Foto de fundo da matéria 10/02/2020. Crédito: Claudio Fonseca/Divulgação. Brasil. Gramado - RS. Favas Contadas. Saúde com prazer. Exercícios ao ar livre no Kurotel - Centro Contemporâneo de Saúde e Bem Estar.

Clínica gaúcha premiada no exterior oferece experiência saudável

Publicado em

Saúde com prazer

Gramado — A partir da década de 1950, nos domingos e feriados, a população se dirigia, ao longo dos caminhos, com a cuia do chimarrão e a água numa mão e, na outra, a cesta com mudas preparadas na véspera em toquinhos da planta, que fincava à beira da estrada e ruas, lançando assim as bases da floração azul que daria à cidade o título de “capital das hortênsias.” Segundo Luiz Fernando Veríssimo, Gramado “foi construída em cima do que eles fincaram no chão”.

Iniciada por imigrantes lusos, a colonização europeia trouxe alemães e italianos, que, em poucos anos, ergueram na Serra Gaúcha talvez a cidade mais bonita do Brasil. Nela, o turismo desabrochou tendo como raiz a preocupação de seu povo com tudo o que é belo, bom e saudável, como o Kurotel — uma clínica, spa e hotelaria que completa, em março, 38 anos. Fundada pelo médico Luis Carlos Silveira, que deixou Pelotas para trabalhar na colônia, onde se produzia tudo o que ia à mesa, a clínica foi fortemente inspirada pela vegetação da região, a ponto de serem as ervas frescas a marca registrada do Kurotel.

Emagrecer sem fome

Com formação em nutrologia, o médico nunca aceitou o conceito em voga na época de que “perder peso é passar fome”. No estabelecimento que ele fundou com a ajuda da mulher, Neusa, são servidas seis refeições por dia. Também buscou mudar o paradigma de que dieta não traz comida boa. Logo de início, o Kur (vem da palavra alemã que significa cura) procurou se cercar de profissionais da gastronomia para montar o cardápio. Por lá, passaram os chefs Michel Roth, do Hotel Ritz, de Paris; Luciano Boseggia, ex-Fasano; e Jean Paul Bondoux, do restaurante La Bourgogne, de Punta Del Este, Uruguai, que, a cada ano, desde 1997, passa um período no Kur prestando consultoria e dando seu toque ao menu.

“A ideia é mostrar que um prato saudável também pode ser sofisticado”, afirma Rochele Silveira, diretora administrativa e uma das quatro filhas do casal. As outras três — Evelise (geriatra), Barbara (fisioterapeuta) e Mariela (médica e nutróloga) — exercem funções na clínica, “onde não trabalha nenhum genro”, acrescentou Rochele. “Os netos, vai depender em que eles se especializarem.”

10/02/2020. Crédito: Kurotel/Divulgação. Evelise, Luís Carlos e Mariela Silveira garantem o atendimento médico

Inovação

Antes de completar quatro décadas, o Kur, que “sempre aproximou a alta gastronomia das necessidades alimentares, dirige o foco para os produtos orgânicos”, afirma Jeremias Pontalti, gerente de hotelaria. Ele diz que, quando a própria horta de folhas, manjericão, tomate-cereja, manjerona, sálvia, salsinha, flores comestíveis e outras plantas é insuficiente, o abastecimento é feito por produtores orgânicos regionais, como a granja que vende ovos de galinha feliz.

No cardápio, você poderá se surpreender com pratos de polvo, congro, atum, bacalhau, camarão, pato, avestruz, codorna e uma variedade de cogumelos, incluindo paris, shitake e shimedji, todos cultivados na região. Proibido só carnes vermelha bovina e suína, “porque são alimentos de difícil digestão”, explica. Além da manteiga, sal refinado, farinha branca e álcool, claro.

10/02/2020. Crédito: Kurotel/Divulgação. Pratos com sabor e requinte são servidos em todas as dietas

Uma das novidades são jantares temáticos, que podem contemplar a Itália, por exemplo, oferecendo polenta de couve-flor e berinjela ao pomodoro. Também chamado Jantar do Futuro, que estreou ontem como parte de uma programação criada especialmente para os que querem se manter longe da folia do carnaval, traz cardápio vegetal “sem qualquer proteína animal, que, no futuro, as proteínas serão produzidas a partir de uma célula animal, em laboratório, eximindo qualquer possibilidade de matar um animal”, afirma Rochele Silveira.

Inspirada no Torá

Neste início de ano, o Kurotel, premiado internacionalmente, recebeu a certificação que o tornou o primeiro spa cinco estrelas do mundo a servir a culinária Kosher — dieta que prepara refeições de acordo com as leis judaicas extraídas do Torá, livro sagrado do povo de Israel, estabelecendo os alimentos permitidos e proibidos. A certificação foi emitida pela Wedo Kosher, primeira empresa a capacitar os melhores e mais renomados chefs de cozinha para servir a culinária nos moldes da lei judaica. Uma das máximas é não misturar carne e leite, sendo os únicos animais comestíveis vaca, carneiro e cabra. Peixe, só com escamas e barbatanas, e nenhum fruto do mar.

Simone Rocha, analista de marketing, atribui a conquista ao “comprometimento da empresa com a missão de estimular os clientes a buscarem um estilo de vida mais saudável, motivando escolhas positivas”. Na execução da dieta, vem um fiscal da comunidade israelita enviado pelo rabino para supervisionar a preparação dos alimentos. Nos Estados Unidos, 20% dos consumidores da comida kosher são judeus. A maioria busca mesmo qualidade na alimentação independentemente do credo ou filosofia alimentar.

Para quem quer mais do que comer saudavelmente, o Kurotel ensina a por a mão na massa com aulas de culinária, ministradas no charmoso bistrô, todas as semanas, às quartas-feiras, logo depois do almoço, que é servido entre 12h e 13h30. Você ganha prova de tudo. As aulas contemplam receitas variadas que possam atender aos distintos perfis de pessoas: alérgicas, intolerantes, veganas e vegetarianas.

Tecnologia

Caçula de quatro irmãs, Mariela Silveira seguiu a profissão do pai, formando-se em medicina e nutrologia. É ela quem dirige a área clínica e acompanha de perto a gastronomia funcional, tendo também por tarefa garimpar o que há de novo no mundo em termos de tecnologia que possa ser trazida ao centro de saúde. Daí, as visitas que faz ao Vale do Silício, na Califórnia, onde se informa sobre os lançamentos a respeito de exames genéticos. Um deles coleta a mucosa da bochecha para indicar qual o melhor tratamento a ser seguido e se há predisposição para alguma doença.

“A genética é a área do futuro”, observa Cristiane Barcellos, gerente da clínica/spa que discorreu sobre a versatilidade do Vila Shape 3, aparelho de última geração para redução de gordura localizada. De fabricação israelense, o equipamento provoca apoptose, morte das células gordurosas, ao contrário da necrose, que é a morte das células por lesão.

Sem conservantes

Outra nova fronteira é a cosmetologia, que está sendo toda reestruturada para alcançar mais sinergia com a filosofia do Kur, segundo a sócia Rochele. Depois da linha facial e corporal, a grife lança uma seleção de produtos masculinos. Cremes, sabonetes, xampus e loções são produzidos no laboratório, que funciona em prédio próximo. “Nós não usamos sulfato nem parabeno, nem fazemos testes com animais. Por não terem conservantes, a validade indicada no rótulo é menor que a de outros produtos”, aponta.

Entre as vitrinas que expõem produtos da clínica, como a Kombucha, despachada em isopor para clientes em São Paulo, há uma homenagem a três que deixaram memórias de sua passagem: a atriz Tônia Carrerro, considerada por muitos anos “garota-propaganda do Kurotel”, o jornalista Armando Nogueira e o escritor-poeta Mario Quintana. “Eles foram muito importantes na divulgação de nosso trabalho, e somos muito gratos por isso”, diz Rochele. A clínica, desde a fundação, tem sido frequentada por artistas, como Eva Wilma, Fafá de Belém e Regina Duarte, que postou em seu Instagram a visita feita há menos de um ano, quando nem sonhava em ser ministra.

Livro

10/02/2020. Crédito: Kurotel/Divulgação. Pão de farinha integral faz parte do café da manhã 

Com o título Sabor e saúde, está à venda a quarta edição da coletânea de receitas ilustradas que os clientes mais apreciam durante a estada no spa. O receituário foi criado pela equipe de nutrição e nutrologia com a curadoria do chef francês Jean Paulo Bondoux, cujo restaurante no Uruguai faz parte da rede Relais & Châteaux.

A obra de 137 páginas está dividida em seis capítulos: saladas e sopas; pratos principais; acompanhamentos; sobremesas; sucos, cremes e lanches; e pães, bolos e patês. Sai por R$ 119 e pode ser encomendado no site www.kurcosmeticos.com.br.

*A colunista viajou a convite do Kurotel