Estrangeirismos: 20 dicas

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

a posteriori – Significa depois da experiência, com apoio nos fatos. É o contrário de a priori. a priori – Contrário de a posteriori. Quer dizer antes da experiência, sem apoio nos fatos. ad aeternum – Em bom português, a latina quer dizer para sempre, eternamente. agreement / agrément – A primeira é palavra inglesa; a segunda, francesa. Prefira agreement, mais usada nos dias de […]

Crase: 4 dicas para acertar sempre

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Ferreira Gullar disse que a crase não foi feita pra humilhar ninguém. Pode ser. Mas que dá nó nos miolos, isso dá. Como desatá-lo? É fácil como andar pra frente. Primeiro passo: desvendar o segredo do acentinho Crase é como aliança no dedo esquerdo. Avisa que estamos diante de ilustre senhora casada. A preposição a se encontra com outro a. Pode ser artigo ou pronome […]

Sempre plural, sempre singular

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

O país mais citado na semana? Foi, sem dúvida, os Estados Unidos. As referências, porém, nem sempre respeitaram a concordância da maior potência do planeta. Muitos puseram o verbo no singular. Bobearam. A duplinha Estados Unidos joga no time dos nomes escritos no plural. Todos concordam com o artigo: O Palmeiras joga domingo. O Amazonas fica na Região Norte. Os Alpes atraem muitos turistas. Os […]

Quem é quem

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

O quem é um pronome pra lá de elitista. Adora gente. E só gente. Sempre que aparece, fala de pessoas: Quem chegou? Não sei quem chegou. Foi Maria quem chegou? Simples, não? Mas o mundo é cheio de maldades. Ou de descuidados. Com frequência, as pessoas sem coração agridem o quem. Uma das violências contra o pobrezinho é empregá-lo em frases como estas: Foi o […]

Os jogos

Publicado em 3 ComentáriosGeral

O céu dos gregos era diferente do nosso. No nosso, há um só Deus. No deles, há 12 permanentes e muitos hóspedes. O nosso Deus é perfeito. Não faz nada de errado. Os deles têm os defeitos e as qualidades dos homens: amam, odeiam, ajudam, defendem, atacam, traem, mentem, matam. No Olimpo há de tudo. É divertido que só. Os gregos adoravam os deuses. Homenageavam-nos. […]

Distância aristocrática

Publicado em Deixe um comentáriopreposição, sujeito

Na gramática, nem todos são iguais perante a lei. Alguns são mais iguais. É o caso do sujeito. Dono e senhor da oração, ele manda e desmanda. Um dos caprichos do mandachuva: nunca vir preposicionado. Por isso, nem em delírio, combine o artigo ou o pronome que acompanha o todo-poderoso com a preposição. É briga certa. Dizer é hora do show começar? Valha-nos, Deus. Peça […]