A meu ver? Ao meu ver?

Publicado em Deixe um comentárioGeral

    Ao falar ou escrever, costumamos frisar nossa opinião. Algumas pessoas dizem “a meu ver”. Outras, “ao meu ver”. De tanto ouvir as duas formas, acabamos confusos. Ambas são corretas? Ou só uma? Se só uma, qual? Você sabe responder à pergunta? Faça o teste. Leia as frases com cuidado e assinale as que estiverem certinhas da silva:   a. A meu ver, o […]

Erramos

Publicado em Deixe um comentárioErramos, Geral

“Os deputados tem direito de receber esse salário extra”, escrevemos na pág. 9. Cadê o acento? A reforma ortográfica não atingiu nem as oxítonas nem os monossílabos tônicos. Têm e vêm não têm parentesco com creem, deem leem e veem. Paroxítono, o quarteto perdeu o chapéu. As formas dos verbos ter, vir & derivados continuam como dantes no quartel de Abrantes.

Eles chegaram lá. Alguém duvidava?

Publicado em Deixe um comentárioGeral

Foram meses de falação. O assunto ocupou páginas e páginas dos jornais. Roubou horas e horas do rádio. Mereceu minutos sem fim dos noticiários da tevê. Não faltaram debates. Nem análises. Nem comentários. Sobraram elucubrações. A questão: quem levaria a presidência da Câmara e a do Senado. Apesar de todo o barulho, gente mais vivida não tinha dúvida. José Sarney e Michel Temer sentariam nas […]

a meu ver

Publicado em Deixe um comentárioGeral

A parte mais dolorosa do corpo     Ao falar ou escrever, costumamos frisar nossa opinião. Algumas pessoas dizem “a meu ver”. Outras, “ao meu ver”. De tanto ouvir as duas formas, acabamos confusos. Ambas são corretas? Ou só uma? Se só uma, qual?    Você sabe responder à pergunta? Faça o teste. Leia as frases com  cuidado e assinale as que estiverem certinhas da silva:    […]

A festa dos sinais

Publicado em Deixe um comentárioGeral

As pessoas nascem com talentos. Umas vêm ao mundo pra falar. Outras, pra ouvir. Augusto Marzagão pertence ao primeiro time. Com uma especialidade: conta piadas. Outro dia, conversava com estudantes. O papo girava em torno da redação. Todos tinham observações. Um comentou a organização do texto. Outro, a importância do vocabulário. Boa parte da moçada confessou a dificuldade de pontuar. Entre vírgulas e pontos, Marcos […]

Duas famílias

Publicado em Deixe um comentárioGeral

A família S Espiar é parente de espia, espião, espionagem, espionar. A família tem dois denominadores comuns. Um deles: os membros do clã se escrevem com s. O outro: todos são indiscretos que só. Têm os olhos compriiiiiiiiidos. A língua, então, nem se fala. Dobra a esquina. O clã X Pecou? Deus tudo vê. Para perdoar, o Senhor faz exigências. Impõe expiar os pecados. Roubou? […]

Pecado é pecado

Publicado em Deixe um comentárioGeral

                Um paulista, trabalhando pesado, suado, terno e gravata, vê um baiano deitado numa rede, na maior folga.  Não resiste e diz: – Você sabia que a preguiça é um dos sete pecados capitais? E o baiano, sem se mexer, responde: – A inveja também.   (Colaborou Lúcia Farias, a Lucinha)      

Notícias que fazem coluna

Publicado em Deixe um comentárioGeral

    A Terra gira, o tempo passa, os fatos acontecem. Tevês, rádios e jornais se encarregam de nos manter atualizados. O mundo fica pequeno. Acidente lá na Índia invade a sala de brasileiros, russos e quenianos. A farra de Robinho ganha manchetes de Europa, França e Bahia. Bombardeios de Gaza revoltam a consciência civilizada do planeta. O blog mantém-se atento ao soprar dos ventos. […]