Paris: uma invenção genial

Publicado em Deixe um comentáriohistória, literatura, livro, paris, reportagem, Sem categoria

Eric Hazan nem sabe direito como teve a ideia de escrever A invenção de Paris, mas lembra de achar curioso que os amigos se interessassem pelas histórias contadas durante passeios pela cidade. O fato é que Hazan é um historiador compulsivo e Paris, um assunto irresistível. A combinação foi perfeita para esse livro que chega agora ao Brasil em uma edição caprichada da Estação Liberdade.

Rita Lee destila ironia em livro de contos

Publicado em Deixe um comentáriocontos, ilustração, ironia, literatura, livro, real, Sem categoria, surreal

Dropz poderia muito bem ser um disco. Tudo o que Rita Lee escreveu nesse livro de contos, que chega depois da polêmica e sincera autobiografia, rende música simplesmente porque a cantora/compositora/escritora é uma narradora de primeira, seja na ficção, seja na canção. Rita é, ainda, excelente em transformar coisinhas do cotidiano em textos que nos prendem por conterem a dose certa de ironia (autodirigida, muitas vezes), indignação, humor e crítica. Dito assim, os ingredientes de Dropz vêm de um cardápio que sempre esteve presente nas músicas da autora.

The handmaid’s tale: a distopia que deu origem à série

Publicado em 6 Comentáriosabsurdo, distopia, fantasia, literatura, livro, real, Sem categoria, surreal, violência

Distopias são sempre bem-vindas em estantes de livros. Além de permitir a fantasia ao criar mundos cheios de absurdos, é um gênero capaz de abrigar metáforas impensáveis em um universo real. E volta e meia elas ressurgem nas prateleiras das livrarias, especialmente em tempos de crise, quando explicar o inexplicável só é mesmo possível por meio de uma ficção científica muito improvável, porém não impossível. A distopia do momento responde pelo nome de O conto da aia, ou The handmaid’s tale, um romance escrito por Margaret Atwood e publicado em 1985.

Seleção de contos policiais organizada por Daniel Galera reflete realidade latino-americana

Publicado em Deixe um comentáriocontos, literatura, literatura policial, livro, Sem categoria, violência

Parece que a América Latina se presta bem às histórias policiais. Talvez pelo contexto da desigualdade social, raiz inevitável da violência urbana, talvez pelas tensões políticas que marcaram o continente, o fato é que o gênero encontra um eco particular por aqui. De olho nisso, o escritor Daniel Galera saiu em busca de autores não necessariamente ligados ao gênero para montar um pequeno mapa da literatura policial latino-americana a pedido da revista McSweeney´s, fundada pelo escritor Dave Eggers, autor de O círculo.

Graphic novel de Richard McGuire desafia o tempo

Publicado em Deixe um comentáriographic novel, ilustrador, literatura, livro, quadrinhos, Sem categoria

Pouco importa a página na qual você abrir Aqui: o tempo cruza o espaço de forma inusitada, então você estará sempre no lugar certo para começar. A graphic novel de Richard McGuire tem esse poder estranho de nos lembrar que o tempo não é linear (embora sejamos muito apegados a essa ideia de um minuto depois do outro) e atravessa o espaço sem pedir licença.

Biografia narra como Belchior construiu o próprio mito

Publicado em Deixe um comentáriobiografia, livro, mitos, reportagem, Sem categoria

Foi quando Belchior desapareceu – ou começou a desaparecer e virar mito – que o jornalista Jotabê Medeiros deu início à pesquisa para uma biografia do compositor. Era 2007 e  o artista havia sumido misteriosamente. Deixou dívidas mas, sobretudo, deixou a certeza de que não queria ser encontrado. Em abril deste ano, o mundo soube de Belchior novamente. Dessa vez, a […]

Abecedário do folclore tem lendas urbanas e mitos tradicionais

Publicado em Deixe um comentárioabecedário, curupira, folcore, literatura, livro, mitos, Sem categoria

Já ouviu falar da Loira do Banheiro? Também conhecida como Menina do Algodão e Big Loura, ela assombra o banheiro das escolas, geralmente quando alguém dá descarga ou faz movimentos mais bruscos. O fantasma aparece vestido em uniforme escolar e com muitas feridas no rosto. E o Chupa-cabra, que aterrorizou os animais de fazendas em toda a América Latina, começando […]

Reportagem revela drama de vítimas da hanseníase

Publicado em Deixe um comentáriohanseníase, literatura, livro, reportagem, Sem categoria, vítimas

A jornalista Manuela Castro não sabia praticamente nada sobre a hanseníase quando se deparou com uma pauta que renderia muito mais que uma reportagem. Durante a cobertura da agenda do Palácio do Planalto para a TV Brasil, ainda no mandato de Dilma Rousseff, ela conheceu um grupo de representantes do Movimento de Reintegração das Pessoas atingidas pela Hanseníase (Morhan), que […]

Livro de Danilo Leonardi fala de dramas da adolescência

Publicado em 2 Comentáriosliteratura, livro

Danilo Leonardi queria ler um livro para jovens e sobre jovens que falasse dos dramas da adolescência de maneira mais real e menos maquiada. O blogueiro achava os personagens desse tipo de literatura muito infantilizados, bobos e um tanto distantes do que realmente sentiam e pensavam os jovens leitores. Com essa ideia na cabeça, foi construindo a narrativa de Coisas inatingíveis. “Geralmente, quando a gente fala de literatura para adolescentes a gente está falando de algo muito leve, com personagens com algumas imaturidades que encontramos mais em crianças, um apetite sexual geralmente, muito diminuído em comparação com o real”, explica Leonardi. “São adolescentes perfeitos e idealizados que nunca beberam, fumaram e nunca fizeram uma série de coisas que a maioria das pessoas fazem na adolescência.”