CBPFOT140820151033 Marion Straub, sócia da confeitaria Praliné

Que alívio! A Praliné só parou um dia

Publicado em

Vizinhos e admiradores dos tradicionais doces e chocolate suíços levaram um susto esta semana. A Praliné, tradicional confeitaria da 205 Sul, estava de portas fechadas. “De tão antigas as raízes dos ficus levantaram o piso da loja e ‘vazaram’ para a quadra residencial”, explicou Marion Straub Vendramini, que ao lado do marido Augusto Vendramini, toca a casa, há 44 anos nas mãos da família. Vera e George Straub já não atendem mais o balcão da Praliné, mas ainda vão la de visita. A confeitaria reabriu, enquanto a reforma continua.