Representação política no DF é caso de polícia

Publicado em ÍNTEGRA

Desde 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL “Toda a nação tem o governo que merece”, a frase, dita pelo filósofo francês De Maistre, traz, simultaneamente, uma verdade e uma falácia de iguais teor e efeito. A declaração foi feita durante os episódios da Revolução Francesa no século 18, e repetida ainda hoje mundo afora, inclusive no Brasil. Ninguém contesta […]

Ardis

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Com o novo entendimento do Senado de manter os direitos de a ex-presidente exercer funções públicas mesmo depois de cassada, abre-se uma via larguíssima para a reformulação de milhares de outros processos do gênero em que houve a condenação do réu e simultaneamente a perda desse direito de cidadania. Na previsão de […]

Bonomia enganosa

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Passados exatos oitenta anos da publicação da obra Raízes do Brasil, do historiador e crítico literário, Sérgio Buarque de Holanda, a atualidade certeira da obra, em seu enfoque sobre os percalços de nossa formação psicossocial, emerge com um frescor das coisas novas a cada grande crise que vamos experimentando no infindável processo […]

As enrolações na história brasileira

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Nesses dias árduos para a nação, muitos senadores, principalmente aqueles que buscam aconchego na esquerda, têm feito apelos alarmistas aos seus colegas sobre os perigos que uma decisão em favor do impeachment da presidente Dilma trará para suas biografias. Esses parlamentares vêm brandindo o alerta para a possibilidade de o tribunal da […]

Questões paralelas

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Vinte e sete anos depois daquela manhã fria de 9 de novembro de 1989, em que o muro de Berlim foi demolido a unha pelos alemães dos dois lados da fronteira, os ventos que marcaram simbolicamente o fim do comunismo na Europa parecem ter chegado ao Planalto Central do Brasil e, em […]

Dilma, quid ploras?

Publicado em ÍNTEGRA

Desde 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Nem ao menos na hora mais grave para todos e particularmente para ela se ouviu, no discurso derradeiro de Dilma Rousseff perante os senadores, qualquer lampejo de sinceridade, capaz de iluminar a própria defesa com os traços incontestes da verdade. Com isso, o pronunciamento, em forma de defesa, ficou mais uma vez, […]

Compasso de espera

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Desde que foi iniciado o processo de impeachment da presidente Dilma, o país inteiro entrou numa espécie de compasso de espera. Para uma nação envolta na maior recessão de toda a sua história, aguardar de forma passiva o desfecho do julgamento da presidente só tem feito piorar a situação econômica de todos, […]

Hora de descer do pódio

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Não é de hoje que brasileiros de todas as idades e gêneros em viagem para o exterior enfrentam os rigores kafquianos das autoridades de imigração, principalmente quando o destino é para os Estados Unidos, o Canadá e a Europa. Vistos pela ótica burocrática dos departamentos que cuidam da entrada de estrangeiros, todos […]

A paz dos cemitérios políticos

Publicado em ÍNTEGRA

Desde 1960 aricunha@dabr.com.br com Circe Cunha e MAMFIL Não se iludam. A indústria da invasão de terras públicas que tantos transtornos vem trazendo para o ordenamento urbano do DF é filha primogênita da emancipação política introduzida na capital. Os outros descendentes diretos desse arranjo maledetto são os escândalos de corrupção contínuos, a divisão da cidade em currais eleitorais, a sangria […]

Você paga e eles se divertem!

Publicado em ÍNTEGRA

DESDE 1960 aricunha@dabr.com.br Circe Cunha com MAMFIL Ou a população de Brasília se une para promover uma reforma verdadeira e profunda no funcionamento da Câmara Legislativa e em todo o quadro político-eleitoral da capital, ou continuará a assistir, de camarote, à sucessão contínua de escândalos de corrupção, com sérios prejuízos não só para a cidade como um todo, mas também […]