Inscrições para o prêmio internacional Basque Culinary Center 2017 estão abertas

Publicado em

David Hertz, que criou Gastromotiva para treinar jovens carentes; Manu Buffara, que luta pela preservação de ingredientes e métodos de cultivo tradicionais na Ilha Rasa, em Curitiba; e Teresa Corção, fundadora do instituto Maniva, que estimula agricultura orgânica de raiz familiar, são os três chefs brasileiros que, no ano passado, integraram a lista de 20 finalistas do prêmio internacional conferido pelo Basque Culinary Center, a primeira universidade gastronômica da Espanha e uma das mais renomadas do mundo. Vencido em 2016 pela venezuelana Maria Fernanda Di Giacobbe (construiu uma cadeia de edução, empreendedorismo e desenvolvimento econômico em torno do cacau), o prêmio deste ano está com inscrições abertas até o dia 30 de abril.

Os candidatos deverão ser indicados por outro profissional que esteja trabalhando no mundo da gastronomia e do júri fazem parte os membros do conselho consultivo da instituição, entre eles, Joan Roca, Heston Blumenthal, Alex Atala, Enrique Olvera e Gastón Acurio. O vencedor vai receber 100 mil euros que poderá destinar a um projeto da sua escolha “para demonstrar o amplo papel da gastronomia na sociedade”, reza o estatuto do prêmio. Mais informações, contate info@basqueculinaryworldprize.com.