50 erros que roubam vagas e prestígio

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Existem erros e erros. Alguns são primários. Estão na cara como batom vermelho ou óculos de grau. Grafar pesquisa com z ou exceção com ss serve de exemplo. Ambos denunciam pouca familiaridade com a língua escrita. Para se safar, conjugue três verbos – ler, ler, ler. E, sempre que a dúvida bater, consulte o dicionário. Generoso, ele diz como escrever a palavra. Outros erros são […]

Contraindicado ou contra-indicado?

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Vivemos uma história inédita. Um vírus faz a festa sem que haja vacina ou remédio eficaz contra ele. Receitas não faltam. As pessoas ouvem dizer que tal ou qual medicamento evita a contaminação. Alguns correm atrás da novidade sem questionar. Outros perguntam se há contraindicação. Assim mesmo. O prefixo contra- só pede hífen quando seguido de a ou h. No mais, o tracinho não tem […]

Pronúncia: ibero

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Ibero é  vítima dos falantes descuidados. Muitos teimam em tratar a palavra como proparoxítona. Nem se dão conta de que a coitada não usa grampo nem chapéu. Paroxítona, ibero joga no time de severo e Lutero. A sílaba tônica é a penúltima: O presidente participou do Encontro Ibero-Americano.  

Paulo Guedes e a pronúncia: Nobel

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Paulo Guedes deu entrevista de 2h30 à CNN. Falou, claro, sobre a economia pós-covid-19. Citou êxitos passados, frustrações presentes e perspectivas para os próximos anos. Em dado momento, disse que ganhadores do Prêmio “Nóbel” pensam do mesmo jeitinho que ele. Uiiiiiiiiiiiiiiii! Doeu. O ministro pode ter acertado na teoria, mas bateu na língua. O soco atingiu os ouvidos de gregos e romanos. A razão: Nobel […]

Pronúncia: recorde

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

  A semana foi pródiga em recordes. Dois sobressaem. Um: o número de mortos pela covid-19 no Brasil e no mundo. O outro: o desmatamento na Amazônia – o maior nos últimos 12 anos. Repórteres falaram no assunto. Maus alunos, esqueceram lição pra lá de respeitosa. Recorde rima com concorde. Paroxítonas, a sílaba tônica de ambas é cor.    

Pronúncia: 4 calos no pé

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Eta calos doloridos! Quatro pronúncias fazem a gente perder prestígio e enterrar amores. Ei-las: Recorde se pronuncia como concorde. A sílaba tônica: cor. Rubrica é paroxítona como fabrica. A sílaba fortona: bri. Ruim é dissílaba – ru-im. A sílaba tônica: im. Subsídio – O s de subsídio se pronuncia como o de subsolo.

Antirracismo: o porquê do rr

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

A morte cruel de George Floyd provocou explosão de revolta nos Estados Unidos. De norte a sul, de leste a oeste, manifestações antirracistas tomam conta das ruas. O assunto, claro, ganha espaço na mídia. A palavra antirracismo aparece em todas as reportagens. Com ela, a curiosidade: o porquê do rr. A presença da duplinha tem a ver com a pronúncia. Compare: carro, caro; morro, moro; […]