O polêmico

Publicado em Deixe um comentárioGeral

   O pronominal mais polêmico? É suicidar-se. Suicidar-se é sempre pronominal. Pronominal tão assumido que os dicionários não registram a forma suicidar. O se não se desgruda nem a pedido do Todo-Poderoso.  Quem conhece a origem do verbo acha estranho. O caprichoso vem do latim. É formado de sui (de si, a si) + cídio (matar). Significa matar a si mesmo. No duro, não precisaria […]

Operação Apareceu a Margarida

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  A Justiça Federal manda prender. O Supremo Tribunal Federal manda soltar. Insistente, a Justiça Federal manda prender outra vez. Teimoso, o Supremo Tribunal Federal manda soltar de novo. O vai-e-vem animou Humberto Braz. “Se as togas não se entendem”, pensou ele, “não tenho o que temer. Vou dar as caras.” Deu.   Teve início, então, a Operação Apareceu a Margarida. Quando a Operação Satiagraha ganhou […]

A capoeira que encanta

Publicado em Deixe um comentárioGeral

    Viva! A capoeira subiu de status. Tornou-se patrimônio cultural do Brasil. A honra é pra lá de merecida. O esporte que parece dança homenageia os olhos. Os participantes viram cambalhotas, dão saltos mortais, fazem estrelinhas no ar. É uma festa.     A capoeira veio da África. Mas ganhou o nome aqui. Foi há muitos e muitos anos. Sabe como foi? Os escravos vendiam animais […]

Nem tanto ao céu nem tanto ao mar

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Arnaldo Jabor conta: “Há um tempo quebrei o braço. E, creio, meu pobre estilo melhorou, pois tinha de escrever com um dedo só e a dor me obrigava a períodos menores. A frase menor dói menos. Tirei adjetivos, não perfumei palavras.”   Ele aprendeu com dor lição que vem de lonnnnnnnnnnnnnnge. Montaigne, há 400 anos, ensinou: “O estilo deve ter três virtudes — clareza, […]

Etc. e tal

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Vírgula antes do etc.? Eta briga antiga! Os gramáticos não se entendem. Alguns dizem que sim. Outros que não. As três letrinhas vêm do latim. Na língua dos Césares, significavam “e tantas coisas”. Na sigla aparece o e. Daí o mal-entendido.   Os virgulinos apresentam sua razão. “Com o tempo”, dizem eles, perdeu-se a noção do e. Deve-se considerar o etc. como uma palavra […]

Dia de São Nunca

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Nossa! O Senado foi rápido que só. Antes da hora prevista, anunciou a volta atrás. Ficou o criado pelo não criado. Os tais 97 cargos do trem da alegria já eram. Quando serão recriados? “Fica pras calendas gregas”, respondeu o presidente.   Calendas era o primeiro dia do mês romano. (Daí nasceu a palavra calendário.) Na ocasião, promoviam-se grandes festas. A razão: as pessoas, […]

Nome da letra

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Você sabia? O a, quando nome da letra, leva acento (á): Não diz á nem bê. O bê-á-bá da política é a conversa. O locutor consultou o fonoaudiólogo porque não conbsegue pronunciar o á com clareza.   A primeirona do alfabeto tem duas formas no plural. Uma: ás. A outra: aa. A escolha é sua: Os ás do locutor são quase inaudíveis. Os aa do […]

Ronaldinho liberou geral

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Ronaldinho, agora Ronaldão, justifica a mudança de grau do nome. Com séria lesão no joelho, o Fenômeno liberou geral. A primeira beneficiada foi a balança. Fotógrafos flagraram o atleta em Ibiza, na Espanha. Chamou-lhes a atenção o tamanho da barriga. Fazia dobras.    Curiosos tentaram adivinhar o peso do rapaz. Apostaram alto. Talvez algum tenha acertado, mas o importante na disputa foi respeitar o gênero da palavra grama. A […]

Senado em dúvida

Publicado em Deixe um comentárioGeral

  Os senadores estã em pânico. A razão: na calada da noite, Suas Excelências puseram nos trilhos novo trem da alegria. Nada menos que 97 passageiros podem embarcar na confortável locomotiva sem pagar passagem e sem disputar lugar com outros concorrentes.   “Eu também quero”, gritaram os concurseiros que ralam anos pra entrar no serviço público pela porta da frente. A imprensa foi atrás. Resultado: diante […]