Nas entrelinhas: O candidato dos violentos

Publicado em Deixe um comentárioDesemprego, Eleiçoes, Governo, Memória, Política, Presídios, Segurança, Violência

É cultura política arraigada, fingir que a violência não é um problema do presidente da República, é agenda de governador. Era, não é mais De onde vem a resiliência do deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), que lidera as pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República com Lula fora da disputa? Com toda certeza, vem da violência presente […]

Nas entrelinhas: Os deuses e os mortos

Publicado em Deixe um comentárioCinema, Cultura, Governo, Justiça, Política, Segurança, Violência

  O que não falta são candidatos a deuses e a mortos-vivos. Vicejam num ambiente de iniquidade social, desesperança, violência e crise ética. O país foi atropelado pela globalização e pela Operação Lava-Jato Dirigido pelo moçambicano naturalizado brasileiro Ruy Guerra, Os deuses e os mortos é um ícone da fase “alegórica” do Cinema Novo, vencedor do festival de Brasília de […]

Nas entrelinhas: Tiros na noite

Publicado em Deixe um comentárioEleiçoes, Justiça, Lava-Jato, Memória, Política, Segurança, Violência

Depois da revelação de que a família do ministro do STF Edson Fachin,sofreu ameaças, os tiros contra o ônibus da caravana de Lula  fornecem ingredientes de um thriller policial às eleições presidenciais O escritor norte-americano Dashiell Hammett (Maryland, 27 de maio de 1894; Nova York, 10 de janeiro de 1961) abandonou a escola com 14 anos e passou a trabalhar […]

Nas entrelinhas: Balas traiçoeiras

Publicado em Deixe um comentárioGoverno, Justiça, Militares, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

No submundo da segurança no Rio de Janeiro, as regras de sobrevivência são as mesmas da lei da selva.  O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, e o ministro do Gabinete de Segurança Institucional, general Sérgio Etchegoyen, estão começando a se enrolar nas próprias declarações sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL), no Rio de Janeiro. Jungmann resolveu segurar […]

Nas entrelinhas: Falsa contradição

Publicado em Deixe um comentárioGoverno, Justiça, Militares, Partidos, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

A tentativa de transformar o caso Marielle numa bandeira partidária e eleitoral está fadada ao fracasso, ainda que empolgue e mobilize setores da classe média e da juventude Por causa dos 20 anos de ditadura militar, estabeleceu-se uma falsa contradição entre as políticas de segurança pública, contaminadas por métodos violentos e ilegais herdados da repressão à oposição ao regime, e […]

Nas entrelinhas: Execução foi recado

Publicado em Deixe um comentárioGoverno, Justiça, Militares, Partidos, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

No Rio de Janeiro, as agências de coerção do Estado foram capturadas pelo crime organizado a partir do seu vértice, num pacto corrupto entre os donos do poder e o crime organizado O assassinato da vereadora Marielle Franco (PSol) na noite de quarta-feira, crime que comoveu o país e mobilizou milhares de pessoas no Rio de Janeiro e outras cidades […]

Nas entrelinhas: Justiça seja feita

Publicado em Deixe um comentárioEducação, Esporte, Governo, Juventude, Política, Presídios, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

A taxa de resolução dos casos de homicídio é baixíssima; começa na hora de preencher o atestado de óbito e fazer a autópsia, sem os quais não existe sequer investigação Uma das dificuldades para compreender o fenômeno da violência nas cidades brasileiras decorre da inversão do senso de Justiça. A noção positiva, do ponto de vista do cotidiano dos moradores […]

Nas entrelinhas: Mera coincidência

Publicado em Deixe um comentárioEleiçoes, Governo, Justiça, Memória, Militares, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

A ida de Jungman para o Ministério da Segurança Pública é uma solução natural, tipo “prata da casa”. Entretanto, não é natural um general como ministro da Defesa, pasta criada para o poder civil No livro O 18 Brumário de Luís Bonaparte, já citado aqui a propósito da conjuntura eleitoral que vivemos, Marx se inspira no golpe de estado de […]

Nas entrelinhas: O drible a mais

Publicado em Deixe um comentárioCongresso, Eleiçoes, Governo, Justiça, Lava-Jato, Militares, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

A intervenção federal no Rio de Janeiro agastou ainda mais as relações entre o presidente Michel Temer e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que não digeriu até hoje o fato de ter sido atropelado pela decisão, que somente aceitou a pedido do governador Luiz Fernando Pezão. Apesar de ter viabilizado a aprovação da intervenção na Casa, numa votação […]

Nas entrelinhas: Não morreram em vão

Publicado em Deixe um comentárioGoverno, Justiça, Memória, Militares, Política, Rio de Janeiro, Segurança, Violência

O comandante militar do Leste, general Braga Netto, é o novo xerife do Rio. Tem a tarefa de restabelecer a paz e a ordem. É a primeira intervenção federal depois da Constituição de 1988 Quando a Itália entrou na I Guerra Mundial, em 1915, ao lado da “Entente” (aliança entre França, Inglaterra e Rússia), os políticos italianos acreditavam que aquela […]