adotar as providências necessárias para a realização da seleção. Serão oferecidas 600 vagas para o cargo de guarda vidas. A previsão é que o contrato seja de novembro deste ano até março de 2019. Mas ainda não há previsão de quando o edital será publicado.

Mais em São Paulo

A Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô-SP) abriu um novo concurso público com quatro vagas para o cargo de agente de segurança metroviária I. Os salários são de R$ 3.075,16, com jornada de trabalho de 40 horas semanais. Confira aqui o edital completo. As vagas são para homens e mulheres que possuem nível médio de escolaridade. Além disso, é necessário ter altura mínima de 1,70m, para o sexo masculino, e 1,65m, para o sexo feminino, descalço.

As inscrições podem ser realizadas até 13 de setembro, mediante o pagamento de taxa no valor de R$ 85. Saiba mais aqui! 

Doria autoriza concurso com 5.400 vagas para soldados da PMSP

Publicado em Deixe um comentáriocarreira militar, Concursos

Quem busca ingresso na carreira militar já pode começar os estudos para o novo concurso da Polícia Civil de São Paulo (PMSP). O governador João Doria autorizou, no Diário Oficial do estado da última sexta-feira (29/3), dois novos concursos públicos para ingresso na corporação em 2020. Serão abertas nada menos que 5.400 oportunidades para soldado de segunda classe, sendo que metade será provida em maio do ano que vem e a outra em novembro.

 

Último concurso

O edital para o cargo foi lançado pela PMSP em junho do ano passado, com 2.700 vagas, tanto para homens quanto para mulheres. Segundo o regulamento, a remuneração básica inicial foi de R$ 3.143,70. A Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Fundação Vunesp) foi a banca organizadora responsável pela seleção.

Puderam concorrer candidatos com nível médio de formação escolar completo e idade mínima de 17 e máxima de 30 anos. A altura mínima deve ser de 1,55m para mulheres e 1,60m para homens.

As inscrições custaram R$ 50. Houve provas objetivas, dissertativas, exames de aptidão física e de saúde, exame psicológico, avaliação da conduta social, da reputação e da idoneidade, análise de documentos e curso de formação.

As provas objetivas tiveram 60 questões que abordaram as disciplinas de língua portuguesa, interpretação de texto, matemática, conhecimentos gerais, noções básicas de informática e noções de administração pública.

 

Outras concursos estão por vir

No mês passado, a Polícia Militar de São Paulo escolheu a banca organizadora de um outro concurso público, desta vez para aluno-oficial do Curso de Formação de Oficiais (CFO). A Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Fundação Vunesp) já foi contratada, por meio de dispensa de licitação, para preparar e organizar o certame.

Com a finalidade de contratar 190 novos profissionais, o concurso da PM também será para atuação em 2020. A remuneração inicial para o cargo é de R$ 3.095,88, equivalente a vencimento básico (R$ 1.202,12), regime especial de trabalho policial (RETP) no valor de mais R$ 1.202,12 e insalubridade de R$ 691,64.

O cargo de oficial da Polícia Militar de São Paulo é de nível médio, para candidatos com idade entre 17 e 30 anos e altura mínima de 1,55m para mulheres e 1,60 para homens.

Para ingressar na carreira, os interessados são submetidos a seis fases de avaliações durante o concurso, sendo elas: exame de conhecimento (prova objetiva e discursiva), exame de aptidão física, exame de saúde, exame psicológico, avaliação de conduta social e análise de documentos.

O governador do estado de São Paulo, João Doria, ainda anunciou que um outro concurso da PMSP será lançado em breve, para até 300 vagas. Além disso, serão criados 17 novos batalhões especiais. A informação foi revelada durante uma coletiva com a imprensa local. Doria, após ser eleito, anunciou que uma das grandes prioridades em seu governo seria a realização de concursos para a área de segurança.

Com salário de R$ 6,4 mil, PMSP escolhe banca para o próximo concurso

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Do CorreioWeb – A Polícia Militar de São Paulo (PMSP) definiu a banca organizadora de seu novo concurso público para oficiais. Foi divulgado no Diário Oficial do estado, no último sábado (14/7), que a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Vunesp) será responsável pelo planejamento, organização, execução e classificação dos novos profissionais.

O concurso foi autorizado no mês passado. De acordo com a autorização, também publicada no Diário Oficial do estado, serão abertas 270 vagas para o curso de formação de oficiais (CFO) e os aprovados devem ser convocados para exercício em 2019.

O CFO é realizado na Academia de Polícia Militar do Barro Branco e, durante esse período, os alunos-oficiais recebem remuneração de inicial de R$ 2.946,54. Após a conclusão do curso e término do estágio probatório, o aprovado é promovido ao posto de 2º tenente e passa a ter remuneração de R$ 6.417,06, conforme tabela de vencimentos anexa à Lei Complementar nº 1.249, de 3 de julho de 2014.

Outros benefícios do cargo são: regime próprio de previdência e assistências médica, odontológica e psicológica.

A carga horária é de 40 horas semanais para aqueles que atuarem em atividades administrativas e de 12 horas de serviço por 36 horas de folga para os que atuarem em atividades operacionais.

São requisitos básicos para concorrer, conforme dispõe a Lei Complementar nº 1.291, de 22 de julho de 2016: ser brasileiro; ter idade mínima de 17 anos e máxima de 30 anos, exceto para quem já é policial militar; ter altura mínima de 1,55m, se mulher, e de 1,60m, se homem; é permitido o uso de tatuagem, desde que sua simbologia não seja conflitante com os valores policiais-militares e não faça alusão a condutas ilícitas, a tatuagem ainda não pode estar visível na hipótese de uso de uniforme operacional “de verão”, composto por camisa de manga curta e bermuda; estar quite com as obrigações militares e eleitorais; possuir boa saúde, higidez física, mental e perfil psicológico compatível com o cargo; e ter concluído o Ensino Médio ou equivalente.

 

Último concurso

Também realizado pela Vunesp, em 2017, a corporação abriu 221 vagas para o cargo de oficial. O concurso avaliou os candidatos por meio de prova objetiva, dissertativa, exames de aptidão física, exames de saúde, psicológicos, avaliação da conduta social, da reputação e da idoneidade, e análise de documentos.

Em 19 de novembro de 2017 foram aplicadas as provas objetivas (80 questões de múltipla escolha) e a redação. Confira mais detalhes sobre o edital aqui.

Polícia Militar de SP vai abrir novo concurso com 2.700 vagas

Publicado em Deixe um comentárioConcursos

Um novo concurso público será lançado pela Polícia Militar de São Paulo (PMSP).  Nesta semana a corporação definiu a banca organizadora da seleção, que abrirá 2.700 vagas para soldados PM de 2ª classe. Caberá a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Vunesp) a responsabilidade de seleção dos aprovados. O concurso foi autorizado pelo Governo de São Paulo, em dezembro de 2017, e deverá contratar os aprovados em janeiro de 2020.

Os requisitos básicos para concorrer a uma vaga são: nível médio; ter idade mínima de 17 e máxima de 30 anos de idade; ter estatura mínima de 1,55 cm, se mulher e 1,60 cm, se homem; e Carteira Nacional de Habilitação (CNH), entre as categorias “B” e “E”. Atualmente, o salário inicial para soldado PM de 2ª classe é de R$ 3.049,41.

Concurso em andamento

Em março de 2018, a corporação publicou edital de abertura  de outro concurso para o mesmo cargo, também com 2.700 vagas. As inscrições foram aceitas até 19 de abril e em 3 de junho foram aplicadas as provas objetivas e avaliações discursivas.

As próximas etapas deste concurso são: exame de aptidão física, exames clínico geral, oftalmológico, otorrinolaringológico, toxicológicos e psicológicos, avaliação de conduto social e análise de documentos.

A Vunesp também é responsável por essa seleção. Acesse o edital aqui e saiba quais conteúdos estudar para o próximo certame.

Concurso para oficias

Outro concurso que deve ser aberto em breve é para oficias da PMSP. No último 13 de junho, o Governo do Estado autorizou 270 vagas e ressaltou que os aprovados devem ser convocados para exercício em 2019.

Os aprovados em todas as etapas do concurso serão matriculados no Curso de Formação de Oficiais (CFO) na Academia de Polícia Militar do Barro Branco. A remuneração inicial do cargo de aluno-oficial é de R$ 2.946,54. Após a conclusão do curso e término do estágio probatório, o aprovado será promovido ao posto de 2º tenente, com remuneração de R$ 6.417,06, conforme tabela de vencimentos anexa à Lei Complementar nº 1.249, de 3 de julho de 2014.

Governo de São Paulo anuncia mais de 2,4 mil vagas para PMSP

Publicado em 1 ComentárioConcursos

Do CorreioWeb – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin anunciou, em evento para entrega de viaturas na última terça-feira (25), que autorizará a abertura de dois novos concursos para a Polícia Militar do estado. Segundo a assessoria do governo, serão dadas três autorizações para a PM. A primeira trata da abertura de concurso público para provimento de 221 alunos oficiais. A segunda, sobre concurso para 2.200 novos soldados, e a última trata da redução de tempo para promoção ao posto de 2º tenente, que hoje é de um ano, e de acordo com o novo texto, passaria a ser apenas seis meses.

Oficial

Para concorrer ao cargo de oficial é necessário ter Ensino Médio completo, idade mínima de 17 e máxima de 30 anos, estatura mínima de 1,55m para mulheres e 1,60m para homens e ter boa saúde. É permitido ter tatuagem, desde que a mesma não faça alusão a condutas ilícitas, a simbologia não seja conflitante com os valores policiais-militares e ela não esteja visível na hipótese de uso de uniforme operacional de verão.

A remuneração inicial do cargo de aluno-oficial da PM é de R$ 2.946,54. Com a conclusão do Curso de Formação de Oficiais (CFO) e o término do estágio probatório, o candidato se torna 2º tenente, com remuneração de R$ 6.417,06.

Soldado

Para participar do concurso de soldado, o candidato deverá preencher todos os requisitos de oficial, além de ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de categoria B.

O candidato começa com o cargo de soldado de 2ª classe, ganhando R$ 2.992,54. Após a conclusão do curso de formação e o término do estágio probatório, o aluno é promovido a soldado de 1ª classe com remuneração de R$ 3.312,18.

Novo concurso com 5.400 vagas é autorizado em São Paulo

Publicado em Deixe um comentárioautorização, carreira militar

Do CorreioWeb – O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, autorizou a abertura de processo seletivo para a Polícia Militar (PMSP). O concurso ofertará 5,4 mil vagas para o posto de soldado de 2ª classe. O salário inicial é de R$ 2.357,76, mais adicional de insalubridade no valor de R$ 571,51.

 

Mulheres e homens, entre 17 e 30 anos, poderão se inscrever. A altura mínima é de 1,55 m e 1,60 m, respectivamente. É necessário ter o nível médio concluído, estar em dia com as obrigações eleitorais e não ter antecedentes criminais. Também é exigida carteira de habilitação nas categorias B e E.

 

A seleção será por meio de prova escrita, teste físico, exames de saúde e psicológico, além de análise de validade dos documentos e títulos apresentados pelos candidatos. Os aprovados participarão de curso superior técnico de polícia ostensiva e preservação da ordem pública, com duração média de um ano, na Escola Superior de Soldados (ESSd).