Nome estrangeiro: grafia

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

As partículas de, von, di, va, da e outras que aparecem em nomes estrangeiros escrevem-se com a inicial minúscula quando estiverem no meio do nome e com maiúscula quando iniciarem o nome: Charles de Gaulle, mas o presidente De Gaulle; Leonardo da Vinci, mas o pintor Da Vinci; Werner von Braun, mas o cientista Von Braun.  

Cleptomania: origem

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Pobre é ladrão. Rico é cleptomaníaco. A palavra chique vem do grego clepsidra — nome dos antigos relógios de água ou areia. Tem duas partes. Uma: klepto. Significa roubar. A outra: hydor. Quer dizer água. Clepsidra lembra aos humanos que o tempo é roubado de ricos e pobres a cada grão de areia ou pingo d´água que escorre do relógio. Daí nasceu cleptomania, hábito de […]

Rir é bom

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Aparício Torelli ficou conhecido como Barão de Irararé. Bem-humorado, fazia piadas a torto e a direito. Um dia, estava fazendo prova oral. O examinador, sério, perguntou: — Quantos rins nós temos? — Quatro, respondeu Aparício. O professor perdeu a fala. Os colegas explodiram em gargalhadas. Sério, Aparício explicou: — Dois meus e dois seus. O mestre não deixou por menos. Querendo fazer graça, pediu: — […]

Crase: superdica

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

O acento grave não deixa dúvidas. Trata-se da crase. A danada ocorre se dois aa se encontrarem. O casório se dá quando a preposição a encontra o artigo definido a, ou o demonstrativo a, ou o a inicial dos pronomes demonstrativos aquele, aquela, aquilo: O êxito é obstáculo à liberdade. Entreguei o relatório àquele homem. Excluindo-se o caso dos pronomes demonstrativos, só haverá crase antes […]

A, o, lhe: emprego

Publicado em Deixe um comentárioportuguês

Lhe tem duas funções: 1. objeto indireto — complementa verbo transitivo indireto. É o caso de oferecer, agradecer, obedecer: Ofereci-lhe um cafezinho (a gente oferece alguma coisa a alguém). Agradeço-lhe o favor (a gente agradece alguma coisa a alguém). Obedecemos-lhe sem discussão (a gente obedece a alguém). 2. adjunto adnominal. Substitui o possessivo seu, sua, dele, dela: Acariciou-lhe os cabelos (acariciou seus cabelos). Invejou-lhe o […]