Constelação de chefs latinos cozinham em Lisboa

Publicado em

Lisboa– Numa promoção, que teve o patrocínio de bancos, companhias aéreas, governos e a vinícola Esporão, oito renomados  chefs da península ibérica e de além-mar estão reunidos na capital portuguesa para compartilhar caçarolas.

Eles participam nesta sexta-feira , 26, da Mostra Gastronômica Ibero-Americana, um jantar com oito etapas no restaurante Eleven (Parque Amalia Rodrigues) de Joachim Koerper, o chef alemão que há dois anos plantou sua marca lisboeta no Rio de Janeiro.

Por 130 euros, o equivalente a R$ 470 os comensais vão degustar sofisticado menu que começa com um lulas cozidas a frio com cítricos pelo chef Leonel Pereira do Algarve. Na taça, Esporão bem Vermelho 2016. Segue o prato de peixe na caldeirada nacional, como chamou o chef Ricardo Costa, nascido no Aveiro, que comanda  o The Yeatman na cidade do Porto.

A promoter carioca Fernanda Lima, uma das organizadoras do evento, disse esta tarde que poucos lugares havia, estando a maioria das mesas reservadas no bonito restaurante com vista da cidade. O anfitrião Joachim Koerper vai preparar um dos pratos mais típicos cataplana de lavagante, espécie de lagosta grelhada. Harmoniza com Esporão Reserva Branco 2015.

Depois do prato rabo de boi preparado pelo muito conhecido chef José Avillez, do Cantinho do Avillez de Lisboa,  apresentará sua arte o brasileiro Felipe Bronze com costela de porco, goiabada picante e tutu de lentilha com vinho tinto. Única mulher do grupo a mexicana, que ganhou troféu melhor chef da América Latina em 2014, Elena Reygadas fará sobremesa de merengue, enquanto o peruano Jorge Munoz, que comanda o Pakta de Barcelona também oferece doce com o Quinta dos Murças Porto Tawny 10 anos. Encerra o banquete o chileno Rodolfo Gúzman com a terceira sobremesa em base de gelado. Tudo supimpa!!!